terça-feira, 25 de dezembro de 2012

O CORPO DE UMA MULHER NÃO É DA SUA CONTA

Uma leitora anônima deixou os links para essas belas ilustrações. O máximo de autoria que encontrei foi aqui. O tema é que o corpo de uma mulher não é da conta de ninguém, só dela. Neste primeiro quadro, as mãos acusam a mulher de ser uma vadia.
Aqui, outra mulher é acusada e ser "fácil". Como se pode ver, a preocupação toda é para controlar a sexualidade. Quando que um homem é ofendido por ter várias parceiras sexuais? Mas, pra uma mulher, basta ter um (ou mesmo nenhum). Se fez sexo, é vadia e fácil. Se não fez, vai fazer.
Impura. Pensei que tais xingamentos estivessem fora de moda
E se a mulher for virgem, também sobram julgamentos. Aí ela é puritana. A resposta, não importa de quem vem, deve ser a mesma: f*da-se. O que você tem com a minha vida? Por que a minha sexualidade te afronta? Toda mulher já passou por isso. O importante é não baixar a cabeça. Quem está errado é quem quer julgar e condenar, nunca quem exerce sua sexualidade livremente.

76 comentários:

Patty Kirsche disse...

É engraçado que se uma moça passa dos 18 anos sem começar a vida sexual, os caras não acreditam que ela ainda não começou. É tão insuportável como homens acham que sabem de tudo sobre a sexualidade feminina. E na hora de transar, muitos ejaculam logo após a penetração e pensam que se a gente não goza, a culpa é nossa.

Lord Anderson disse...

Pois é... se não da atenção a uma "cantada" é uma esnobe arrogante, se dá é pq é facil.

Se não faz sexo logo num relacionamento é pq esta bancando a dificil, se faz é pq é puta...

se não tem tanto interesse em sexo é frigida, se tem muito é vadia...

não tem como escapar. algumas pessoas simplesmente odeiam a livre sexualidade feminina e fazem de tudo pra controla-la e diminui-la.

pra mim isso só revela as proprias neuroses sexuais dos criticos.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Acho que hoje em dia está complicado, principalmente para as mais novas que tem menos experiência e menos maturidade para lidar com as coisas.
Se já transou tem quem vai jogar pedra, se não transou também tem quem vai jogar.
Acho que as mulheres tem que serem ensinadas desde cedo a serem firmes em suas escolhas e exigirem respeito por elas.

Anônimo disse...

As mulheres têm o direito de dar a quem quiser,mas eu, na qualidade de homem, tenho o direito de ter nojo de mulher promíscua. Simples assim.

lola aronovich disse...

Anônimo inútil das 13:01, defina mulher promíscua. Aí defina nojo. Vc tem nojo de mulher? E não se considera misógino? Então faça o favor também de definir misoginia.
E, sim, vc tem todo o direito de ter relacionamentos de acordo com os seus valores arcaicos e ultrapassados. Assim como cada mulher tem o direito de escolher seus relacionamentos de acordo com os valores delas (mas vcs mascus condenam o direito da mulher em escolher). Só que vai uma diferença gritante entre vc pensar "Ah, essa mulher já teve três amantes na vida, logo é promíscua, e eu só quero me casar com virgem, então não vou querer um relacionamento com ela" e vc apontar pra uma mulher e xingá-la de "VADIA! VAGABUNDA! PUTA! etc etc etc". Vc não tem nada que julgar (e condenar) uma mulher por ela ter uma vida sexual satisfatória, assim como ninguém tem nada que te julgar por vc ser virgem.

Anônimo disse...

Vou falar um pouco da minha experiência: sempre fui muito sensível e tinha receio do que os outros pensariam se me vissem ficando com algum carinha; acabei que fui virgem até os vinte e três anos. E depois que fiz sexo pela primeira vez, demorou até a segunda; com caras diferentes. Então acho que já seria considerada uma promíscua, pois as duas experiências foram casuais.
Lola, o que eu queria dizer é que de uns tempos para cá tenho conseguido me compreender mais, ver quais são as minhas necessidades e não ligar para o que os outros pensam. Tenho buscado satisfação e prazer, não necessariamente um compromisso; então tenho investido em sexo casual, sempre com proteção. A mulher tem que ter o direito de escolha. E se algum babaca falar que não me quer porque eu vivi a minha sexualidade, que se dane!

Anônimo disse...

Anônimo rdículo das 13:01

Você é o mesmo homem que reclama que "mulher que não dá no primeiro encontro é c... doce"

Vocês, mascus, são bipolares....

Anônimo disse...

Lola, a seleção natural vai cuidar dos mascus. Não dê bola, de verdade.

Se ele tem nojo de quem é """"""""promíscua"""""""""", eu tenho nojo^64654644 de que é misógino/homofóbico/racista.

Sara Cerq disse...

nojo de gente "promíscua"?tem que ter nojo de gente que assassina, estupra, rouba, engana, manipula, bate, maltrata, tortura.

como sempre, estamos nos preocupando com as coisas erradas.

Anônimo disse...

A questão não é a livre sexualidade da mulher. É a EXISTÊNCIA dela. Tanto que mesmo sendo virgem, a mulher ainda vai ser importunada por isso.

A única maneira de fazer as pessoas pararem de reclamar sobre mulheres é se todas as mulheres do mundo desaparecerem. Daí vão reclamar que elas não mais existem. Ou com uma revolução cultural, como estamos tentando - e conseguindo.

Eu tenho 19 anos e ainda sou virgem, e caio no rótulo "prude" mostrado. Se você não transa, é falsa santa, se transa uma vez, é impura, se transa de duas ou mais, é puta. Se toda essa vontade de julgar os outros fosse direcionada para fazer pesquisas científicas, já teríamos algumas colônias na Lua.

Por ser virgem, eu sempre fui zoada por todo mundo. Até hoje fazem pressão para que eu "entre para o mercado". E isso só mostra que mulheres são tratadas nessa sociedade como latinha de refrigerante: é irritante quando está fechada, porque é difícil que alguém possa beber; mas se um estreiar e abrir, ela ficará sobre a mesa, disponível para todos, independente de sua vontade. Aquele que beber vai poder reclamar, e o que não beber certamente vai reclamar porque não bebeu.

Diante desse prognóstico, não tenho qualquer vontade que seja de me envolver com alguém, ou "entrar para o mercado". Se é pra ser tratada assim, como criminosa, de qualquer jeito, muito obrigada, continuo virgem que dá menos trabalho. É problema e irritação demais. Do jeito que 'tá, estou fortemente inclinada a me manter virgem para o resto da vida.

Danizita L. disse...

Tá aí, belo exemplo; usar a arte pra passar uma mensagem que nos faz refletir.

luiz disse...

Essa moça que não quer se envolver está no direito dela de escolher não se envolver com ninguém. Só peço a gentileza de não responsabilizar os outros pelas suas escolhas, ok?

Beijos!

Anônimo disse...

A sexualidade feminina só é (relativamente) aceita se for 1) para satisfazer única e exclusivamente os homens; 2) para ser comercializada na forma de pornografia ou para ajudar a vender qualquer outra coisa; 3) para gerar descendentes legítimos.
É inaceitável para maior parte da sociedade que uma mulher faca sexo (ou nao) com outro objetivo que nao seja o de "servir" alguém/algo.

Ana

Agoinski disse...

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Ya1P61zIATY

O fim do mundo, Lola.
Mais um caso de abuso disfarçado.
Homem de 30 anos que vivia supostamente sem saber com a menina de 10 até ele completar 12.

Segundo ele, ele "não sabia", a mãe da menina disse que ela tinha 16, então tudo bem. (há)

E mais, tem slut-shamming nessa merda. Porque o infeliz do abusador que NÃOSABIA(AHAM) diz que a culpa era da menina que andava de roupa curta (ele cita isso umas 5 vezes ao londo do video - roupacurta-) no bar.

Aí os pais, insanos, convidaram o vagabundo para praticar o abuso denteo de casa e morar e *ajudar no aliuguel* com eles. E a menina, segundo ele, que enfiou e manteve ele "nessa". Que ligou e encheu o saco* pra ele voltar porque supostamente estaria grávida.

Sério, Lola. O fim.

Luiza disse...

"luiz disse...
Essa moça que não quer se envolver está no direito dela de escolher não se envolver com ninguém. Só peço a gentileza de não responsabilizar os outros pelas suas escolhas, ok?

Beijos!"

Quem faz isso são vocês, mascuzinhos.

Sofia L.B. disse...

Vi essa imagem no tumblr e amei, que lindo vê-la aqui tb.

___

Lola, vc viu o vídeo da Laci Green contra slut shaming? Tem uma frase genial -que na verdade foi um amigo dela que falou- que é tipo "se vc não respeita vadias, vc não respeita mulheres".

Uma (outra, rs) coisa legal sobre esse vídeo é que ele é feito discordando de um outro, de outra pessoa. Mas a própria Laci Green pede pra não mandarem recados de ódio pra essa pessoa (o que é legal pq a própria Laci Green teve problemas com isso, chegando inclusive a receber ameaças!).

Sofia L.B. disse...

ops, hehehe u.u"

o endereço pra ver o vídeo da Laci Green é esse:
http://www.youtube.com/watch?v=CCw2MzKjpoo

btw, Feliz Natal, Lola! :D

Anônimo disse...

Mulher promiscua = mulher de vários leitos, de vários parceiros, mulher rodada.
Não sou fiscal de vagina.Mas tenho o pleno DIREITO de escolher com quem vou me relacionar.
Nojo = aversão, asco. Tenho esse sentimento em relação a mulheres promíscuas.

Anônimo disse...

Vcs são a favor da promiscuidade feminina, mas são contra a prostituição. Por que sera?

Patrícia Gomes disse...

Acho que vamos bater nesta tecla a cada 5 passos enquanto caminharmos pela liberdade feminina. O marido de uma colega de trabalho assinou uma AUTORIZAÇÃO para ela, de 23 anos, "ligar as trompas". Eu fiquei aterrorizada, não sabia que isso ainda existia e ela disse que nenhum hospital faria sem a autorização dele. Quer exemplo melhor? Agora, uma coisa que não gosto no movimento "o corpo é meu" é ficar sem roupa, expor o corpo (coisa que o homens adoram) como forma de protesto. Pode funcionar no Canadá, mas aqui no Brasil, qdo os caras sabem que vai haver esse tipo de protesto vão é pra olhar e tirar onda mesmo. E será que vale a pena...para provar que o corpo-é-MEU...ter que mostrá-lo a TODO MUNDO?

Patty Kirsche disse...

Eu tenho nojo de homem machista. Simplesmente fico longe deles.

Raziel von Sophia Imbuzeiro disse...

Realmente, uma pessoa tem todo direito em não querer se relacionar com outra por base em sua promiscuidade.

Por outro lado, nenhum direito de OFENDER a outra por parte disso.

E existe um abismo bem grande entre não querer se relacionar(o que é um direito) e ofender(o que certamente não é um direito).

Anônimo disse...

Para um ideólogo, não ter um espantalho para atacar não contribui para lhe dar motivos para se expressar, ou de mesmo ser um ideólogo. Então, não tendo muito do que reclamar e com uma vontade imensa de fazê-lo, é criado espantalhos.

Por que um homem promíscuo é considerado um garanhão, e a mulher promíscua, "vadia"? Parte disto é sociobiológico. O homem, como qualquer outro animal da Terra, investe para passar seus genes adiante.

Anônimo disse...

Isso vale para todo mundo? então por que reclamam de homens pegadores que nos tratam comno corpos desfrutáveis? feminismo realmente é muito contraditório....e por que diabos neste blog só tem sexo e mais sexo? nossa liberdade é pautada nisso? feministas nos enchergam como os machitas: vaginas ambulantes!!

ana lucia

Luiz disse...

Eu comecei a ler o blog da Lola por indicação de uma amiga que é feminista, pois depois de conversar com ela numa mesa de bar fiquei sabendo que às vezes eu tinha atitudes machistas e opressivas, como ter segundas intenções com uma mulher ao abrir a porta do carro. Além disso, muitas atitudes que eu considerava dentro do jogo de sedução foram classificadas como machismo.(Antes de mais nada, nunca embebedei mulher nenhuma para levar pra cama, tá! Tudo tem limite!) Não estou sendo hipócrita, juro pra dona do Blog e para e seus leitores que fiquei surpreso ao ser classificado como opressor.(A conversa com essa minha amiga foi civilizada, é bom deixar claro para não acharem que foi um bate-boca ou coisa do tipo) Bem, quem me alertou sobre isso, como disse ali em cima, foi uma amiga. Eu respeito as feministas, mas muitas vezes elas me confundem. Por exemplo, eu sou a favor de a mulher escolher se vai ou não abortar, acho que as mulheres devem se vestir como bem entendem e por aí vão minhas opiniões que são semelhantes às das feministas. Agora, antes de entrar aqui, nem sabia da existência desse tal mascus, mas pelas descrições da Lola, percebo que são um bando de abobados! Mas a maiorias dos homens, ao que me parece, não são mascus, ou me engano? Voltando à questão de uma menina aqui ter dito que é provável que fique virgem pra sempre, bem, isso é uma escolha, ou não? Tenho muitas amigas, e a maioria delas diz não se sentirem assim tão oprimidas pela sociedade e tal, dizem que são indivíduos relativamente livres para fazer suas escolhas. E quem não concordar com suas, delas, escolhas que vá plantar batatas! Talvez tenha me perdido no que eu queria falar, mas só reafirmo que o indivíduo deve fazer suas escolhas e não responsabilizar tanto assim os outros.

Beijos!

Anônimo disse...

Para Sara Cerq:

Eu tenho nojo de gente que assassina, estupra, rouba, engana, manipula, bate, maltrata, tortura...sou, inclusive a favor da pena de morte.
Homem que agride mulher deve ser preso, apesar de eu conhecer várias mulheres que não largam o osso do agressor.
Inclua na lista do meu nojo traficantes e toxicômanos (conhecidos pelo eufemismo de "usuários"). Vocês , esquerdistas é que gostam de bandidos, e de defender o direito deles - a menos que trate-se um agressor de uma "minoria oprimida", como de negros, mulheres, gays, etc.

Raziel von Sophia Imbuzeiro disse...

Ofender mulher "promíscua" por não gostar de se relacionar com mulheres "promíscuas" nunca me pareceu muito diferente de cuspir num açougueiro por não gostar de picanha. A diferença é que enquanto o segundo é absurdo, o primeiro é regra.

lola aronovich disse...

Aham, sim, "Ana Lucia", acredito muito que vc seja uma mulher, e não um mascu semi-alfabetizado... Querida, quem aqui neste blog reclama de homens pegadores que nos tratam como corpos desfrutáveis? Por favor, aponte um post entre 2,800 a sua disposição que reclame disso. E que legal vc achar que neste blog só tem sexo e mais sexo! Veja, por exemplo, os posts de dezembro (estão numa lista aí do lado direito), e me indique quantos são sobre sexo. E sim, o principal controle que o patriarcado quer exercer sobre as mulheres é pelo corpo delas. Isso é meio história básica do mundo, sabe?


Anônimo das 18:03, por quantos leitos uma mulher deve passar para que vc a considere promíscua e, assim, tenha nojo dela? Seja objetivo! E, no estranho conceito mascu de que vagina alarga com o uso, uma mulher que transar todo dia com um só parceiro será mais "rodada" que uma que transar apenas 30 dias do ano com 30 parceiros diferentes. Ambas são rodadas? Ambas são promíscuas? Ambas te causam nojo?

Sara disse...

q conhecidencia anon 18.03hs tenho nojo asco repulsa por gente como vc...

Anônimo disse...

È isso mesmo,prezada Patty Kitchen

Você tem pleno direito de ter nojo de homem machista e querer ficar longe deles. O corpo é seu, a vida é sua, nenhum homem machista tem o DIREITO de lhe tocar se você não quiser.
Assim como eu jamais me relacionaria com uma mulher promíscua, e tenho ESSE DIREITO. O pênis é meu e eu faço dele o que eu quiser: MY DICK; MY RULES.

Dani Ferron disse...

Oi Lola, tudo bem?

Sempre acompanho o blog mas nunca comento. Adoro ele, obrigada pelas postagens!

Hoje vi, num grupo do facebook que acompanho, a denúncia de um site da UOL, que veicula vídeos pornôs que simulam estupro. Isso é uma tremenda apologia ao estupro, fiquei indignada quando vi!! Vc sabe como ajudar a tirar o site do ar?

Algumas pessoas do grupo estão denunciando o site na PF ou na UOL, precisamos tirar esse site do ar!!

Segue o link da matéria que fala sobre o site

http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/88821/Uol-mostra-estupro-para-quem-diz-ter-18-anos.htm

Anônimo disse...

"Vcs são a favor da promiscuidade feminina, mas são contra a prostituição. Por que sera?"

1. Tem gente que é contra a prostituição. Tem gente que não.

2. Dificilmente o lucro da prostituta fica apenas para ela.

3. A dita mulher promíscua é a que faz sexo por prazer.

4. Baseando-se nisso, há uma diferença entre prostituição (dinheiro) e promiscuidade (faz porque tá a fim).

@vbfri disse...

Ai gente... Mascus me dão um sono...

Anônimo do nojinho: filho, senta aqui... Deixa eu te contar uma coisa... Se você continuar falando essas coisas, mulher NENHUMA vai querer ficar com você. Nem a virgem, nem a "rodada" (a que você tem nojinho).
E, se mais algum masculinista acha que a mulher gosta de "cafa" e não de cara "bonzinho" como ele (mascu troll... super bonzinho), deixa eu contar um segredo:
Mulher gosta de cara gente boa, divertido, sem neuras. Não aqueles que fazem algo por elas esperando algo EM TROCA. Não é assim que as coisas funcionam.
O pessoal já falou (em algum post, em algum lugar), mulher não é caça-níqueis. Não é botando fichinha que "obriga" ela a abrir as pernas. Assim como não é porque a mulher é bacana com vocês que vocês são "obrigados" a namorar com elas. Ninguém é "obrigado" a nada.
Olha, muitas e muitas vezes eu fui afim de carinhas que não estavam nem aí pra mim. Outras vezes fiquei apaixonadinha por caras que, por algum motivo, não sentiram o mesmo por mim. Poucas vezes (mas, ainda assim, algumas), um carinha se apaixonou por mim e eu tive que dizer que não sentia o mesmo.
Gente, ISSO ACONTECE!
A pessoa que te dá um fora NÃO está sendo cruel/babaca/o que quer que seja! Ela está sendo sincera, com ela e contigo. AGRADEÇA! Levar um fora faz parte!
Não tem essa de "mulheres são más" (e nem homens, tá?). Existem, sim, pessoas babacas. Dos dois sexos.
Só o fato de você ser masculinista (e TROLL), já mostra o porquê da sua falta de sucesso com as mulheres! Sério, filho... Vocêe está sendo BABACA. Aí, como a gente atrai semelhantes, vai encontrar mulher babaca! Ó que coisa!
Quer conseguir um grande amor? Ou qualquer coisa na vida? SEJA FELIZ! Pessoas adoram pessoas de bem com a vida.
E seja feliz independente do resto das coisas.
Olha a Lola. A felicidade da Lola chega a incomodar vocês. Ela transou com um montão de gente e hoje está casada, monogâmica, feliz e contente com um cara que, ao que tudo indica, é feliz da vida com ela (e, provavelmente, seria feliz da vida solteiro, já que ela não é a razão da existência dele e nem ele é a razão da existência dela).
Pára de procurar pêlo em ovo, minha gente. A vida pode ser bacana demais. Vai viver e larga esse ódio pra lá.
Já ouviram que ter ódio é que nem tomar veneno esperando que OUTRA pessoa morra? Pois é.
Sejam felizes. Todo o resto vai se acertar depois disso. Prometo!

@vbfri disse...

Assim como eu jamais me relacionaria com uma mulher promíscua, e tenho ESSE DIREITO. O pênis é meu e eu faço dele o que eu quiser: MY DICK; MY RULES.
---
Filho, você tá fazendo isso errado...

Anônimo disse...

Assim como eu jamais me relacionaria com uma mulher promíscua, e tenho ESSE DIREITO. O pênis é meu e eu faço dele o que eu quiser: MY DICK; MY RULES.

Ficou engraçado, kkkkkk... Do jeito que o sujeito fala até dá impressão que tem alguém aqui tentando convencê-lo a se relacionar.
Não tem, meu filho. Relaxa e volta pro seu todynho que ninguém aqui fez post ou comentário porque tá te querendo.

Luiz disse...

Escuta, não tenho a mínima intenção de trollar e tampouco sou bomzinho. Entrei aqui para entender de coisas que não entendo. ok? Agora, que diabos de chamar todo mundo de mascus, não que eu me ofenda particularmente com isso, até porque não me encaixo na definição de mascus, mas é que essa classificação inviabiliza qualquer debate. Enfim, não são todas as mulheres que se sentem acuadas ou hostilizadas pelos homens. Simples, pô! Elas exercem suas liberdades - e aqui vai desde a escolha profissional até com irão ou não transar - sem darem a mínima para a opinião dos outros. E, sinceramente, são as mulheres mais felizes e realizadas que eu conheço, essas que não se importam com a opinião da tal sociedade, diferente da menina (Pô, vou ter de usar o caso dela outra vez como exemplo) que diz que permanecerá virgem por culpa da opinião alheia.
Arrogantemente dou um conselho para essa menina: moça, o que tu faz ou deixa de fazer é problema teu, caramba! Pare de ligar para a opinião dos outros! Exerça seus diretos individuais!

Beijos!

Pili disse...

Aí é que tá, Patrícia... Não tem que. Rs. Mostra quem acha bom/importante/interessante. E essas não deveriam, definitivamente, ser presas por andar tal qual homens. ;)

Anônimo disse...


Raziel disse:
'Ofender mulher "promíscua" por não gostar de se relacionar com mulheres "promíscuas" nunca me pareceu muito diferente de cuspir num açougueiro por não gostar de picanha'.

ERRADO: Se não gosto de picanha, vou ao açougue e exerço meu DIREITO de comprar maminha ou costela.

Wikcionário: promíscux é quem tem vários parceiros sexuais. Ou seja, aplica-se a homens e mulheres. Não é ofensa chamar as coisas pelo nome.

Anônimo disse...

Ah, e nunca vi um HOMEM hostilizar ou discriminar uma virgem. Quem o faz são as outras mulheres, desde a escola, onde garotas de 12, 13 anos que nunca beijaram são chamadas de BV pelas pares.
Quem é que costuma chamar as solteiras (inclusive jovens virgens) de "recalcadas", "encalhadas"? são homens?

julio cruz disse...

lola texto bacana, muito legal. mas so uma duvida... e se ela quiser ser submissa como a tia do diante do trono?

Rebecca Souza disse...

Eu acho que a grande sacada é``nem santa,nem puta ,livre!`´netse momento estou passando pela situação que esse post fala.EU era virgen e com 27 anos,isso vira motivo para vc ser a piada de todo mundo e vitima de planos infaliveis(houve até uma amiga que propos pagar um cara para tirar minha virgindade)a dois meses conheci um rapaz e estamos namorando,ele me aceitou do jeito que sou bisexual,feminista e livre e para minha alegria descobri que ele tambem é feminista,inclusive com fama de gay pelos amigos e amigas por criticar o patriarcado em varias situações,pois bem,eu perdi a virgindade com ele a 5 dias e acredite antes que isso acontece-se,só pq acampamos juntos,virei a (desculpe a expressão)``maria trepadeira``para todo mundo,unicamente pq com uma semana fomos acampar juntos.OU seja quando eu era virgem era errado,quando na cabeça das pessoas com uma semana já estavamos transando,eu era a vadia,a santa do pau oco,fora os comentarios que iam deste o fato de sempre ter me relacionado com mulheres,passando pelo fato de que sou gordinha e ele um cara esteticamente bonito,e até mesmo amigos dele que o alertaram que pelo fato de ser bisexual,seria``promiscua``e se ele tinha certeza se eu era virgem mesmo! ou seja a sociedade sempre vai nos rotular por nossa experiencia ou inexperiencia sexual,mas sabe o que importa?que sejamos felizes de qualquer forma e dane-se o que as pessoas pensam.E posso garatir que estou muito feliz!

Bizzys disse...

Peço desculpas por vir avacalhar nos comentários, mas lendo essas respostas dos mascus, só consigo pensar em uma coisa: como diabos eles "selecionam" as mulheres virgens para se relacionar?

Porque né? Ele se interessa por uma mulher, vai lá e pergunta imediatamente se ela é virgem?
"Estou perguntando porque eu só me relaciono com mulheres não rodadas. My dick, my rules, sabe como é, né?"

Fico aqui imaginando a cena: um mascu, por milagre, consegue que uma moça aceite sair com ele para jantar. De repente, no meio da conversa, o cara solta a pérola:
"Então... Você é virgem?"
"Hã... Não."
Aí o mascu vira a cara pro lado, cospe no chão, levanta, diz "tenho nojo de vocês, vadias" e vai embora.


Depois eles reclamam que ninguém quer nada com eles...

Patty Kirsche disse...

Esses mascus punheteiros são tão engraçados... Parece que a falta de sexo afeta o raciocínio deles, então eles começam a dizer coisas sem sentido. Enfim, são divertidos de se observar. Mas ainda bem que conheço vários homens bonitos e feministas para me relacionar. Se não, não sei o que seria de mim!

Luiz disse...

Taí finalmente alguém concordando comigo: Rebecca Souza disse...''que sejamos felizes de qualquer forma e dane-se o que as pessoas pensam''

É disso que to falando.

Todo mundo julga todo mundo!

Agora, deixar que esse julgamentos interfiram nas suas escolhas é se auto-reprimir! Que se danem os outros! Deixem que falam!

Anônimo disse...

Da próxima vez que um masculinista disser que estupro de mulheres é uma vantagem evolutiva para os homens, diga para eles que matar estupradores é uma vantagem evolutiva para as mulheres.

Anônimo disse...

Assim, querer casar com uma virgem, por mim, vai de cada um.

Agora, há um abismo TREMENDO entre você não gostar de uma garota que exerce sua liberdade sexual e ofender uma garota que exerce sua liberdade sexual.

Eu só imagino que seja triste pra caramba se encantar com uma garota, conhecer ela e no final descartar esse relacionamento só pq a guria já teve vários parceiros.

Gi disse...

Oi Lola, você conhece essa campanha? http://www.thisisnotaninvitationtorapeme.co.uk/home/ Têm umas imagens boas tb. :)

Anônimo disse...

Ser tachado de gay por ser homen feminista? bem vindo ao clube! Eu nem me importo com oque as pessoas fazem com a vida delas desde de que,elas não estraguem o mundo e nem a minha vida,fora isso foda-se! Eu por exemplo sou assexual,realmente eu não tenho nada relacionado a sexualidade e dai? metade do meu grupo de amizades e de mulheres e dai? eu odeio magoar pessoas,e dai? tenho amigos gays e dai? em minha opnião todos nos somos vermes,mas devemos procurar uma forma de nos limparmos! eu tenho gostos bem especificos,e fico feliz ao encontrar alguem que tambem goste,não entendo os machistas que não gostam de mulheres com os mesmos gostos que eles,tipo eles querem uma mulher que não goste de sexo pra obrigar a fazer com ele?pra que se e so pegar uma que gosta e foda-se? eu gosto de física,animes/mangas, culinária,politica, games, artes marciais, armas de corte e explosivos,todos gostos raros,certo? pra mim converssar deces assuntos é ótimo,assim como sexo é pros machistas... mas eu gosto de conversar deces assuntos com quem intende,pois a conversaa flui! por favor,me explique qual a lógica de afastar as pessoas de mesmos intereces de vcs? mascus,podem explicar,por que vcs não querem mulheres que gostem de sexo tanto quanto vcs? Eu tenho algumas amigas que gostam de mim,um amigo gay que gosta de mim,e eu não tenho desejo sexual por eles,mas morreria pra salva-los,entende? uma coisa que me irrita é associarem oque não tem nada havee,tipo bissexualidade e perverção...pra mim cada um é livre pra fazer oque quizer des de que não aja contra o mundo! sei que tenho defeitos(como ser extremamente manipulador e frio) mas quero evoluir,quem não quer? desejo que morram! eu quero cada vez mais pessoas com os mesmos entereces que eu! vamos lá!

ass,arthur +1 verme

ps como crio um nick pra parar de ser anonimo?

Raziel von Sophia Imbuzeiro disse...

+1 verme,

É só fazer uma conta no blogspot e comentar logado. Conta do blogspot geralmente é extensão de conta google.

Alias, assexual? Tu tens uma fã, rapaz. Qual teu segredo? =/

Anônimo disse...

Quantos parceiros uma mulher deve ter para ser promiscua? E quantas parceiras um homem deve ter para ser promiscuo?
Porque, sabe como é, o que é valido para um lado, é valido para o outro. Ou você haja que homem não deveria ser taxado de promiscuo ou de puto por ter transado? E nem vem com aquele história de chave mestra que abre varias portas. Não faz sentido dizer que homens podem transar com quantas quiser, mas mulheres não, sendo que um homem precisa de uma mulher para transar.

Raziel von Sophia Imbuzeiro disse...

Ah, a assexualidade, às vezes me pergunto se não sou apenas ginorromântica mas um pouco assexual.
Nunca achei muita graça em sexo, de fato, com minhas namoradas eu fazia sexo pelo amor, pelo momento, pelas carícias, pela intimidade e "significado" e adorava(ou seja, "fazia amor"), mas orgasmo eu não tinha e nem queria ter.(namorada sempre tinha vários, para a sorte dela =P )

Quando me masturbo, é só por alívio químico e em geral me sinto uma junkie: Tenho tremores, espasmos, gemidos, uns choques e puft, me aliviei mas não ganhei nada com isso, só um espasmo e um alívio de pressão química e fim.
E nunca curti "hardporn", gosto só de erotismo gótico, clássico e femdom preferencialmente sem nudez ou BEM artístico. (como diria um amigo: Minha punhetinha é culta)

Mas esses assexuais aparentemente arromânticos... Ah. são muito barra pesada e às vezes eu queria ser como eles =(

Sara disse...

http://br.financas.yahoo.com/noticias/iowa-permitir%c3%a1-que-empresas-demitam-empregados-muito-atraentes-132119130.html

É o fim da picada, estamos discutindo aqui que o corpo da mulher não é da conta de ninguem, e vejam só essa decisão judicial, que considera justa a demissão de 'um funcionário' (exclusivamente mulheres) pq duvido q algum homem seria atingido por esse tipo de decisão judicial, APENAS POR ELA SER CONSIDERADA BONITA.

Anônimo disse...

Alguém aí perguntou: "Por que homem que pega todas é garanhão e mulher que transa com muitos é vadia?" Deve ser pelo mesmo motivo que mulher traída é vítima e homem traído é corno...

Anônimo disse...

Mulher rodada? O anônimo precisa fazer análise, confunde mulher com objeto, quantos quilômetros uma mulher precisa fazer para ser rodada? Confunde carro com mulher? Era só o que faltava... Talvez rodada seja sua insegurança em se manter ou participar de uma relação que não seja objetal. Provavelmente não seja o seu caso (afinal se fosse vc seria um doente), mas só o fato de falar essas besteiras, sem questionar o que pensa, já o coloca em uma posição infeliz, é o sentimento que é possível ter em relação a você. O nojo, a repugnância, o asco, vc aproveita e também leva para o divã: quem sabe descobre por quem, pela primeira vez, teve essa sensação de comoção. Garanto que você pode se surpreender... exatamente pq. também, pela primeira vez, você não pode ser dono dela...

Fábio R.

Jéssica disse...

Tem gente que parece quanto mais o tempo passa, quanto mais as coisas evoluam a mente ainda fica do mesmo tamanho! NOSSO CORPO É O NOSSO TERRITÓRIO mulher é mulher do jeito que é e chega de mulher fácil, difícil por favor isso é coisa arcaica demais e pra quem pensa assim só dou este grito NEM PUTA NEM SANTA E SIM MULHER!

Carol NLG disse...

Anônimo disse:
Alguém aí perguntou: "Por que homem que pega todas é garanhão e mulher que transa com muitos é vadia?" Deve ser pelo mesmo motivo que mulher traída é vítima e homem traído é corno...

------------

Sim, o mesmíssimo motivo. Chama-se machismo. Queremos acabar com ele.

Guimn disse...

Lola, salvei as imagens para postar no Facebook. E esses nomes dos arquivos, por que essa bagunça? hehe

Raziel von Sophia Imbuzeiro disse...

>Exige boa aparência
>Demite quem é muito aparente.



A vida não está uma delícia para ninguém.

Lokkka disse...

Quem está errado é quem quer julgar e condenar, nunca quem exerce sua sexualidade livremente.


Ta ae algo que eu precisava ler.

Eu tava ate pensando esses tempos, o quanto as pessoas comentam sobre a vida sexual alheia, enquanto as delas ficam as traças. Ta sozinhx? namorando? casadx? numa relaçao sem rotulos, simplesmente vivendo? sempre vai ter alguem pra dar pitaco, pra dizer como devia ser, pra tentar encucar neuras nas pessoas.

E tudo isso prq? pra tentar se sentir melhor talvez?

Li Uma entrevista do Gaiarsa que ele dizia que todxs vigiam todxs pra impedir que se faça o que todxs querem fazer.

Achei isso genial e dignissimo, todo esse odio, fala muito mais sobre quem ofende que sobre quem esta sendo ofendida.

Enfim, gosto muito do teu blog, acho que o feminismo de fato liberta muito os homens tambem, principalmente os que querem se desprender de heteronormatividade, ciume, sentimento de posse...

Agoinski disse...

^mesmo motivo han?

Ah, sim! Machismo!

Anônimo disse...

viu isso?
http://www1.folha.uol.com.br/colunas/patriciacamposmello/1206309-estupro-merecido.shtml?fb_action_ids=10151310115939019&fb_action_types=og.recommends&fb_source=other_multiline&action_object_map={%2210151310115939019%22%3A517518024949539}&action_type_map={%2210151310115939019%22%3A%22og.recommends%22}&action_ref_map=[]

Pedro disse...

Lola, um pouco parecido com esse tema, você já viu o filme Easy A (A Mentira)? É uma comédia adolescente, mas totalmente diferente desses american pie da vida, é baseada n'A Letra Escarlate.
A protagonista, Emma Stone, conta uma mentira pra uma amiga, diz que transou com um cara, e a história se espalha e ela começa a ser taxada de vadia e fácil e p*ta e tudo o mais, e resolve entrar na dança, assumindo um alter-ego de vadia mesmo sem ser.
É bem interessante, e aborda de uma forma bem leve esse tópico da imposição da sociedade sobre o comportamento sexual da mulher (no filme, quem espalha o boato é a beata puritana que julga todo mundo).

Anônimo disse...

Vou pegar um gancho no que a Lokka disse.

Eu não entendo o porque de todas essas pessoas quererem saber da sua vida pessoal/afetiva, algumas pessoas chegam a ser chatas. Ainda mais no meu caso onde tenho 30 anos, não sou casado, nãoi sou nouvo e nem estou namorando. Ai vêm um monte de gente insinuar que a minha vida é ruim, dizendo que ninguém pode viver bem sozinho. Mas quando eu me defendo dizendo que eu não tô feliz, mas também não estou triste com a situação e que estou aproveitando a minha vida de outra forma, principalmente as mulheres começam a me olhar torto e me tratar de uma maneira um tanto quando discriminatória, algumas até insinuando que eu sou Gay. Já perdi amigos assim, a namorada começava esse tipo de conversa comigo e quando via que eu não era um típico cara padrão, logo arrumava um jeito de afastar o amigo de mim. Mas o que eu quero realmente dize, oque uma mulher faz com o corpo dela, não diz respeito a ninguém. O estilo de vida que ela adota para ela não diz respeito a ninguém só a ela mesma. A úinica coisa que ela têm de ter em mente é que ela têm que arcar com o Bônus e o Ônus das situações. Aliás não só as mulheres, o que todo mundo faz com o sue corpo e com sua vida não diz respeito a ninguém. Só temos que sempre arcar com o Bônus e o ônus disso.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Taí uma coisa que não dá pra ter certeza, o número de pessoas com quem alguém já transou, porque a pessoa pode simplesmente não responder ou até mentir pra mais ou pra menos.
E eu que achava que depois que se sai da adolescência é até um pouco infantil perguntar pra um amigx ou namoradx o número de parceiros sexuais que já teve...
Sei lá. Fica parecendo quando a gente é adolescente, se junta com amigos e faz uma listinha de quantos já beijou, quem é o mais o bonito da sala, com quem ficaria, com quem não ficaria.

yulia2 disse...

Como diz o velho jargão mais realista do que nunca

crime é ser mulher.

yulia2 disse...

Mulher promiscua = mulher de vários leitos, de vários parceiros, mulher rodada.
Não sou fiscal de vagina.Mas tenho o pleno DIREITO de escolher com quem vou me relacionar.
Nojo = aversão, asco. Tenho esse sentimento em relação a mulheres promíscuas.
__________________

e mulher tem nojo de misóginos boçais feito vc.

depois um trolha desse vem aqui chorar que ta encalhado na friedzone que a mulher que ele considera (promíscua) ou seja, todas tem obrigação de se deitar com um tipo escroto desse.

yulia2 disse...

Ah, e nunca vi um HOMEM hostilizar ou discriminar uma virgem. Quem o faz são as outras mulheres, desde a escola, onde garotas de 12, 13 anos que nunca beijaram são chamadas de BV pelas pares.
Quem é que costuma chamar as solteiras (inclusive jovens virgens) de "recalcadas", "encalhadas"? são homens?
_______________________

falou bobagem.
já fui hostilizada por homens no tempo que eu era virgem sim por ser virgem.
e sim homem também ofende e muito mulher solteira, aliás ofendem bem mais que as próprias mulheres..

vc mascu deveria saber dissso

Anônimo disse...

Eu namorei por 10 ano e fazia sexo quase todos os dias com meu (ex) namorado. Dá algo em torno de 3600 vezes. Sou promíscua, sou rodada?

Guimn disse...

Um grupo de amigos meu tem até um apelido para uma menina porque ela é virgem.

Não, esse tipo de bullying não é só feito por mulheres.

Anônimo disse...

versao machista("machismo" segundo vossa visão)
homem que pega todas : garanhao
mulher que pega todos: vadia

versao feminista
homem que pega todas: galinha,safado,homem só pensa nisso...

mulher que pega todos :uma mulher liberal usando seu corpo da maneira que bem entende !!!NÃO CRITIQUE !!!

Anônimo disse...

Raziel,muito obrigado por me encinar a logar! amanhã farei uma conta google pra mim! sobre ser assexual ,eu sou estranho,pois não tenho nenhu desejo físico nem por homens,nem por mulheres e nem me masturbando... realmente eu não tenho o instinto,mas eu me apego emocionalmente com amigas e amigos e agora pela primeira vez sinto vontade de andar de mãos dadas com uma amiga e preparar um jantar a luz de velas pra ela,mas ai eu tento penssar ,"e se ela tentar me beijar" ai eu começo a passar mal! O pior e que ela gosta de mim tambem e já sabe que eu sou assexual ,ai penssa se eu falo com ela e ela aceita... legal, tirei algo(o sexo e a perte mais física da relação) de alguem que eu gosto pra me sentir feliz! pra mim isso não e me importar, e como me importo e amo, a plena felicidade dela vale mais que a minha! simples assim! quero apenas que ela sorria! Bom ,agora entrando no assunto de fato... Tem uma amiga minha(outra) que é bissexual e o povo sempre acha que ela é promiscua(nada contra promiscuidade pois a mulher é dona de si,oque me irrita é julgarem alguem sem conhecer) ai acham que ela vai topar toda a merda que o bostinha propor,mas não é assim que a banda toca,o sonho da minha amiga é um relacionamento monogamico ,sem traição e bem quetinha na dela,mas ela não sabe se com um homem ou com uma mulher.Eu queria matar o ex dela,ele dice quando terminou com ela "eu só fiquei com vc pra ter uma desculpa pra pegar 2 ao mesmo tempo" e ela sempre foi fiel a ele,e por essa razão ele terminou com ela,afinal ela é bissexual,então a promiscuidade vem de bringe...cara serio,quando usam orientação sexual e aparencia pra medir valor de uma pessoa ou deduzir algo me enoja!

ass arthur +1 verme

annderson disse...

cara esse estupro na india me deu vontade de vomitar, alias parei de ver tv por causa disso, não consigo ver essas noticias violentas, revoltante

Anônimo disse...

Homem: Você é uma vagabunda.
Mulher: Não, eu não sou!
Homem: Vadia.
_____________________________

Homem: Você é uma vagabunda.
Mulher: Sim! Eu sou uma vagabunda com orgulho! Eu sou uma grande vagabunda, a mais vadia da cidade das vadias, sim sim isso é empoderamento!
Homem: Veja, ela mesma admite que é uma vadia.
_____________________________

A moral dessa história é que os homens são grosseiros, abusivos, idiotas misóginos quer você reivindique ~retomar~ uma palavra ou não. Eles não se importam como você ~se sente~ sobre as palavras. Eles não vão tratar você ou outras mulheres de forma diferente porque você mudou o jeito como pessoalmente percebe ser chamada de "vagabunda"/"vadia".

Anônimo disse...

Eu realmente acredito que todos tem direito de escolhas, principalmente quando falamos de sexualidade. Uma mulher tem o direito de viver plenamente sua sexualidade, mas tem que assumir as consequências de seus atos, isto inclui principlmente gravidez e julgamentos dos outros. As pessoas tem o direito de pensarem diferente de serem de esquerda ou de direita. Eu como homem tenho direito de escolher que tipo de mulher eu quero, se quero sexo casual procuro uma mulher que me mostre abertura pra isso, ou recorro a uma profissional, mas se quero um relacionamento mais sério, vou procurar mulheres que me apresentem menor propensão para o sexo casual e menos experiência sexual. Isso é escolha minha, tenho o direito de agir e pensar assim, e se alguém se julga no direito de me chamar de machista deve reconhecer o direito dos outros de considerar uma mulher mas acessível sexualmente de fácil ou promíscua.

Anônimo disse...

Leio muito esse maravilhoso blog, mas nunca comento. Hoje tomei coragem.

Falando sobre sexo, mesmo a mulher sendo virgem pode ser "desrespeitada". Tenho um exemplo: Deixei de ser virgem com quase 24 anos de idade, simplesmente por puro romantismo.
Um pouco antes disso, conheci um cara aparentemente legal, e depois de algum tempo, ele mesmo perguntou: "Tu parece ser virgem, fala a verdade?"
Bem, acabei afirmando que sim, sou virgem, mesmo morando em cidade grande, estudando em uma boa universidade, sendo bonita etc.

E tu acreditas no que ele me respondeu depois? "Humm, olha, pensando bem deve ser algo perigoso namorar uma virgem. Imagina depois de casada? A mulher vai ficar CURIOSA por nunca ter tido nenhum outro homem e vai logo TRAIR.

Hahaha! Depois dessa, descobri o que alguns homens( nem todos, ok?) querem: SEXO SEM COMPROMISSO.

Cuidado com os homens pseudo-feministas, na verdade eles querem que as mulheres pagam pelo cinema, jantar e se bobear ate' pelo motel!

P.S.:Perdoem-me por escrever tanto.

Anônimo disse...

Esqueci de mais uma coisa: quando a palavra mulher promiscua aparece, pergunto-me o que de fato seria uma mulher agindo com promiscuidade.

Falando como mulher, acredito que seja mais raro do que parece encontrar a genuina "mulher promiscua" ainda mais quando comparada com um homem.

O motivo pelo qual menciono a palavra raridade vem ao simples fato de que quase toda a mulher - pelo menos as que tenho conhecimento - acabam fazendo sexo com um homem que possua algo 'especial', pode ser um jeito mais carinhoso, um olhar compreensivo...e que, infelizmente muitas dessas mulheres taxadas de promiscuas venham a ficarem apaixonadas de alguma forma.

Finalizando, queria responder ao anonimo do dia 26/03/ 2013, que quando tu mencionas " as mulheres devem assumir as consequencias de seus atos, isso inclui principalmente GRAVIDEZ..."
Para as inteligentes, meia palavra basta. O cara quer transar, gozar e depois, se mandar.

Muito cuidado com os pseudo-feministas, por mais estranho que venha a ser meu comentario, muitos dos que defendem a igualdade feminina, no fundo querem mais e' serem sustentados pelas mulheres.
Homem machista pode ser algo que incomoda, mas ainda assim e' melhor que esses falsos feministas.