quarta-feira, 22 de novembro de 2017

SOBRE O SENTIMENTO DE MERECIMENTO DOS HOMENS

Recentemente publiquei um texto sobre a minha descoberta de que 1984, um clássico da distopia escrito por George Orwell, é bem machista. Teve comentários excelentes no texto. 
Mas vi uma única parte do livro em que o protagonista Winston questiona o seu "entitlement" -- seu sentimento de que ele merecia muitas coisas boas na vida simplesmente por ter nascido homem. É esta, quando ele se lembra da sua infância, em que ele, sua mãe e irmã pequena passavam fome (a tradução é minha, porque só tenho o livro em inglês):

"Ele perguntava pra sua mãe, insistentemente, por que não havia mais comida; ele gritava com ela, ou ele tentava acrescentar um pouco de doença em seus esforços para ganhar mais que a sua parte. Sua mãe estava pronta para dar-lhe mais que a sua parte. Para ela era natural que ele, 'o menino', deveria ganhar a maior porção, mas independente de quanto a mais ela lhe dava, ele invariavelmente exigia mais. Em toda refeição ela lhe dizia para não ser egoísta e para lembrar que sua irmãzinha estava doente e também precisava comer, mas não adiantava. Ele chorava de ódio quando ela parava de servir, ele tentava tirar a panela e colher de suas mãos, ele pegava pedaços do prato de sua irmã. Ele sabia que estava deixando as duas famintas, mas ele não podia evitar; ele até achava que tinha um direito para fazê-lo".

Achei uma descrição incrível desse sentimento que tantos homens aprendem desde bebês. E me lembrou muito o que uma professora da PUC-Goiás contou numa mesa-redonda de que participei. 
Ela conheceu uma mulher humilde no campo que estava começando a descobrir que tinha direitos. 
Essa mulher reparou, por si mesma, que sempre que matava uma galinha, dava automaticamente as melhores partes para o marido e os filhos homens, sem nem pensar. Ela e as filhas ficavam com os restos, o pescoço, os pés, o que sobrava.
Vc tem o q chamamos de um senso
irracional de merecimento. Não vai
te matar, mas vai fazer que vc creia
que merece coisas por não fazer nada
E ninguém falava nada, pois era visto como totalmente natural. Mas lógico que não é natural. Desde muito cedo o mundo nos ensina que a vida de um homem vale mais. Os homens aprendem isso. Winston aprendeu bem.
Parte do ódio que alguns homens têm das mulheres acontece quando essa sensação de entitlement não se concretiza. Apesar de todos os privilégios, nem sempre um cara vai conseguir conquistar tudo que ele acha que merece por direito divino.

84 comentários:

Integralismo Brasileiro disse...

A irrelevância desses posts está cada vez maior. Quando não é isso, tem distorções e absurdos. Pouquíssimos se salvam, quando vc fala racionalmente ou ajuda alguém.

Lola, ainda dá tempo de virar integralista e ficar do lado certo da história.

Anauê!

Anônimo disse...

"Desde muito cedo o mundo nos ensina que a vida de um homem vale mais."

Uma declaração tão descolada da realidade e da História simplesmente não pode ser acidental, ainda que se trate da Lola. Isso é o mais puro cinismo.

titia disse...

Traduzindo: gente que não ouviu "O mundo não gira ao seu redor!" o suficiente dos pais quando era pequeno e agora está fazendo birra quando aprendeu que o mundo não gira ao redor do umbiguinho-ou melhor, já que a maioria dos portadores dessa síndrome é homem, do pauzinho-dele. Vê, esse é outro dos motivos porque nem todo mundo dá um bom pai/boa mãe: ao invés de puxar as orelhas do moleque quando ele começa a dar chilique, ficam mimando o menino. Aqui, macharada, a lição que vocês tem que aprender URGENTEMENTE mais que qualquer outra em suas vidas:

“Vocês não são um grão de neve belo e único. Vocês são a mesma matéria orgânica em decomposição que todos os outros são e somos todos parte da mesma pilha de compostagem.”

Anônimo disse...

Legal, mas o foda é ver gente o dia inteiro falando mau de homem na internet daí você vai ver na vida real tá lá se agarrando com um.
Faz sentido?

Anônimo disse...

Fique longe deles, pronto resolvido.

Anônimo disse...

"Desde muito cedo o mundo nos ensina que a vida de um homem vale mais."

É por isso q homens foram escolhidos para explodirem nas guerras, pq a vida da mulher vale menos...

Chuck disse...

Tyler Durden, feminista de quarta onda. Marla que o diga.

Anônimo disse...

Fodam-se os homens. Repito: FODAM-SE OS HOMENS. Já passou da hora das mulheres começarem a sentir que merecem muitas coisas boas na vida porque nasceram mulheres, irem muito mais além da sua mente e realmente sentir que mulheres são valiosas, dignas, merecedoras, sentir que VOCÊ, mulher é, por si mesma, valiosa, digna, merecedora de tudo que for de melhor, do que ainda nem existe. ISSO verdadeiramente MUDA TUDO. Agora mesmo.

titia disse...

14:57 sim meu amigo, a vida dos homens vale mais. Quer dizer, se eles forem brancos, héteros e ricos. Veja só:

Mulher denuncia ex-companheiro e é assassinada dentro de carro da polícia - notinha de rodapé na página de notícias policiais, quadro em programa policial e uma semana depois todo mundo já esqueceu.

Pedreiro Vagner de Sousa Ribeiro, negro e morador da zona leste de São Paulo, foi executado por PMs quando estava dominado e desarmado - só saiu em sites especializados em combater a violência racista e de classe.

Dono da Yoki é assassinado pela esposa - manchete de primeira página, cobertura ampla por todos os telejornais do horário nobre, capa da Veja e quatro anos depois qualquer informaçãozinha minúscula sobre o caso é publicada. Ninguém esquece e sempre que a mascuzada quer falar sobre violência feminina contra os homens, esse caso aparece no blog.

Creio que não preciso mencionar os assassinatos de trans, gays e lésbicas. Ou a agressão a pessoas não-cristãs. Google tá aí pra isso.

Se você é negro, pobre, gay ou por qualquer outro motivo não é considerado tão 'precioso' quanto um homem branco hétero e rico, não venha colocar a culpa nas mulheres. Mais ainda, se você for um idiota machista que aplaude e espalha machismo, racismo e preconceitos de classe, a culpa é sua. Lide com isso.

Anônimo disse...

" acidente fatal com nove mortos, entre eles duas mulheres"

Rodrigo Almeida disse...

A vida do homem vale mais, deve ser por isso q não temos alistamento militar obrigatório, aposentamos mais cedo, temos o "dia do homem", temos o hospital só para homens, somos prioridade em casos de emergência, temos leis q protegem a vida do homem e somos o grupo q menos sofre violência. Não é mesmo?

Anônimo disse...

Vão até o centro de qualquer cidade ou albergue público e vão notar que 90% das pessoas em condições de mendigancia são de um gênero só.
Adivinhem qual?

Anônimo disse...

A melhor coisa que homens fazem em uma sociedade, e matarem uns aos outros.

Luiza disse...

ô anônimo das 17

Vai estudar mais um pouco antes de comentar. Vai ler qualquer pesquisa sobre população de rua para entender o porquê de ter menos mulheres. Uma dica para você: se você for na zona, encontra pessoas de qual gênero na sua maioria se prostituindo?

Anônimo disse...

Isso prova o q titia? Se eu for no Google vou ver vários casos de mulheres q mataram os parceiros, e aí?

Anônimo disse...

Suzane von qualquer coisa, em conluio com 2 caras massacra os próprios pais, dá entrevistas a tv e a record quer fazer uma série ou filme sobre a vida dela, pqp.
Vai receber milhões por ser uma assassina .

Anônimo disse...

"Ou a agressão a pessoas não-cristãs."

Aí não, né, titia? Cristãos são o grupo religioso mais perseguido no mundo atualmente, particularmente no mundo islâmico e na China, isso é fato, estatística.



Sobre os demais comentários, é patentemente óbvio que a vida dos homens sempre foi vista como de menor valor. Estudos genéticos mostram que a proporção de mulheres/homens que deixaram descendentes é de 2:1; e no Paleolítico, pra cada homem que deixava descendentes, nada menos que 17 mulheres o faziam (v. "A recent bottleneck of Y chromosome diversity coincides with a global change in culture", Karmin et al., Genome Research).

Claro que fatos, aqui, não adiantam. Mesmo que as mulheres venham a ter 99,99% da riqueza e poder do mundo elas ainda vão se sentir incrivelmente injustiçadas pelos cruéis homens que tem 0,01% restantes, sob qualquer argumento inventado pra ocasião.

O que motivo esse tipo de post não são evidências, mas ressentimento, o atávico ressentimento feminino em relação aos homens (ao qual Freud deu um nome famoso, que eu não vou citar aqui por óbvio).

Homens, parem de esperar qualquer tipo de compreensão por parte de mulheres.

Mulheres, sobre a condição de homem: no penis, no opinion.

lola disse...

Divertidos os comentários dos mascutrolls. "Mesmo que mulheres venham a ter 99,99% da riqueza e poder do mundo elas ainda vão se sentir incrivelmente injustiçadas pelos cruéis homens que tem 0,01% restantes". Quer dizer, a gente fala de fatos (qual a porcentagem de riqueza dos homens?), e o cara parte pra suposições. Típico do Instituto Mascu As Vozes Me Disseram. Já falaram do Titanic aqui?

Anônimo disse...


Olha aí um homem que acha que merece que todas as mulheres se vistam como ele quer (de biquini e plumas) e que acha que merece a condescendência das mulheres para sua falta de respeito e civilidade.

E escreve isso em um coluna de jornal!!!



"Estava vendo fotos do desfile da Victoria's Secret que aconteceu em Xangai. As "angels". Como é bacana aquilo. Elas serpenteiam pela passarela em cima de botas de cano e salto altíssimos, vestidas só de biquíni, ornamentadas por grandes esplendores de penas, como vaidosas caudas de pavão.
Houve tempo em que sonhei com um mundo em que todas as mulheres se vestissem daquele jeito. Não importaria a forma física delas, não importaria sua idade, não importaria se fossem gordas ou magras, se usassem a faixa de presidente da República, limpassem as ruas como garis, assinassem receitas como médicas ou cuidassem dos filhos como donas de casa. Não importaria nada disso: todas as mulheres usariam aquelas roupas. A Renata Vasconcellos apresentaria o Jornal Nacional na frente de um esplendor de penas. Seria um mundo mais leve, mais amistoso.
Mulheres, sejam condescendentes conosco. Perdoem nossas tolices. No fundo, somos apenas guris.

Mas o mundo não é assim. Paciência. As mulheres vestem tailleurs e usam coque e, se alguma quiser ir ao trabalho de biquíni e salto alto, será criticada pelas redes. Malditas redes repressoras. Libertem as mulheres! Deixem que elas sejam angels! Que revelem o segredo de Victoria!
Gosto deste nome, O Segredo de Victoria. Li que o americano que fundou a marca, um sujeito chamado Raymond, o fez porque sentia vergonha de comprar calcinha e sutiã para a mulher dele em grandes lojas de departamento. Ele entrava em uma Mesbla, por exemplo, ia à seção de lingeries e os outros homens, que estavam escolhendo gravatas e chapéus, olhavam e saíam comentando:
– Vi o Raymond comprando uma calcinha.
Aí ele pediu dinheiro emprestado e inventou uma loja que só vendia calcinha e sutiã e, assim, pôde comprar presentes descansado para sua mulher. Mas, por algum motivo, a loja não deu certo nas mãos dele, Raymond acabou por vender a marca, e o novo dono, aí sim, transformou-a em sucesso e ficou bilionário. Raymond, que, está provado, era uma pessoa sensível, não suportou ver o outro ficar rico e famoso com sua criação e se matou, atirando-se do alto da ponte Golden Gate, em São Francisco.
Há várias intrigantes questões psicológicas nessa história. Uma delas é a relação de Raymond com roupas íntimas de mulher. Ele certamente sentia prazer ao escolhê-las, e por isso ficava intimidado ao ser observado por homens que não estavam fazendo o mesmo.
Lembro de uma entrevista que a loira Scarlett Johansson deu a uma emissora de TV sobre seu personagem no cinema, a Viúva Negra. Nos filmes, ela veste uma roupa colante preta. O entrevistador perguntou se ela usava alguma coisa debaixo do uniforme. Scarlett protestou:
– É o quinto homem que me pergunta isso! O que é que há com vocês???

Scarlett esperava que lhe perguntassem sobre suas técnicas de atuação, sobre suas ideias, sobre sua filosofia de vida, mas os entrevistadores só queriam saber se ela estava sem calcinha. Esse mero pensamento os perturbava.
Isso demonstra como nós homens somos bobos. Já disse e repito: as mulheres evoluem a vida inteira, nós só evoluímos até os 12 anos de idade. Para sempre seremos o que fomos aos 12 anos, com algumas responsabilidades a mais. Só os chatos se tornam realmente maduros. Portanto, mulheres, sejam condescendentes conosco. Perdoem nossas tolices. No fundo, mentalmente, ainda estamos jogando bolinha de gude com os amigos. No fundo, somos apenas guris. Este não é o segredo das Victorias. Este é o segredo dos Raymonds."

https://gauchazh.clicrbs.com.br/colunistas/david-coimbra/noticia/2017/11/os-homens-so-queriam-saber-uma-coisa-da-viuva-negra-cja8pc8oa008t01mxgfj623si.html

Anônimo disse...

Mulheres não são como pavões... machos.

Anônimo disse...

Alguém nos comentários falou que 90 por cento dos mendigos é homem,acho que é verdade mesmo porque pra uma mulher ser mendiga ela tem que ter muita sorte de ficar viva pois não demora muito os misóginos vão fazer todo tipo de perversidade com elas ser for homem ainda tem chance de continuar vivo na rua, mas para as mulheres é quase certo ser vitima da violência.

Anônimo disse...

A necessidade de reduzir a fêmea a um animal, a uma Mamãe, a um macho, tem motivos tanto psicológicos como práticos. O macho é simplesmente um membro da espécie, suscetível de ser trocado por qualquer outro macho. Não possui uma individualidade profunda, pois a individualidade se origina na curiosidade, naquilo que se encontra fora de você mesma e que a absorve, aquilo com o que alguém se relaciona. Os machos, completamente absorvidos por si mesmos, capazes de se relacionarem somente com seus próprios corpos e com suas sensações físicas, diferem entre si somente pelo grau e pelas formas como tentam defender-se contra sua passividade e contra seus desejos de serem fêmeas.

A individualidade da fêmea, da qual o macho é intensamente consciente, mas com a qual ele é incapaz de relacionar-se, de compreender ou alcançar emocionalmente, o assusta, o perturba e enche-o de pavor e de inveja. Assim, ele nega a individualidade dela, e se dispõe a definir todo mundo, ele ou ela, em termos de função ou de uso, assegurando para si, logicamente, as funções mais importantes – médico, presidente, cientista –, a fim de dar-se uma identidade, se não uma individualidade, e convencer, a si mesmo e às mulheres (teve melhor êxito convencendo as mulheres) que a função da fêmea é conceber e criar filhos e relaxar, confortar e impulsionar o ego do macho; que sua função é, em suma, tornar-se trocável por qualquer outra fêmea. Mas, na verdade, a função da fêmea é comunicar-se, divertir-se, amar e ser ela mesma, insubstituível por nenhuma outra; a função do macho é produzir esperma. Atualmente existem bancos de esperma.

Em conclusão, a verdadeira função da fêmea é investigar, descobrir, inventar, resolver problemas, fazer piadas, compor música – tudo com amor. Em outras palavras: criar um mundo mágico.

- V.S, SCUM.

Anônimo disse...

"(qual a porcentagem de riqueza dos homens?),"

Riqueza dos homens ou de um pequeno grupo de homens Lola? Meu sobrenome não e Rockfeller, e pelo que eu sei somente 0,000000001% dos homens do mundo são ricos, a maioria ta lascado. E não arruma nenhuma mulher para fazer de puleiro, agora o contrario...

"Poder dos homens?"
A ONU nunca ligou em casa para me consultar em nada, eu que chege 5 minutos atrasado no meu trabalho sem justificar para verem todo meu poder ir pra fila do seguro desemprego :P

lola disse...

Ô troll, eu tô falando de porcentagem, não de vc. Tente usar o seu cérebro.

A concentração de renda tem aumentado nos últimos anos, e isso prejudica muito mais as mulheres. Hoje 8 bilionários têm o mesmo patrimônio que 3,6 bilhões de pessoas.

"O relatório ressalta que há uma grande diferença de gênero que se soma ao abismo de riqueza entre os mais ricos e os mais pobres. As mulheres tendem a se concentrar na metade inferior da distribuição de renda. No mundo, a chance de mulheres participarem do mercado de trabalho remunerado é cerca de 27 pontos porcentuais menor do que a dos homens, em média.
Mais: em empregos formais, é comum que as mulheres recebam salários menores do que os homens. As mulheres ganham de 31% a 75% menos do que os homens devido à lacuna de remuneração e a outras desigualdades econômicas, como a falta de acesso a proteção social, que se acumulam e as deixam em situações bem piores ao longo da vida.
Mesmo em economias avançadas, onde a disparidade de escolaridade de gêneros já foi, em grande parte, eliminada, os homens continuam a ser maioria entre o grupo de alta renda. Na Dinamarca, em 2013, as mulheres representavam apenas 31% do grupo dos 10% com renda mais alta. No mesmo ano, no Canadá, esse porcentual era de 30%; na Nova Zelândia, de 29%; e no Reino Unido, de 28%. Na Itália, em 2014, as mulheres eram 29% do grupo."

Anônimo disse...

"As mulheres ganham de 31% a 75% menos do que os homens"

Quando eu for empresario só vou contratar mulher, vai dar um lucro danado, os homens que se lasquem querendo ganhar mais.

lola disse...

Novamente, troll, suposições ("quando eu for empresário") contra fatos, estatísticas. Impossível debater com ignorantes.

Anônimo disse...

Querem fatos? Tomem fatos:

. As mulheres são mais da metade da população, realizam entre dois terços e três quartos do trabalho do mundo, produzem também mais da metade da comida, mas recebem apenas 10% e possuem somente 1% da terras produtivas em escala mundial.

. Mulheres recebem menos que os homens em 99% de todas as ocupações remuneradas.

. Mulheres são cerca de 70% da população em situação de pobreza e miséria no mundo.

. No mínimo 66% das mulheres adultas do mundo inteiro estão em situação de analfabetização.

. Milhões de mulheres em todo o mundo, nas fábricas, nas sex shops ou nas suas próprias casas são abusadas e aviltadas – tratadas como mercadorias que se vendem e se comprem. Milhões de mulheres são consideradas propriedade privada e controladas como bens e não tratadas como seres humanos.

. O tráfico sexual atravessa todo o planeta. A cada ano, centenas de milhares de mulheres são raptadas, coagidas, compradas e vendidas para a escravidão sexual.

. Mais de 2 Milhões de meninas com idades de 5 a 17 anos são forçadas a serem vendidas no mercado do comércio sexual todos os anos.

. A nível mundial mais de 1/3 das gravidezes não são planejadas. Todos os anos quase 1/4 de mulheres grávidas decide fazer um aborto. Criminalizar o aborto não reduz o número de abortos; pelo contrário, apenas aumenta a mortalidade e o risco que advêm dos abortos clandestinos. A maioria dos abortos ilegais são realizados em condições que põe em risco a saúde da mulher. São sobretudo as mulheres sem recursos financeiros que recorrem a métodos abortivos de risco.

. De cada 10 homicídios vitimando mulheres, 7 são praticados por homens que possuem vínculo emocional com a mulher (marido, noivo, namorado, pai, irmão, etc.)

. Quase 1/3 das mulheres brasileiras já sofreram agressão por parte de seus maridos, noivos, namorados.

. Uma em cada 5 mulheres será vítima ou sofrerá tentativa de estupro até o fim de sua vida.

. A cada 10 minutos, uma mulher é agredida no Brasil, e a cada 20 minutos, uma é estuprada por um ou mais homens.

e muitos outros, os dados estão por toda a internet, se quiserem saber mais é só pesquisar.

Anônimo disse...

Em conclusão, a verdadeira função da fêmea é investigar, descobrir, inventar, resolver problemas, fazer piadas, compor música – tudo com amor. Em outras palavras: criar um mundo mágico.


Kkkkkkk bebeu o q? Como ficam as mulheres assassinas, pedofilas, sequestradoras, traficantes. ..?

Anônimo disse...

Olha, um humorista!!

Anônimo disse...

Mimimimi. Advinha quem criou alistamento obrigatório ou de ficar se matando como bestas selvagens: os homi!
Estão sofrendo pelo que criaram e não fazem nada para mudar. Vai se ferrar!

Anônimo disse...

Já ouviu falar da inveja do útero? Ah, realmente há algumas pessoas aqui para quem fatos não existem e ainda inventam fantasias de um mundo em que as mulheres seriam donas de 99,99% das riquezas estrapolando para a conclusão de que mulheres continuariam reclamando das injustiças (oi????) E não percebeu que quem está reclamando é ele mesmo.
Que porra é essa dos descendentes? Não está inteligível. O que diabos você quis mostrar com isso. Qual a informação importante que se conclui a partir desses dados?
Vamos supor que no paleolítico haviam 20 homens e 20 mulheres então no grupo só um homem deixou descendentes e 19 morreram sem filhos. Já 17 mulheres deixaram descendentes e 3 morreram sem filhos. Bom pro macho que transou com as 17, né? Mas qual a importância da informação?

Anônimo disse...

Querem saber quem são os verdadeiros privilegiados?

Pesquisem sobre as corporações, lojas, burgos, etc. medievais. Pesquisem sobre as sociedades secretas.

Eles criaram os bancos e o capitalismo e controlam até hoje.

Pq mulheres não eram permitidas na política? Pq a política é feita por maçons, e mulheres não são permitidas na maçonaria.

George Orwell conhecia a agenda secreta.

Temer, Bolsonaro, Trump.. são todos maçons. Todos os presidente dos EUA foram maçons.

Abram os olhos, pois o verdadeiro inimigo não se mostra.

Anônimo disse...

Pqp!

Anônimo disse...

Ah que fofa, até a Valerie Solanas é mais interessante do que os masculs. Exceto quando ela tá falando seus planos mirabolantes de extermínio masculino. Essa parte foi bonitinha.

Anônimo disse...

Vão ser estúpidos e cínicos assim no inferno, machos!

donadio disse...

"No mínimo 66% das mulheres adultas do mundo inteiro estão em situação de analfabetização."

De onde sai essa "estatística"?

Ela é evidentemente falsa. Para que 66% das mulheres do mundo fossem analfabetas, seria necessário que no mínimo 33% da população mundial fosse analfabeta (na improvável hipótese de que todos os homens fossem alfabetizados). Mas apenas uns 16% da população mundial são analfabetos, logo não tem como isso ser verdade.

Anônimo disse...

Não!

Anônimo disse...

Sai fora, nazi!

Anônimo disse...

Eis que surge Chuck, o boneco assassino.

Anônimo disse...

Mulheres, parem de esperar qualquer tipo de compreensão por parte de homens.

Homens, sobre a condição de mulher e a situação das mulheres: sem útero, sem vagina, sem clitóris, sem vulva = sem opinião.

Anônimo disse...

donadio, além do analfabetismo total/absoluto, também existem o iletrismo, o analfabetismo funcional e o analfabetismo tecnológico.

Anônimo disse...

Existem diferentes tipos de analfabetismo:

O analfabetismo absoluto ou total: o indivíduo recebeu pouca ou nenhuma orientação para ler e escrever. A maioria não consegue nem mesmo assinar o próprio nome;

O iletrismo: não há compreensão do que lê. Geralmente ligado a um ensino com defasagem na escola. No Brasil, a falta de incentivo aos sistemas educacionais é um dos causadores do iletrismo;

O analfabetismo funcional: o indivíduo consegue ler e escrever frases curtas, mas não compreende seu significado. Sabe decodificar os símbolos, mas não o que eles querem dizer.

O analfabetismo tecnológico: o indivíduo não possui informações necessárias para operar computadores, celulares, aparelhos eletrônicos e outras ferramentas tecnológicas.

Anônimo disse...

Se for considerar todos os tipos de analfabetismo o número é na verdade muito maior:

http://tutorialsaude.blogspot.com.br/2014/04/20-tipos-de-analfabetismo.html

Anônimo disse...

Observando o comportamento humano, e a caixa de comentários daqui e e de outros espaços definitivamente se chega a conclusão que homens e mulheres não deveriam compartilhar os mesmos espaços.Se detestam!

titia disse...

19:09 não estamos na China nem num país islâmico, porífero. Estamos na porra do brasil, e aqui vocês cristãos é que são os opressores, os perseguidores, os agressores, os carrascos, como quer que você queira chamar. Pare de tentar fazer os cristãos de pobres coitadinhos da história quando são justamente os cristãos que estão arrastando esse país pra merda e fodendo a vida de todo mundo que não quer saber de se juntar ao clubinho deles.

Anônimo disse...

Capitalismo é o câncer que destrói nossa prosperidade. Prosperidade não é fazer um monte de lixo, mas sim usar nossos recursos com sabedoria para que todas as necessidades de todo mundo sejam atendidas.

É uma pena que a revolução socialista dos trabalhadores não trouxe ou não possa trazer abundância para todas as pessoas e revolucionar verdadeiramente. Isso mostra que qualquer sistema monetário é intrinsecamente injusto e corrupto. É tempo para uma Economia Baseada nos Recursos e na Lei Natural.

A posse de propriedade é o cerne do mal que é o capitalismo. Capitalismo é o puro mal, viola e rouba todas as comunidades que atravessa, à medida que procura novas vítimas, quero dizer "mercados". É tempo para abundância para todo mundo com um sistema não-monetário como a Economia Baseada em Recursos e na Lei da Natureza ou o Projeto Venus https://www.thevenusproject.com/

Precisamos abolir o capitalismo, nos livrarmos de todas as classes e construirmos um sistema não-monetário baseado na lei natural dos recursos. Sistemas Monetários de Bancos Centrais são projetados para escravizar. O dinheiro sempre corrompe, infesta e apodrece como um furúnculo, causando má-fé nos trabalhadores. O melhor é um sistema não monetário. Tudo o que precisamos, no máximo, é de 4 horas semanais de serviço comunitário para termos abundância para todas as pessoas. Não mais escravidão militar ou assalariada. Chega! Economia Baseada em Recursos já!

Anônimo disse...

Fonte: Times New Roman

Anônimo disse...

porque eu acho que homens e mulheres, definitivamente, não nasceram pra viver um com o outro. Gays e lésbicas quando vão se paquerar são sempre mais diretas e se dão melhor, conversam melhor e gozam mais. Casais héteros se enjoam, nem sempre são amigos, não dialogam e a mulher não goza. Homem tem um "time" sexual bem diferente do da mulher, e pelo visto, está difícil de isso mudar. Homens têm cada vez mais agredido e matado mulheres. Então, a heterossexualidade deu errado; definitivamente, serve somente para a reprodução. Prazer só pro homem hétero mesmo. E ainda sim, só o prazer de gozar, porque na maioria das vezes, o homem não tem o saco de papear e quer dormir.

Anônimo disse...

titia, mesmo as mulheres que querem se juntar ao clubinho dos cristãos tem a vida fodida por eles também (provavelmente se ferram até mais do que as outras)

Anônimo disse...

Ficam fora do mundo mágico. Ah vah até você achou fofo. Até a Valerie era sensível e fofa de vez em quando.

"Como ficam as mulheres assassinas, pedofilas, sequestradoras, traficantes. ..?"
Rsrsrs, pois é mesmo que existam em menor número em comparação com os homens criminosos até no que há de pior as mulheres estão conseguindo alcançar os homens.
Mulher é o que ela quiser.

Anônimo disse...

E a culpa é sempre dos homens né? A maioria das mulheres é desinteressante e se acha um prêmio, espera que o cara sustente a conversa senão não tem um "bom papo". Aí é gozar e cair fora mesmo. Sei que muitas não são assim, mas a maioria é, criadas pra serem princesas desmioladas

Anônimo disse...

falou o homem: o bastião da inteligência, do conhecimento, da profundidade, da intensidade, da engenhosidade, da criatividade e do divertimento - só que ao contrário.

Anônimo disse...

Problema resolvido, rapaz: arranje um outro homem que combina perfeitamente com você e sejam felizes juntos. Tchau!

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkkk! Sonho meu... sonho meu...

Anônimo disse...

Vontade de estampar isso na testa ou sair colando por aí em forma de cartaz:

homem: faz bosta
mulher: tá bem, vou relevar
homem: faz bosta
mulher: tá foda, mas blz
homem: faz bosta
mulher: VAI TOMAR NO CU, DESGRAÇADO DO CARALHO, MORRA!
homem: ain, que mulher maluca, histérica, exagerada, descontrolada...

Anônimo disse...

21:16

Ué, foi mesmo. Isso prova que é baboseira q a vida da mulher vale meno. Como eu disse antes, se fosse verdade, os homens dessa época teriam mandado as mulheres se fuderem no nosso lugar.
E vcs estariam se fudendo até hj.

Anônimo disse...

"Como ficam as mulheres assassinas, pedofilas, sequestradoras, traficantes. ..?"
Rsrsrs, pois é mesmo que existam em menor número em comparação com os homens criminosos até no que há de pior as mulheres estão conseguindo alcançar os homens.

*********************************************************************************

nem vc msm acredita q essa comparação tem uma equivalência real significativa

mas pode continuar tentando se convencer disso, ninguém liga

Anônimo disse...

"a vida dos homens vale mais"
Uma moça bonita e assassinada: comoção social máxima, investigação acirrada ate chegar ao culpado.
Homens assassinados em massa todo dia: A pasta cinza vai para pilha de inquérito em aberto em um canto mofado de DP.

Jana disse...

nunca que vida de mulher é mais fácil do que de homem, isso aí é mimimi e vitimismo

Lij disse...

Misericórdia, alguém fecha a porta do inferno!

Anônimo disse...

Gente, acho que a questão do texto sequer toca no tema "Qual vida vale mais: homem ou mulher".

A questão envolve as pequenas coisas do cotidiano. As famílias, que são oportunidades diferentes a filhos e filhas, essa a coisas sabe?
Hj isso tem melhorado mas ainda se vê.

Minha vó era muito boa em matemática. Melhor que todos os irmãos homens. Eram todos pobres, mas adivinha quem foi obrigada a largar a escola primeiro?

O meu noivo eh um cara incrível que foi criado apenas pela mãe. Ele está acostumado a alguém que prioriza ele mais do que a si mesmo. Todas as vezes que a campanhia toca bem cedo na nossa casa ele realmente acredita que sou eu quem tenho que levantar. Ele real mente acha que o sono dele eh mais importante.

Isso não me mata nem matou a minha vó mas eh consequência sim do machismo. Uma pequena consequência que me incomoda muito. Farei de tudo p não reproduzir esse modelo quando tiver filhos.

Alicia

titia disse...

23:00 é verdade. O problema maior, creio eu, é que os cristãos não se contentam em foder apenas a vida de quem entrou pro clubinho, querem foder a de quem está fora também. São como criancinhas egoístas que não querem se foder sozinhas, incapazes de bancar os ônus da própria escolha. A lógica desses sujeitos é que a religião deles os faz infelizes, então todo mundo tem que ser tão desgraçado quanto eles-ou mais, pra que eles possam justificar a permanência numa instituição que os oprime, explora e estraga a saúde mental e emocional deles. "Ah, meu casamento tá uma merda, meu dinheiro não dá pra nada por causa do dízimo, não posso nem assistir uma novela que não seja a da rede do bispo, todo dia tenho vontade de me matar pq tomar remédio pra depressão é falta de fé, mas aquela vadia ali foi estuprada e se engravidou não vai conseguir abortar, e aquele viado ali apanhou até morrer, háhá, bem feito, se foderam viados e vadias, se estivessem na igreja isso não acontecia, háhá!".

Enfim, psicopatia pura.

titia disse...

01:01 não vou mencionar as centenas de feminicídios, estupros e outros casos que geram comoção por dois dias e depois todo mundo esquece, que o criminoso passa dois meses na cadeia depois sai por bom comportamento, ou nem vai preso e 90% dos comentários na matéria defendem que a vadia 'aprontou alguma'. Google tá aí pra isso. Mas vou dar uma dicona aqui pra vocês, pobres machinhos morrendo em massa todo dia, pararem de morrer tanto. Uma dica que eu aprendi com vocês mesmos, anons geniais:

Virem todos homens brancos, héteros e ricos. Fácil, né?

Anônimo disse...

Oi????? A pessoa quando tem a cabeça entupida de ideologia não consegue sequer entender uma ironia. Oh God. Dá sono.

Anônimo disse...

A vida das mulheres de fato não vale menos que a dos homens, mas o que esses mascus idiotas não são capazes de compreender e querem que não seja dito, que fique escondido e seja considerado "natural", "necessário" e "inevitável", etc. é que as mulheres são ensinadas desde o nascimento que a vida delas vale menos e que a dos homens vale mais e os meninos ensinados o mesmo (que a vida deles vale mais que a das mulheres), daí que vem esse sentimento irracional de merecimento por parte dos homens, que é o assunto do post.

Anônimo disse...

Vocês homens procuram mais confusão por si próprios. Tirando questões que não envolvem problemas que não foram culpa de vcs (desemprego, doença, briga na família), vcs são orgulhosos e não aceitam ajuda na hora da necessidade. Aí vai pra rua.

Anônimo disse...

As mulheres continuam se ferrando, graças a estupidez de bestas selvagens sem cérebro como vocês, mas estamos lutando para vence-los.

Janaína disse...

"Mulheres, sejam condescendentes conosco. Perdoem nossas tolices. No fundo, somos apenas guris."

Ninguém nunca foi condescendente comigo pq eu era guria. Pelo contrário; toda hora me mandavam crescer e me tocar da vida. E vcs querem ser meninões pelo resto da vida.

donadio disse...

Off topic...

Alguém viu isto?

https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/328559/Madame-demite-empregada-dom%C3%A9stica-por-usar-o-banheiro.htm

titia disse...

https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/328559/Madame-demite-empregada-dom%C3%A9stica-por-usar-o-banheiro.htm

Acabei de ver. Rezando pra que fosse fake, trollagem, qualquer coisa menos a realidade. Mas parece que é a realidade.

E conhecendo a "casta coxinha" como conheço, não posso duvidar de mais nada.

Por via das dúvidas alguém aí empresta uma espada pra eu cometer um harakiri?

Rodolfo Abrantes disse...

Nossa é uma pena que a titia e contra a maternidade, gostaria muito de ver como seria uma criança (do sexo masculino e lógico) criado por ela.

Nossa ele iria virar o protótipo do homem perfeito, praticamente a reencarnação de Apollo.

Anônimo disse...

"Uma moça bonita e assassinada: comoção social máxima, investigação acirrada ate chegar ao culpado."

Em que mundo de fantasia você vive?? Porque com certeza não é nem no planeta Terra, muito menos no Brasil.

Anônimo disse...

"E a culpa é sempre dos homens né? A maioria das mulheres é desinteressante e se acha um prêmio, espera que o cara sustente a conversa senão não tem um "bom papo". Aí é gozar e cair fora mesmo. Sei que muitas não são assim, mas a maioria é, criadas pra serem princesas desmioladas"

outra solução simples: para de ir sempre atrás só de moça padrãozinho topzera, tente encontrar mulheres com interesses em comum aos seus. Pronto, não precisa mais culpar a população feminina toda pela sua incapacidade de fazer boas escolhas.

Obrigada, de nada.

Anônimo disse...

Kkkkk que ridícula essa patroa. Espero que o "espalhar no face" tenha saído pela culatra e ela tenha tomado um tiro de realidade na cara.

Anônimo disse...

titia, o harakiri é um ritual apenas para homens (guerreiros samurais). As mulheres (guerreiras) realizavam o jigai e amarravam as pernas para não morrerem desonradas de pernas abertas.

Anônimo disse...

Desculpa, mas quem tem apenas um banheiro em casa é pobre. Essa daí é uma pobretona se achando a rica. Apostam quanto que essa "patroa" tem a pele mais clara que a da diarista?

Anônimo disse...

Tomei nojo dessas militâncias e p/ mim que sou vegetariana e anti-especista então essas conversas das militâncias me dão agonia. Então mesmo sendo pobre e do interior da Bahia sou vegetariana e odeio superioridade de espécie, mas de acordo com essa militância ser vegetariana é coisa ''rico'', mas não ter iphone é fazer ''voto de pobreza''. Vai entender. Boa sorte pra quem fica!

Anónimo disse...

Alicia, desgurpe, mas esse mesmo exemplo ja senti na pele com garotas, foi questao de criar embaixo das asas, e nao tinha a ver com feminismo ou machismo...eh só pensar um pouco

Anônimo disse...

Corrigindo:

"E conhecendo a "casta coxinha" como eu vi na novela"

Viviane disse...

E outra: quem contrata diarista é pobre, pois rico contrata empregada mensalista, com carteira assinada.

titia disse...

15:12 jigai então, mas sem essa frescura de amarrar as pernas.

Rodolfurher, um filho criado por mim seria completamente diferente de você. E é isso que te apavora: um homem que não estará disposto a dar cobertura pras suas escrotices e crimes. Um homem disposto a romper a rede de silenciamento e violência que protege criminosos machistas das consequências de seus atos. Deu até vontade de ir fazer um imediatamente só pra você morrer do coração.

E desde quando admitir as verdades inconvenientes a respeito da procriação humana-ou seja, que nem todo mundo serve pra esse negócio de criar do zero outro ser humano-é ser contra a maternidade? Pelo contrário, Rodolfurher, eu sou mais a favor da maternidade que você. Isso porque sou a favor da maternidade ponderada, consciente, planejada e totalmente desejada, por parte de pessoas que querem ter filhos e tem condições mentais e emocionais de criar seres humanos saudáveis, produtivos e bem ajustados. Você é quem quer que as pessoas continuem procriando feito ratos, sem pensar, sem condições de cuidar, colocando filho no mundo pra ser abandonado e maltratado.

06:35 como eu vi na novela não, filho, como eu vi no facebook e no instagram postando fotos de desconhecidos sem permissão e reclamando como aeroporto tava virando rodoviária, e como era absurdo os pobres estarem frequentando os shoppings, ou como era absurdo morar no mesmo prédio que a empregada.

donadio disse...

"No mínimo 66% das mulheres adultas do mundo inteiro estão em situação de analfabetização."

Não. Simplesmente não é verdade que 66% das mulheres adultas do mundo sejam analfabetas (ou que estejam em "situação de analfabetização"). De que jeito as mulheres estariam ultrapassando os homens em todos os segmentos da educação superior, se de cada 3 duas fossem analfabetas?

66% dos analfabetos do mundo são mulheres. O que é uma coisa muito diferente. Se só houvesse três analfabetos no mundo todo, e dois fossem mulheres, elas seriam 66% dos analfabetos. Mas seriam 0,000algumacoisa das mulheres do mundo, nem perto de 66%.

Anônimo disse...

Rodrigo, então junte-se a outros homens e corra atrás pelo fim do alistamento militar obrigatório.

Anônimo disse...

E o pior foi 'no penis, no opinion' hahaha hahahahah, meu Jesus...