quarta-feira, 9 de novembro de 2016

A VITÓRIA DO TROLL

Pois é, parece um pesadelo, mas não é: Donald Trump é oficialmente o 45o presidente dos EUA. 
Não só uma mulher foi derrotada, mas foi derrotada por um cara com centenas de declarações machistas. Trump é um homem abertamente preconceituoso, que tem orgulho dos seus preconceitos, que odeia mulheres. "Como assim, odeia mulheres, se ele foi casado com várias, e até tem mãe que é uma?", perguntariam seres sem inteligência. Ah, certo, Trump gosta de modelos. Mas todas suas declarações sobre mulheres que não são modelos são as piores possíveis. Exatamente como os trolls da internet. 
Os Simpsons previu a vitória de
Trump. Michael Moore também
É só ver como Trump e seus seguidores trataram sua oponente. Em agosto, o candidato republicano sugeriu que Hillary Clinton deveria ser assassinada. Nos debates, abundavam piadas de estupro. Em outubro, nas manifestações trumposas, seus seguidores gritavam "Prendam ela! Prendam ela!" (Lock her up). 
É sem dúvida uma vitória do ódio, dos chans anônimos da internet, dos covardes que nunca têm coragem de dar as caras. Trump e Bolsonaro dão as caras por eles, e por isso são tão admirados por essa corja de Rambos do Teclado. 
Um dos porta-vozes do ódio é um mascutroll que atua nos EUA, Milo (expulso do Twitter após liderar uma campanha racista e misógina contra uma das atrizes de Caça Fantasmas). Milo, que chama Trump de "daddy", diz em suas palestras (é, um sujeito desses dá palestras): "Precisamos fazer a América odiar de novo", um trocadilho com o "Make America Great Again" (Faça a América Grande de Novo) do seu candidato. "Daddy vai restaurar a força e a masculinidade como virtudes na América", disse o troll profissional.
Modo da direita celebrar a derrota
de uma candidata: "Desculpe,
madames. Voltem pra cozinha"
E não é coincidência que todos os neonazistas do mundo estão celebrando a vitória do "agente laranja".
Pra mim, a vitória de Trump é uma prova de que brasileiro vota melhor que americano. Porque aqui um Bolsonaro nunca vai se eleger presidente. Pelo menos não enquanto tivermos dois turnos, porque sua rejeição é muito maior que o número de seus (ruidosos) seguidores. 
Montagem racista
Porém, nem o meu eterno otimismo desfaz o meu choque neste momento. Pra começar, as pesquisas erraram. Muito mais que o "voto envergonhado" (muito comum em candidatos de direita), ninguém previa que tantos homens brancos iriam se dar ao luxo de sair pra votar (nos EUA, o voto não é obrigatório). Anteontem, em oito pesquisas divulgadas, Trump só aparecia na frente em uma delas. As projeções é que Hillary teria entre 70 e 90% de chances de vencer.
A gente podia estar comemorando a primeira presidenta da história dos EUA. Uma candidata longe do ideal, também de direita, como seu oponente, mas certamente não estaria este clima de velório e perplexidade se Hillary tivesse sido eleita. Seria bonito ter a primeira mulher depois do primeiro negro. E mais bonito ainda seria ver a derrota do troll. Não foi isso que aconteceu. Elegeram um corrupto megalomaníaco que se orgulha de sonegar impostos e que nunca exerceu um cargo político. 
Como o mundo está reagindo a esta surpresa desagradável, pra usar um eufemismo: durante a madrugada, um site de imigração para o Canadá caiu por excesso de tráfego. A representante da extrema direita na França, Marine Le Pen, parabenizou Trump e "os americanos livres". Putin afirmou que agora os laços entre Rússia e EUA serão restabelecidos. No Twitter, brasileiros estão deixando seu recado: #Cancela2016, #FicaObamaVaiTerBolo, #VoltaObama. Nos EUA, americanos atordoados (porque se tá ruim pra gente, imagina pra eles) escrevem #RIPAmerica e #HesNotMyPresident (ele não é o meu presidente). Minha mais profunda solidariedade a todos meus amigos americanos.
Pelos votos populares, Hillary e Trump estiveram rigorosamente empatados, com uma pequena vantagem para Hillary. Pelo jeito, pelo voto popular, Hillary ganha. Mas como a eleição é indireta... Será a quinta vez que quem ganha mais votos diretos perde no colégio eleitoral. A última vez foi em 2000, na infame vitória de Bush sobre Al Gore. 
Ah, e os republicanos também levaram o Congresso. É o apocalipse mesmo. Aguardem o feminismo e outros movimentos sociais sendo mais necessários do que nunca. 
Muito ainda vai ser analisado por quem acompanhou mais as eleições do que eu pra tentar explicar esta tragédia. 
O que eu vejo é que o pior candidato da história dos EUA, um sujeito que mais parece uma caricatura, conseguiu se eleger presidente com o voto dos brancos. Não só dos homens brancos, mas das mulheres brancas também. Apesar de bem menos que os homens, 51% das mulheres brancas -- principalmente as que não têm diploma universitário -- votaram no Trump. Isso não é tão surpreendente, se considerarmos que, em 2012, 56% das mulheres brancas votaram em Romney, não em Obama. 
Mas é chocante porque Trump é machista, e porque concorria contra uma mulher branca. Compare: 87% das mulheres negras e 65% das latinas optaram por Hillary. Entre os "não brancos" (que representam 30% da população dos EUA e incluem negros, latinos, asiáticos etc), 73% votaram em Hillary, contra 20% que escolheram Trump. 
Típica piada de estupro de mascutroll
dos EUA durante um dos debates
O eleitorado mais fiel de Trump foi o evangélico: mais de 80% votaram nele. Os mais velhos votaram em Trump; os mais novos, em Hillary. Um outro grande divisor foi o de pessoas que vivem em grandes cidades (que, nos EUA, são 34% da população). 60% dessas pessoas votaram em Hillary. 
O ponto mais baixo da campanha de Trump, quando perdeu apoio de boa parte dos líderes republicanos e havia pedidos para que ele renunciasse à candidatura, foi há um mês, quando vazou a gravação do "Agarre pela buceta". O ponto mais baixo de Hillary foi há duas semanas, quando o FBI anunciou que investigaria uma nova leva de emails. Para uma eleição tão disputada, pode ter certeza que esse foi um dos fatores determinantes. 
Como eu já disse, não é todo mundo que está triste. A vitória de Trump faz a alegria de muitos brasileiros, como esses misóginos.
Clique para ampliar
Vou tentar fechar este texto com duas boas notícias. Uma é que os EUA também elegeram senadoras e deputadas que representam minorias.
A outra é que foi aprovada ontem na Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher um projeto da deputada federal Luizianne Lins (PT-CE) que atribui à Polícia Federal a obrigação de investigar crimes de ódio contra as mulheres que ocorrem na internet. 
O PL 4614/2016 foi inspirado na minha experiência: já registrei nove boletins de ocorrência por ameaças de morte e sites falsos no meu nome e, até agora (o primeiro BO foi em janeiro de 2012), nada foi feito. Espero que o PL sirva para combater essa impunidade.
Agora, mais do que nunca, vamos precisar te todas as armas possíveis para combater o ódio.

76 comentários:

Anônimo disse...

Trump não é machista, todas essas acusações são falsas. Você se esqueceu de dizer que o chefe da campanha de Hillary faz macumba com a marina abramovic no spiritual cooking, quem é que quer gente como essa no poder? Você né. E mais, vota é da posição que tem de votar em mulher por ser mulher, em negro por ser negro etc.. Somos todos iguais. Você tem um problema, você julga o mundo pelo seus viés ideologico baseado no ódio aos homens, mesmo que algo seja óbvio e verdadeiro, vc distorce por causa da ideologia. É por isso que o bom senso está retornando ao mundo. Mas eu acredito que o Trump, em todo o caso, vai fazer um papel de anticristo, a lei dominical vem por aí para pegar todos nós, homens, mulheres, negros e brancos. Só Jesus salva!

Anônimo disse...

caminho aberto para bolsonaro em 2018 com certeza!!!

Anônimo disse...

Lola querida, as pesquisas não erraram. As feitas de maneira honesta não. O que houve foi manipulação descarada das pesquisas, feita pela mídia predominantemente esquerdista. Mesma coisa que tentaram nas eleições municipais brasileiras, influenciar o povo com pesquisas falsas, mas vejam só não deu né!!! Ainda bem que as pessoas pararam com aquela mentalidade de "tenho que votar no cara que tá na frente nas pesquisas, se eu votar no perdedor vou estar desperdiçando meu voto!". O povo acordou, graças à Zeus!

Anônimo disse...

Anon 13:23, isso é verdade, o mentor dela que escreveu o livro que ela mais gosta dedicou o livro para lucifer. Credo! BRuxa!

Cão do Mato disse...

"Ah, e os americanos também levaram o Congresso." Não seria "e os Republicanos também levaram o Congresso?

Anônimo disse...

Sei não hein Lolinha, também nunca imaginávamos que essa caricatura mal feita levaria a presidência da maior potência do mundo (até ontem!). Até 2018 pode haver tempo suficiente pro lixão do bolsonaro arrecadar mais cabeças vazias pra campanha dele. Isso me congela a espinha só de pensar! :s

Anônimo disse...

Numa só tacada, as mulheres, os negros e as esquerdas foram nocauteadas (e devolvidas aos lugares de onde nunca deveriam ter saído) de forma acachapante e humilhante no maior país do mundo.

As coisas estão voltando aos seu eixos, graças a Deus!

Firewest disse...

Ao meu ver vai dar Bolsonaro em 2018 sim, infelizmente. Gente do céu, quero imigrar de todo jeito.

lola aronovich disse...

Sim, obrigada, Cão do Mato. Corrigido.

Anônimo disse...

Como sempre a mídia esquerdalha vem com o mesmo discursos que as pesquisas (falsas) estavam erradas e houve uma grande surpresa.
Trump contra tudo e contra todos levou essa.
Leia o livro democracia na America, a parte que fala sobre representatividade, talvez você entenda que o povo americano está de saco cheio do establishment,e porque um apolítico como trump foi eleito.

Anônimo disse...

o lado bom é q a vassalagem por parte de meio mundo aos usa está dispensada, os eua perde a hegemonia de vez, e acho bem feito, com trAmp ng mais precisa adular essa nação demoníaca

um adendo, a imagem da "previsão" dos simpsons não é de 2000, faz tempo q esse boato corre na internet, estão errados, aquilo foi uma paródia q os simpsons fizeram, a imagem não é de nenhum episódio do ano 2000, EMBORA, existe uma episódio chamado "Bart to the Future" (temporada 11, ano 2000), q sim, os simpsons prevê q o trump foi presidente dos eua (com 16 anos de antecedência), essa série é MACABRA, sempre faz previsões certeiras, dá até medo, e se eles estiverem certos novamente, uma mulher sucederá esse traste, em 2020 q seja, depois desse verme ter detonado o país, como demostra o próprio episódio

Anônimo disse...

Lola, como é o gosto da derrota?

Anônimo disse...

trAmp ter vencido representa:

a vitória do protecionismo

a derrota do liberalismo econômico

o fim do puxa-saquismo à washington

e a direita entreguista/neoliberal do braZil q tentará de todas as formas capitalizar essa onda de proteção ao mercado (q vai contra o q a própria direitalha prega) pra vencer eleições, pq o discurso neoliberal pró-mercado de mimimises não convence ng mesmo, é SODA

No q tange aos direitos sociais, bom, levando em conta q a candidata era ainda mais fraca do q imaginávamos, eles ainda venceram, pois Hillária é vitoriosa no voto popular

Anônimo disse...

Feminista vindo bater ponto aqui e falar: Vamos continuar a trabalhar a causa!
Falo aos que vem aqui repetir a mentira que feminista odeia homem e quer se sentir superior: uma parte reduzida pensa assim e mesmo assim o que dizem que é ódio é puro trauma dessa sociedade doente machista e patriarcal
Queremos apenas defender os direitos das mulheres a ter justiça, respeito, qualidade de vida e participação política.

Anônimo disse...

hillary foi eleita pelos votos diretos, mas o q vale nos eua são os votos indiretos, o sistema eleitoral de lá é arcaico, injusto e antidemocrático, acho q é o único país no mundo em q as eleições se dão dessa forma, é soda, e ainda querem servir de exemplo pro mundo, crendeuspai

mas agora não há dúvidas q hilária é fraca pra cacete, puto q fugiu, perder pro trAmp? nunca mais se candidata à presidência na vida

em 2020 o cenário é incerto, alguns apostam e querem (eu tb) q a michelle obama se candidate, mas não sei, ela não tem experiência política nenhuma além de ter sido primeira-dama, mas o trAmp tem até menos, e daí? a hillary apostou no tim kaine, q é fraco tb, e o trAmp, bom, acho q esse não dura até 2018, tenho quase certeza q o bosta vai abrir mão da reeleição pra algum outro republicano cacicão, quem sabe pro companheiro de chapa?

é meus amigos, progressismo político só de 2021 em diante, até lá, vamos ter q aguentar direita populista, cínica e canalha, q pra vencer eleição se desfaz até das teorias tresloucadas de são mises e do neoliberalismo. Populismo + protecionismo + fascismo + uma pitada de câncervadorismo, o povo bebe que nem agua

Sangue de cristo tem poder

Anônimo disse...

Lola eu queria propor aqui uma reflexão nao relacionada ao Trump. Eu sinceramente acho que aquele escroto ser brasileiro que elogia torturadores só ganhou a visibilidade que tem hoje porque o pessoal de esquerda vive mencionando ele. Chega de mencionar o nome, chega de comentar as barbáries que faz e fala, peloamordedeus estamos dando mídia. Vou reproduzir um tuíte da Rosana Hermann que resume a ideia: "como faz pra explicar q qto + se fala (mesmo de ZUERA) num FULANO, mais poder ele tem? APENAS PAREM PELO AMOR DE NOS MESMOS" É muito sério isso, só o fato de ele ser odiado pela esquerda faz um monte de gente que nem tá tão aí pra ele dar moral pra ser "anti-esquerda". Estamos numa onda "anti-esquerda", e quem é da esquerda e realmente se preocupa em impedir esse imbecil de ascender ao poder deveria pensar em estratégia de não dar mídia para ele. Eu penso honestamente que não adianta escrever textão explicando porque ele é babaca, a melhor estratégia pra combater é deletar tudo com o nome dele substituindo por "fulaninho" e deixar ele cair no esquecimento. Se continuar MENCIONANDO ELE ele ganha poder sim, "apenas parem".

Anônimo disse...

"Você se esqueceu de dizer que o chefe da campanha de Hillary faz macumba com a marina abramovic no spiritual cooking, quem é que quer gente como essa no poder?" 13:23

Apesar do tom de trollagem do comentário, já vi alguns analistas dizerem que a recente divulgação dessa ligação da Hillary com a Marina Abramovic, que é ocultista, ou pelo menos gosta dessa estética, exerceu um peso sobre o voto das parcelas mais religiosas do eleitorado latino.

Aninha disse...

Como mulher latina, acho essa vitória terrível.

Mas do ponto de vista político, Hillary não é lá essas coisas também, então acho que acabou dando no mesmo.

Anônimo disse...

pois é, mulheres brancas com baixo nivel de escolaridade conservadoras não é novidade. o que me pareceu surpreendente é que entre as mulheres brancas com o maior grau de educação, 40% votou no trump. não foi a maioria, mas o número é altissimo. até pq se tem um grupo que era contemplado no discurso e na pratica politica de hillary, este grupo era o das mulheres brancas com pretensões assim de ocupar altos cargos em empresas. daí fico pensando que a sororidade é um conceito pra lá de problemático. ainda mais quando se discute no âmbito da traição, em que a mulher com potencial de ajudar o homem traidor deve pensar primeiramente na mulher que será traida. mas as mulheres brancas não tem a menor cerimônia na hora de optar por candidatos que manifestam uma retórica racista. ou ainda de escolher uma outra opção quando o candidato é negro. terrível esse resultado, especialmente para as mulheres negras que foi o grupo que mais votou na hillary a despeito da pratica da candidata nao contemplá-las, mas é interessante pra pensar outras estrategias politicas feministas atentas à interseccionalidade.

Anônimo disse...

Anônimo Anônimo disse...
hillary foi eleita pelos votos diretos, mas o q vale nos eua são os votos indiretos, o sistema eleitoral de lá é arcaico, injusto e antidemocrático, acho q é o único país no mundo em q as eleições se dão dessa forma, é soda, e ainda querem servir de exemplo pro mundo, crendeuspai

Interessante que quando o Obama se elegeu não criticaram o sistema arcaico, injusto e antidemocratico. Olha a indignação seletiva aí gente!!!

Anônimo disse...

Vc pode nos responder. Já provou quando Dilma foi eleita. E reeleita.

Anônimo disse...

"e mesmo assim o que dizem que é ódio é puro trauma dessa sociedade doente machista e patriarcal", na verdade as mulheres que são mais vítimas da sociedade doente machista e patriarcal ou até lésbicas nem odeiam todos os homens, quem mais odeia todos os homens são justamente aquelas feministas mais mimadas, ricas, heteros e criadas em famílias bem liberais das grandes metrópoles.

Odiar o trump nem nem odiar homem, nem todos os homens do mundo se resumem a tipos como ele e os bostanaros, mascus da vida.

Anônimo disse...

É Lola, continue falando que Bolsonaro não tem chance... Só vai fazer a vitória dele mais doce. Duvido que você tenha acreditado que Trump iria ganhar antes dessas eleições.

donadio disse...

Engraçado o conceito de "vitória acachapante" de alguns dos nossos trolls. A Hillary ganhou o voto popular, e só não foi eleita por que o sistema americano é essa coisa maluca.

Anônimo disse...

Trump é um verme.
Hilary é uma safada imperialista que, como Secretária de Estado dos EUA teve participação no GOLPE de 2016 no nosso país.
Torço para que eles provem do próprio veneno e os mesmos empresários (irmãos Kok e outros mais) que bancaram o golpe no Brasil pratrocinem UM GOLPE INSTITUCIONAL como fizeram aqui!
Fizeram em Honduras, no Paraguai e no Brasil... agora que esses vermes descobriram o "caminho das pedras" o próximo será os EUA.
É que eu desejo para os EUA!!!

Anônimo disse...

"Pra mim, a vitória de Trump é uma prova de que brasileiro vota melhor que americano."

Claro, concordo plenamente. Por isso que o Brasil é uma potência e os EUA são um país de terceiro mundo.

"Porque aqui um Bolsonaro nunca vai se eleger presidente."

Continue repetindo essa frase pra si mesma se ela faz vc se sentir melhor.
Mas não se engane, nós voltaremos.

titia disse...

É, meu amigo, vou sentar aqui com meu guaraná e minha pipoca e assistir aos Estados Unidos caindo em queda livre. Porque não tenham a menor dúvida, Trump vai afundar o país mais poderoso do mundo; afinal, é isso que os mascus fazem, não? O próprio movimento deles é um fracasso e eles mesmos admitem isso. Vou fazer questão de assistir o show de camarote.

14:13 quem disse que essas minorias não saíram? Tá todo mundo aí lutando e conquistando cada vez mais direitos. Na minha cidade, capital de um dos estados mais machistas do Brasil, tá cheio de gay e lésbica se beijando abertamente nos shoppings e andando de mãos dadas na rua sem ninguém ligar, os ônibus estão cheios de propaganda contra o assédio e incentivando as vítimas a denunciar, pra todo lado tem um outdoor defendendo o direito das mulheres de amamentar em público, adeptos de religiões afro-brasileiras estão fazendo passeatas nas ruas sem que ninguém impeça. Você é que nunca saiu da merda e fica tentando fazer os outros se juntarem a você mas sorry, amor, ninguém vai se juntar à sua insignificante pessoa. Vais afundar sozinho na merda pro resto da vida, afinal, onde mais um bosta estaria?

Você sabe como é, 14:36, afinal você o sente todos os dias, todas as horas, todos os minutos, todos os segundos da sua vida de merda e sem sentido nenhum.

Trump não ganhou por ser o melhor, mas porque os EUA estão cheios de nazistinhas infatilóides que não querem assumir a responsabilidade pela própria vida. O lema dele não é "Vamos tornar a América grandiosa de novo"? É basicamente o mesmo princípio do nazismo: se as coisas estão dando errado, se tem algum problema, pra quê admitir que estão fazendo merda? Melhor botar a culpa nos imigrantes e começar uma nova caça às bruxas, dessa vez contra os imigrantes, que são os culpados de tudo - dos problemas na previdência, no sistema de saúde, roubando os empregos dos nativos, etc. Trump ofereceu aos torrões de bosta a chance de não precisarem evoluir, se tornarem pessoas úteis, virarem gente. Em vez disso legalizou o nazismo enrustido dos imbecis e deu permissão pra agirem como crianças mimadas o resto da vida. O presidente da Rússia é outro nazista enrustido, por isso ficou feliz. Nazistas precisam de outros pra apoiá-los e assim poderem fingir que são "do bem".

titia disse...

13:23 Trumpe É machista, o que ele fala quando abre a boca é a prova. Dizer que provas são falsas não é argumento, é literalmente a desculpa mais antiga pra livrar cara de safado. Pessoas que usam o cérebro e não o intestino grosso pra pensar não ligam se o político é cristão, muçulmano, ateu, umbandista ou cultista de Chtulu; ligam se ele é um bom administrador e se contribui pro bem da sociedade.

Sim, temos que votar em negros, em mulheres, em homossexuais porque só o oprimido sabe o que passa e o que precisa ser mudado. Você, um macho chorão privilegiado que não restringe seus horários na rua por medo de estupro, que não é abordado e maltratado pela polícia só pela cor da pele e não corre risco de ser espancado até a morte por gostar de pessoas do mesmo sexo NUNCA vai saber como é ser uma minoria. Nós devíamos ser iguais sim, mas o fato é que não somos. Mulheres, negros, homossexuais são tratados de forma diferente (e pior) que vocês homens brancos héteros, e por causa de gente como você nós não somos iguais.

Você tem um problema, você julga o mundo pelo seus viés ideológico de privilegiado baseado no ódio às minorias. Mesmo que os preconceitos e a opressão contra as minorias sejam óbvios e verdadeiros, você distorce por causa da ideologia. É por isso que o mínimo de senso de humanidade está sumindo. Vocês não se importam com o sofrimento, a humilhação e a morte das pessoas. Vocês querem manter seus privilégios e fodam-se se os oprimidos estão sofrendo, sendo humilhados e morrendo.

Um pouco de empatia salva vidas. Peça urgentemente a Jesus que salve o mínimo de humanidade e inteligência em você.

Anônimo disse...

Anônimo Anônimo disse...
Numa só tacada, as mulheres, os negros e as esquerdas foram nocauteadas (e devolvidas aos lugares de onde nunca deveriam ter saído) de forma acachapante e humilhante no maior país do mundo.

As coisas estão voltando aos seu eixos, graças a Deus!

9 de novembro de 2016 14:13
------------------
Não consigo imaginar que esse comentário foi feito em 2016.
Vão tudo tomar no cu ! Depois não entendem pq feminista é famosa por 'odiar homens'. Machistas sempre odiaram mulheres, entao pq diabos tenho que respeitar homens?

Anônimo disse...



a) Sinceramente estou triste com a vitoria do Trump mas não surpresa o norte americano classe média e´muito preconceituoso infelizmente Trump é a cara dos Estados Unidos.

b) Lola agora neste momento a esquerda necessita unir se pois vai vir chumbo grosso querem este pais no seculo XIX.

Leonardo Vieira disse...

Eu queria entender capacidade de governar, habilidade politica, projeto de governo bem estruturado e inovador, não importa, so importa o gênero. Que dizer que os americanos deveriam votar em hillary apenas pelo fato de ser mulher teriam que premia-la por ter uma vagina.

E outra a brasileiro sabe votar, tipo Lula, Dilma, jean willys, Cunha, Suplicy, Renan Calheiros, Collor, Sarney, e realmente você tem toda razão.

Os americanos foram inteligentes, não caíram no mesmo golpe que os brasileiros que se deixaram levar pelos discursos falaciosos e cínicos do lula e acabaram elegendo a pior presidente da historia desse país( e olha que tivemos governo militar) uma presidente que destruiu a Petrobrás e pulverizou a nossa economia.
Trump era o único candidato que olhava verdadeiramente para os problemas da américa, vai tratar os imigrantes ilegais como devem ser tratados( como ilegais), vai combater o Isis com força como ja deveriam ter sido feito, e vai ajudar a destruir a esquerda maldita da America latina.


Se preparem meu amiguinhos de esquerda por que o inverno chegou para ficar.

L A U R I E L disse...

Eu prevejo tempos difíceis para os grupos LGBT,ateus, umbandistas, latinos e minorias cristãs que não seguem Trump's da vida. É triste. A Hillary seria melhor(ou menos pior) do que o Trump. De pensar que essas pessoas evoca o nome de JESUS, quando o próprio JESUS lutou contra caras como o Trump 2016 anos atrás. E a massa nunca acorda. Entra ano e saí ano, entra década e sai, entra milênios e seres evoluídos cansam de nascer e morrer pra tentar despertar o gado de que ele vive na matrix, mas tá difícil, MUITO!

Anônimo disse...

Cara 13:23, o que você anda cheirando?

Anônimo disse...

Feliz com a vitória de Trump. Não sou conservador, mas vejo que os democratas desde Obama, adoram financiar guerras e intervir indiretamente nos assuntos de outros países. Não que os republicanos também não sejam imperialistas, mas Donald Trump já reconheceu que estas atitudes prejudicam o próprio Estados Unidos, por isso mesmo ele tem dissídios com o Partido Republicano.

O novo presidente é imprevisível, porém, como grande empresario que é, poderá trazer boas soluções para os problemas do país. Eloquente, firme, ousado e sem medo dos adversários, o magnata Trump mais que merecia.

A primeira presidente mulher pode esperar, assim como o primeiro negro esperou ( apesar de que Barack Obama está mais para um mestiço). Enquanto isso, veremeos a gestão de Trump na maior potência do mundo.

Anônimo disse...

Machistas! Racistas! Não passarão!

Machistas! Racistas! Não passarão!

2018 tá aí, gente!!!

Anônimo disse...

"Uma candidata longe do ideal, também de direita, como seu oponente, mas certamente não estaria este clima de velório e perplexidade se Hillary tivesse sido eleita."

Mas que bobagem... Pouquíssima gente queria essa corrupta como presidente. A maioria dos que votou nela só o fizeram porque não queriam o Trump. Se ela tivesse ganhado, provavelmente veríamos pouca gente comemorando... A diferença entre votar por alguém e votar contra alguém é um dos fatores que levou à vitória de Trump.

Anônimo disse...

Honestamente, para o resto do mundo Trump provavelmente será melhor do que Hillary seria... Aquela mulher adorava atiçar guerras e derrubar governos de outros países. Acho que o Trump fará menos disso, e também com ele essa pseudo "guerra fria" entre EUA e Rússia vai diminuir ou acabar.

Anônimo disse...

15:50 o obama tb foi eleito pelo voto direto seu boçal, aliás, desde 1992 q a única vez q um republicano fudido venceu as eleições por voto geral foi em 2004, de lá pra cá, só derrotas no campo popular

A Hillary é em parte vitoriosa, mas em outra, fracassada, eu até tenho pena dela, pq ela postou todas as fichas, fez de tudo, aliança com os mais poderosos, e deu zebra, é inacreditável, não há dúvidas q ela poderia ter sido bem melhor e mais cautelosa, acho q um dos grandes erros foi ela ter se acomodado, e o pior, é q essa era a última chance dela realizar seu sonho, lamentável

15:39 hmm, quer dizer q o eleitorado religioso prefere um cara adúltero, q pega mulher casada e outras barbaridades pornográficas, q se casou mais de uma vez, enfim, um completo libertino, ao invés de alguém q supostamente tem relações com uma artista performática? Interessante a prioridade dos religiosos

Anônimo disse...

Acho q o sentimento do Trump ganhar é o mesmo que teríamos se o Aécio tivesse ganhado: certeza do fim dos tempos...

Anônimo disse...

trump muito provavelmente fará um PÉSSIMO e horrendo governo, é tudo o q os americanos merecem, lembram do bush? Pois é, trump é a reencarnação dos piores defeitos desse traste, e se engana quem acha q trAmp vai evitar guerras e intervenções, kkkkkk piada

Talvez ele não intervenha em muitos países, pq a maioria deles já sofreu uma intervenção, só sobrou a Síria, q o trAmp fará o favor de terminar de acabar com ela

"amizade" com moscou, nossa, q lindo, até parece, putin tá mesmo é interessado em ver os eua ser desmoralizado com esse traste na presidência, só pra rússia ter a chance de se sobressair, e vai. E engraçado, q o bicheiro não é visto pela direitalha como comunista por estar fazendo aliança com o kremlin, se fosse o obama, mmmmm

Anônimo disse...

São 5 os responsáveis pela vitória do Trump:

1. O fato da Hillary ser uma mentirosa compulsiva
2. O fato de existir youtube, que confronta a maioria das declarações mentirosas dela (nem estou falando de "mudar de opinião", que só se aceita quando convém NÉ mas de efetivamente inventar coisa que não existiu e existir vídeo provando)
3. O fato de que o americano médio desacredita na própria imprensa, que realmente estava totalmente parcial no caso.
4. O fato de que teve gente no mundo que foi parar em Guantanamo por muito menos do que a Hillary fez no caso dos emails
5. O fato de que as tais "minorias" só assim são designadas basicamente porque não se organizam e se engajam da mesma forma que os conservadores fazem, ou seja, NA PRÁTICA, no que interessa, no real, no mundo concreto e não fazendo apontaço virtual no Facebook.

Mas ouvi dizer que é fundamental que se respeite o resultado de um processo eleitoral democrático, correto?

Então que o Mr. Topete faça um excelente governo para seu povo, até porque a gente tem um Temer aqui pra se preocupar.

Anônimo disse...

Hillary, vitoriosa entre a população geral dos EUA, derrotada entre os colégios

belo sistema eleitoral esse hein, mas enfim, já q funciona desse jeito, bastava só ela ter ganho a flórida e a pensilvânia, poxa vida, estados q ela quase levou, foi por pouco

Q agora engulam o bufão corrupto e estuprador

Charle Coimbra disse...

Derrota? Esse Zé ruela (anob 14:36) acha que o Brasil é vitorioso con eleição de Trump??

Anônimo disse...

Uma mulher de origem hispânica foi eleita para o senado. Feito inédito. Catherine Cortez Masto foi eleita senadora pelo estado de Nevada. A Kamala será a segunda mulher negra a ocupar um assento no Senado dos EUA. A primeira foi Carol Moseley Braun, eleita em 1992 pelo estado de Illinois. E o ser humano? Continua a mesma merda de sempre. Que nojo esta eleição do Trump. Que nojo!

Anônimo disse...

Lola, você não acha que agora que os direitos das mulheres americanas estão seriamente ameaçados o feminismo lá pode ficar mais forte? Talvez uma nova onda esteja surgindo. E isso vai influenciar mulheres do mundo inteiro. As mulheres americanas não vão deixar barato. se eles quiserem guerra é isso que vão ter.

Anônimo disse...

"projeto de lei de nossa autoria que atribui expressamente à Polícia Federal competência para investigar crimes praticados por meio da Internet que difundam conteúdo discriminatório ou propaguem ódio às mulheres."

Quando você sabe que um projeto é eleitoreiro: ferindo flagrantemente a Constituição, não respeitando a isonomia entre pessoas de ambos os sexos.

Conteúdo discriminatório ou propagam ódio às PESSOAS: correto
às mulheres: inconstituicional, vai entrar no mesmo problema da Lei Maria da Penha, que foi redigida mal e porcamente e a ÓBVIA aplicação da norma bastando o contexto de violência em âmbito familiar, seja ela perpetrada por homem ou mulher e contra homem ou mulher, teve que ser "corrigida" em âmbito de jurisprudência (que, no nosso sistema, não obriga e por isso a lei precisaria ser emendada pra ontem).

TODO MUNDO está sujeito a receber ódio, difamação etc. pela internet. Também não fica claro por qual razão a Polícia Federal precisa ser envolvida em uma questão que, a rigor, é de competência das justiças estaduais.

Em suma: na primeira passagem por uma comissão de constituição e justiça, adeus PL.

Anônimo disse...

"Porque aqui um Bolsonaro nunca vai se eleger presidente. Pelo menos não enquanto tivermos dois turnos, porque sua rejeição é muito maior que o número de seus (ruidosos) seguidores".


Você já viu os grupos e páginas de direita no fb? "Bom dia, não esqueçam da sua dose de opressão diária!" ou "Vai ter opressão sim!", ou postando durante o dia inteiro alguma frase célebre do "mito". Então não, eu não contaria com uma derrota prévia, em dois anos muita coisa pode acontecer...

André disse...

As pesquisas não erraram, elas sempre estiveram divididas. Embora a Hillary estivesse com uma pequena vantagem, na reta final já dava para ver uma tendência de virada. Quem errou foi a imprensa que ficou alardeando uma vitória da qual não havia indícios: http://www.realclearpolitics.com/epolls/latest_polls/president/

Os republicanos mais civilizados torceram o nariz para o Trump mas na hora do voto foram lá e votaram nele. Os democratas também ficaram de mimimi mas quase 10 milhões que votaram no Obama I deixaram de votar na Hillary.

O pior da vitória do Trump é o simbolismo de um discurso misógino e racista ter vencido a eleição e ter implantado o domínio absoluto do Partido Republicano. Apesar das instituições mais fortes que eles tem, é bem provável que ocorram retrocessos tanto legais quanto culturais. Por outro lado, ficou claro que a globalização e políticas neo liberais (com suas crises e "soluções") estão criando um fosso social que já está resultando no fortalecimento de discursos autoritários (mais ou menos como no início do século XX). Espero que não seja preciso outra guerra mundial para mostrar a importância da redução das desigualdades.

titia disse...

00:12, meu caro chorão agressor enrustido, a sociedade não é isonômica para os sexos, então a lei deve acompanhar a realidade. Eu sei, eu sei que dói nas suas bolas não poder mais agredir, ofender, humilhar e desrespeitar mulheres sem ser apontado feito o misógino babaca que você é, e sei que você tá se borrando de medo de ter que se ver com a justiça caso saia por aí espalhando ódio, mas o problema é completa e inteiramente seu. Ninguém tem dó das suas bolas.

É o mesmo princípio da lei do racismo e da Maria da Penha: se você não é racista nem agressor de mulheres, não precisa chorar porque você não será enquadrado nessas leis. Agora vamos fazer um exercício de lógica elementar: se tá chorando é porque...?

Anônimo disse...

Podem chamar o cara de Troll, mas no fim das contas a trollada foi nos opositores dele. Venceu a eleição contra tudo e contra todos!

Hele Silveira disse...

Hã???? O inverno o que???? O inverno é estação e como tal, PASSA. Saiba que você não é e nunca será o senhor da razão. Esse papel pertence ao TEMPO. Aguardemos o que as novas estações hão de nos trazer. E até lá, reveja o que escreve, para não passar mais vergonha, rs. Na dúvida, cale a boca. É para o bem de todos e felicidade geral da nação, ahahahahah...

Anônimo disse...

"aaaaiiin, mas é os mexicanos"
Pelo que eu sei Trunp vai ser presidente dos EUA, o México e outro país

Anônimo disse...

To vendo que Donald trump irá morrer "misteriosamnete" em alguns anos. Não vao deixar impune um presidente nos EUA que é contra a elite norte-americana e mundial e a grande mídia (que afinal são a mesma coisa). Ou então Trump vai se conformar as exigencias da elite (interferencia em outras nações pra vender armas e permitir a entrada sem critério e desenfreada de imigrantes para gerar mão de obra barata e futuramente escrava ou semi-escrava para as grandes empresas americanas, entre outras coisas) e sera tolerado.

Anônimo disse...

Se você não gostou do Trump ter sido eleito, é melhor JAIR se acostumando!

#2018

Anônimo disse...

Titia pondo o dedo na ferida brilhantemente rs

Na minha opinião, quem é conservador fica meio constrangido de assumir o que é.

Por que necessariamente teriam que assumir que aprovam os mecanismos machistas, racistas, homofobicos e xenofobicos são instrumentos para o controle social e manutenção de privilégios e hierarquias de poder.

Não que não deva existir hierarquias, como se todos fosse iguais. Há muita gente identificada com idéias "liberais" que é a favor de progressismo e inclusão social, alguma mediação por parte do estado para não vivermos em um totalitarismo cego.

Em algumas digressoes on line, entre os muitos decretos sobre a "esquerda" é arrogante, que exige direitos diferenciados, que privilegia minorias.

La nos USA, além claro dos excluidos da globalização, vejo algo algo parecido com a critica acima: gente que se sente prejudicada pelas politicas inclusivas votou contra o politicamente correto sim. Homens e Mulheres brancos querendo seu "status" novamente na sociedade. Em suma um enorme dane-se.

Li um artigo muito interessante de uma pesquisadora americana que foi justamente procurar entender o fenomeno conservador sem juizo de julgamento. Foi lá na américa profunda. Infelizmente perdi o link. Mas tentando resumir, ela fez um esforço para compreender que há uma logica de valores conservadores por que para elas tem uma validade moral considerada normal, padrão e que sua identidade está ligada existencialmente a estes valores.

Ela relatou que na lógica conservadora sobre ser um cidadão de bem, muitas pessoas se sentiriam lesadas e ofendidas porque uma política pública é criada e nesta leitura, alguém vai passar a frente delas na fila, injustamente e sem o "mesmo esforço" ou "legitimidade moral" (mas o que é a moral não é mesmo?). E ainda vão dizer que eles não são uns caras legais. (rs e quem é legal?)

Nesse caso como não pensar que uma política afirmativa para negros não "ofenderia" um conservador? Porque fere a lógica deles, dá um bug, por mais que se tente explicar. E não é por burrice. (evidente que muita gente de esquerda errou nisso - é outra coisa) São escolhas de visão de vida. Um padrão normativo que não se quer deixar. Uma escolha deliberada. "É o certo".

Como talvez o nosso poeta tenha querido dizer, com outros sentidos e contextos, "um sentimento do mundo".

O interessante desta pesquisa é ver que logica moral pode ser mais ou menos flexível, conservadora ou não. E pode ser mapeada, a pesquisadora foi lá ver o outro lado. São todas maneiras de enxergar o mundo, opções de vivenciar a existência. E influem sim na política, no desejo coletivo, nos discursos, nos anseios. E decidiu a eleição americana, entre outras.

Para mim, ficou mais claro que para algumas pessoas, é meio automático creditar aos outros intolerância quando ao mesmo tempo também se deseja manter uma lógica de preservação de sua própria moral em detrimento da alheia. É a eterna disputa política para ver quem vai conseguir mais ou menos privilégios ou simplesmente sobreviver. Cada lado com suas razões. E na minha opinião não tem ninguém mais injustiçado que o outro nessa disputa política, não há santos... mas demônios estão à solta, na forma do acirramento das crises econômicas que vão puxar as crises de valores e a luta da sobrevivência desses valores.

Por último, aos que vem aqui decretar derrotas do feminismo e movimentos sociais, "esquerdas", diversidades, SWJ etc, acontece o seguinte: há questões identitárias, tal como os conservadores, das quais não se consegue abrir mão. Por isto, vão continuar, a despeito do que consideram um "apelo à razão".

Todos tem suas razões.

É justamente parte do que dá sentido a vida. E todos os dias, nós a escolhemos, de algum jeito.

carla

Anônimo disse...

00:12

típico de quem não enxerga o abismo e desiguladade que acomete outras pessoas outras pessoas.

tipico de quem acha que machismo não existe, racismo não existe. Fale mais sobre esta experiência...

Anônimo disse...

É daquele jeito que os jovens ditos progressistas democráticos e anti fascistas protestam uma derrota totalmente dentro da lei? Depredando e tocando fogo nas ruas inclusive destruindo a sede do partido republicano.

Anônimo disse...

Por isso que o Brasil nunca irar ser democrático e os EUA continuarão sendo o país sa liberdade de expressão e da democracia. Mesmo a esquerda mundial a tentando destruir.

Anônimo disse...

O que as pessoas não entendem é que aquele Trump que ficava falando merda nos comícios é um personagem. A mídia toda apoiando a Hillary, o cara tinha que inventar alguma coisa pra atrair o foco pra ele. E foi na base do escândalo, ele falou o que muita gente pensa, se identifica, mas tem medo de admitir. E deu certo.

Agora, o cara é um empresário que já faliu e se ergueu de novo várias vezes, vocês acham mesmo que ele simplesmente vai chutar sei lá quantos milhões de imigrantes ilegais tem no país? Outra, imaginam qual é o custo de deportar um imigrante ilegal dentro da lei? Ele provavelmente vai é tentar legalizar essa gente, saíra muito mais barato, além de aumentar a arrecadação de impostos. O cara não é burro, pode ser meio louco, mas burro não.

Acho que a maioria aqui deve ter visto a notícia sobre o site da embaixada canadense que saiu do ar pelo excesso de pessoas tentando acessá-lo. Interessante esse desespero porque o cara ganhou. Mas eu pergunto, porque a embaixada do Canadá, e não a do México? É logo ali também, não é verdade? Fica pra reflexão de vocês...

Anônimo disse...

"Elegeram um corrupto megalomaníaco que se orgulha de sonegar impostos e que nunca exerceu um cargo político. "

OLHA SÓ! DESCREVEU O LULA E A DILMA!
Os americanos provaram que são idiotas elegendo esse maluco, mas o que n[os, brasileiros podemos falar?! Elegemos LULA por duas vezes, e Dilma idem.
Há, infelizmente, espaço para Bolsonaro em 2018, ainda que o voto obrigatório pese contra, e foi algo que favoreceu Trump pois os "odiadores" estavam mais dispostos a votar do que a população média.

Anônimo disse...

A Argentina é um bom país para se viver?

Anônimo disse...

Lola, ficou sabendo do caso da jovem advogada, formada na UNB, que se suicidou e deixou uma carta falando que era assediada por um ex-professor, colega de serviço?

Fábio RT disse...

Olha...o povo fala que a Hilary é belicista e tal...mas parece que nossos comentaristas se esqueceram que foi no governo republicano que a guerra do Iraque foi inventada...
Pessoal tem memória curta...pessoalmente tenho PÉSSIMAS lembranças do governo Bush no campo internacional...e convenhamos...Trump não passa e menor confiança...a proximidade dele com Putin é sinal de fumaça das mais espessas...Lembre-se que este cara já anexou a Criméia e ninguém falou nada...e antes disso já fez intervenções armadas nos Bálcãs. A verdade é que passamos por crise de representatividade mundial...não tem um líder politico mundial que realmente se destaque e inspire as pessoas (talvez a Merkel).

Anônimo disse...

"Olha...o povo fala que a Hilary é belicista e tal...mas parece que nossos comentaristas se esqueceram que foi no governo republicano que a guerra do Iraque foi inventada..."

Trump não fazia parte desse governo, e na verdade tem muito pouco em comum com a maioria dos políticos republicanos.

Anônimo disse...

O privilégio feminino que faz com que o homem tenha se tornado um cidadão de segunda classe mais uma vez, aliás a segregação misandrica comparada ao apartheid.

E ainda dizem que lutam por igualdade, desse jeito marginalizando os homens tendo todos como mal demônios e as mulheres como puras e santas imaculadas.

Depois ainda ficam perplexas quando um Trump vence.

Socorro Trump invada esse país pra nos libertar do feminismo misandrico.

Anônimo disse...

independentemente de Trump ser presidente ou não, as mulheres vão continuar sendo maioria no ensino superior e os homens vão continuar sendo a maioria dos criminosos e estupradores.

Anônimo disse...

Vocês deviam estar felizes, isso mostra que não é só a esquerda brasileira que é um fracasso.

Anônimo disse...

Eu também achei o PL mal redigido e mal colocado e não, não sou "mascu", só não sei onde que passo a carteirinha de feminista aqui pra provar a identidade. É o tipo de coisa que, no linguajar político, costuma ser designado como "resguardo eleitoral". Então você elabora um PL escalafobético qualquer, ignorando coisas simples como Constituição, atribuições de competências e outras coisinhas sem a menor importância e como brasileiro não acompanha tramitação de nada, nem sabe no que vai dar. Mas tá no site, "olha que lindo o projeto (fantasma) que eu fiz".

titia disse...

17:51 sabia que você é um péssimo troll? Deu até pena cara, nem o Luisinho quis te responder porque a mãe dele já ensinou que não se zoa gente doente. Já pensou em eutanásia? Eu sei, eu sei, é drástico, mas fazer o quê se transplante de cérebro é impossível?

Claro, 13:03, porque a ditadura militar no Brasil foi um golpe de esquerda, os direitistas nem chegaram a cogitar fazer isso... você é burro assim de nascença ou por maioria de votos?

05:53 o dia que a sociedade TRATAR, NA PRÁTICA, e não em duas linhas vazias na Constituição homens e mulheres como iguais aí esses projetos "preconceituosos" não será mais necessários. Até lá chore aqui na minha canequinha de male tears, que hoje é sexta e vou fazer um chá.

Ah, e deixa eu pisotear os bolsominions um pouco: lembra quando a PEC do corte de gastos fundamentais (saúde e educação são necessários, bolsa paletó e jantar de um milho de reais não), Bolsonaro disse que vocês, seus pais, seus avós, seus filhos e basicamente qualquer um que precisasse de um serviço público, inclusive transporte de ambulância que é coisa que todo mundo, rico ou pobre precisa... podiam ir se foder porque a PEC não ia afetar os militares? É, os militares, especialmente os parasitas do alto escalão que não fazem porra nenhuma além de comer o dinheiro dos seus impostos. É, imbecis, esse é o presidente que vocês querem... um que vai mandar vocês tomarem no cu e morram na porta do hospital, no local do acidente ou de fome na rua enquanto ele e os outros parasitas tomam champanhe, comem caviar e tratam suas tosses no Sírio Libanês. Seus acéfalos.

Fábio RT disse...

"Trump não fazia parte desse governo, e na verdade tem muito pouco em comum com a maioria dos políticos republicanos."

Sim..não tem mesmo...ele me parece ser bem pior

Anônimo disse...

"Ah, e deixa eu pisotear os bolsominions um pouco: lembra quando a PEC do corte de gastos fundamentais (saúde e educação são necessários, bolsa paletó e jantar de um milho de reais não), Bolsonaro disse que vocês, seus pais, seus avós, seus filhos e basicamente qualquer um que precisasse de um serviço público, inclusive transporte de ambulância que é coisa que todo mundo, rico ou pobre precisa... podiam ir se foder porque a PEC não ia afetar os militares? É, os militares, especialmente os parasitas do alto escalão que não fazem porra nenhuma além de comer o dinheiro dos seus impostos. É, imbecis, esse é o presidente que vocês querem... um que vai mandar vocês tomarem no cu e morram na porta do hospital, no local do acidente ou de fome na rua enquanto ele e os outros parasitas tomam champanhe, comem caviar e tratam suas tosses no Sírio Libanês. Seus acéfalos."

Ainda voto nele.

Bliblidiglobó disse...

"Sim..não tem mesmo...ele me parece ser bem pior"

É claro que é o que lhe parece, afinal você claramente é retardado.

titia disse...

14:40 se você quer morrer é só pular da ponte com uma pedra de 20kg amarrada no pescoço. Você também pode dar um tiro na cabeça, tomar chumbinho, sufocar com monóxido de carbono - que é indolor aliás - pode se atirar do alto de um prédio, pode se enforcar na maçaneta da porta do seu quarto. Não precisa eleger o Bolsonaro.

Anônimo disse...

"14:40 se você quer morrer é só pular da ponte com uma pedra de 20kg amarrada no pescoço. Você também pode dar um tiro na cabeça, tomar chumbinho, sufocar com monóxido de carbono - que é indolor aliás - pode se atirar do alto de um prédio, pode se enforcar na maçaneta da porta do seu quarto. Não precisa eleger o Bolsonaro."

Não vejo sentido em morrer se não puder fazer o máximo possível de pessoas miserável ao mesmo tempo.

Wallace Frederick disse...

Por que assim vc estaria sendo melhor do que eles.

Anônimo disse...

Adios