sexta-feira, 11 de novembro de 2016

ESTA ELEIÇÃO É UMA FRAUDE!

Um bom resumo da nossa sensação no momento

O mundo continua com enorme dificuldade de engolir a vitória do mega repulsivo e despreparado Donald Trump.
Durma com uma imagem dessas
E eu faço parte deste mundo, então vou dedicar mais um post a este desastre eleitoral. É o que todo mundo tá falando hoje, além da hashtag #SomosTodosBolsonaro (em que 99% dos tuítes são contra o coisa ruim) e das manifestações de hoje por todo o Brasil contra o governo golpista e a PEC 55 (ex-241), que foram lindas mas não conseguiram parar o país. 
Clique para ampliar
Que ninguém venha me dizer que dava na mesma, que Hillary e Trump eram os dois "a mesma m*rda", que tanto faz. Gente, simplesmente não é verdade. E tanto não é verdade que o planeta inteiro (tirando o Putin) está olhando espantado e aterrorizado pros EUA neste momento. Tanto não é verdade que vários protestos continuam acontecendo nos EUA. 
Da entrada de um pub na
Inglaterra: "Todos os ameri-
canos devem estar acom-
panhados de um adulto"
E não é questão de não aceitar um resultado. Os infelizes que vem até aqui escrever "Chola mais" (como se essa fosse uma análise, como se isso resolvesse alguma coisa) deveriam saber que Hillary ganhou. Ela teve mais votos populares que Trump. Assim como Al Gore contra Bush em 2000, um resultado que até hoje é altamente contestado. Há algo errado num sistema político que elege não quem teve mais votos, mas quem ganha o número de delegados de cada Estado. É uma eleição indireta, e vários americanos se opõem a esse sistema. Cabe a eles sim protestar. 
Aliás, adivinha quem encorajou as pessoas a protestarem se a pessoa que tiver mais votos não for eleita? Quem escreveu essas linhas: 
"Mais votos significam uma derrota... Revolução! Esta eleição é uma fraude! Não somos uma democracia! Vamos lutar e impedir esta injustiça nojenta! O mundo está rindo de nós. Não podemos deixar isso acontecer. Devemos marchar até Washington e parar este escândalo. Nossa nação está totalmente dividida! Ele perdeu no voto popular e ganhou a eleição. Deveríamos ter uma revolução no nosso país!"? 
Isso mesmo, "the Donald". Trump escreveu tudo isso no Twitter quatro anos atrás, em 2012, quando ele achou (mais uma vez estava enganado) que Obama havia recebido menos votos que Romney. 
É pra gente se perguntar: como alguém pode votar num Trump? O mascu Marcelo tem uma explicação. 
Eu ainda tenho fé demais na humanidade pra achar que Trump ou Bolso ou gente que defende as atrocidades que eles defendem representam "o povo" ou são a maioria. Não são. 
Mas o fato é que 53% das mulheres brancas nos EUA votaram no Trump, contra 94% das mulheres negras, que votaram na Hillary. (Mas quero acreditar que 99% das feministas de qualquer etnia votaram em Hillary).
É injusto, a meu ver, culpar unicamente as mulheres brancas pela ruína dos EUA. digo, vitória de Trump. 
É meio como culpar a mãe quando um filho vem a ser um fracasso, como se essa mãe educasse o filho sozinha numa ilha deserta. Mas as mulheres brancas dos EUA vão ter que se explicar. Tudo bem que elas votaram mais ou menos como votaram em 2012, contra Obama (tudo bem my ass!), mas desta vez a candidata era uma mulher branca. 
Tuíte do líder atual da KKK diz que
Trump deve a vitória ao Sul dos EUA
(retratado com bandeiras racistas)
E não só isso -- o oponente era um misógino confesso. Como puderam votar num cara que é acusado de vários estupros e assédios, que chama as mulheres dos piores insultos, que prometeu nomear para a Suprema Corte juízes que derrubem a lei que permite aborto legal nos EUA desde 1973. 53% das mulheres brancas compararam uma candidata competente e experiente com um babaca megalomaníaco que nunca exerceu um cargo público na vida e decidiram se juntar aos homens brancos que gritavam nos comícios do republicano "Trump that bitch" ("Derrote aquela vadia". Curiosamente, o nome Trump, assim como Temer, tem alguns significados não muito ocultos). 
Obama com cara de "O que você fez, América?" E Trump com cara de "Odeio esse cara"
É terrível.
É como eu já escrevi: neste momento, deveríamos estar comemorando a primeira presidenta dos EUA. Não tentando compreender como um Trump ganhou. Bom, eu sabia (até já escrevi sobre isso) que Hillary Rodham Clinton no início de seu casamento não quis adotar o sobrenome do marido, e que esse mero fato custou a reeleição de Bill Clinton a governador de Arkansas. Mas eu não sabia que Hillary só decidiu se mudar para Arkansas e se dedicar à carreira política do esposo após ela ser reprovada num tipo de exame da OAB em Washington. É muito interessante conhecer o machismo que ela teve que enfrentar até chegar a ser candidata -- e perder logo pro mais misógino de todos os candidatos. 
E a reação dos que ganharam é parecida com aquela de quem ganhou as eleições municipais, ou de quem comemorou o golpe, perdão, impeachment contra Dilma (que eles ingenuamente pensam que aconteceu por causa deles). Em vez de ficarem felizes, continuam atacando e ameaçando quem perdeu.
Pra se ter uma ideia da dimensão da tragédia, a organização racista Ku Klux Klan está com desfile de comemoração pela vitória de Trump marcado para o início de dezembro. Não é surpresa, visto que todo tipo de racista e neonazista fez campanha pelo laranja. A convocação para o desfile comemorativo diz "A raça de Trump uniu meu povo". 
A KKK, assim como os masculinistas, nega ser um grupo de ódio. Seu objetivo é apenas "devolver a América à nação cristã branca". 
E óbvio que o discurso de ódio não fica só no discurso. Apenas em suas primeiras horas, a "era Trump" já deu mostras do que se seguirá nos EUA e no mundo. E não será bonito. Principalmente para as minorias. 

94 comentários:

Anônimo disse...

Ai Lola, não vai ser bonito pra ninguém MESMO ! Lamentável isso...

Anônimo disse...

"53% das mulheres brancas compararam uma candidata competente e experiente com um babaca megalomaníaco "

Trump tem razões de sobra para ser criticado, mas dizer que Hillary era uma boa opção é forçar a barra legal, principalmente vindo de uma feminista. Clinton era, na melhor das hipóteses, a candidata "menos pior". A quantidade de "podres" a seu respeito, em uma eleição de voto facultativo, pesou bastante para que ela perdesse a disputa(que, por sinal, ocorreu conforme as regras).

Anônimo disse...

A Hillary é uma boa opção? COMPETENTE??????? Pq não vi no seu texto sobre os e-mails? Sobre financiamento do terrorismo? Sobre passar a mão na cabeça de mascu e silenciar vítima de abuso?

Anônimo disse...

Essas manifestações contra a PEC 55 tiveram meia dúzia de gatos pingados, o dia que juntarem os 2 milhões de pessoas que foram na Av. Paulista pedir o impeachment eu começo a me preocupar. Vai ter PEC sim, assim como teve copa, teve impeachment, teve ENEM...

Anônimo disse...

HILLARY competente????? Só faltou dizer que ela era honesta... Forçação de barra mil.

Anônimo disse...

Antes que alguém venha com um "ah, mas voces reclamaram de golpe quando se manifestaram aqui contra a dilma e agora acham certo?"
Não é nem de longe a mesma situação, até por que os votos são apurados de forma diferente aqui e lá. Tem sim cabimento essa revolta da parte da nação com o resultado, uma vez que se fosse que nem aqui, quem estaria na casa branca ano que vem seria a hilary. Já deviam ter tentado mudar isso há muito tempo, como o próprio presidente eleito dos estados unidos defendeu no passado (e antes de ser eleito também, quando disse que caso perdesse não aceitaria o resultado).

E pra quem vier de reclamação, eu que lanço a pergunta. Se voces acharam que deviam se manifestar e contestar a eleição de dilma (queriam contestar desde a época em que ela foi eleita) por que eles não podem contestar a eleição de trump? Lembrando novamente que as situações são bem diferentes, tanto pra eleição em si quanto para o fato de se contestar e revoltar.

Penny Lane disse...

olha Lola, de verdade, eu não acho que isso foi fraude não. Os EUA é um país muito conservador.Eles continuam racistas, misóginos,e eles odeiam perder espaço para estrangeiros.Vc acha que depois de um presidente negro, eles iam deixar ser eleita uma mulher? isso infelizmente é um retrato da vontade deles.

agora é torcer para que impeçam ele de fazer a metade das coisas que ele prometeu fazer,porque aquilo lá é um porco!

Anônimo disse...

E dos podres da Hillary não vai falar? Sim, quem venceu foi Trump e devemos focar nele mas se abster de falar de todas as coisas que beiram o nível da psicopatia que Hillary fez é muito fácil né? E dizer que ela é competente... Não sei nem o que dizer sobre isso.

Anônimo disse...

Hillary NÃO ganhou. Não se ganha do jeito que você acha justo, mas do jeito que a Constituição diz que tem que ganhar.

Trump ganhou pelas regras do jogo. Todo mundo sabia como era e é assim há mais de dois séculos, e por um bom motivo (pesquisem a razão de os Founding Fathers terem optado por esse sistema).

Ninguém reclamou do Colégio ANTES. Eles não estão incomodados com o Colégio mas com o resultado.

Anônimo disse...

Essa imagem primeira fez lembrar

https://pbs.twimg.com/profile_images/707743527778713600/UBvKNLuy.jpg

Catarina

Anônimo disse...

Medonho esse caso do KKK.

Anônimo disse...

Lola, você está completamente enganada.

A Hillary Clinton é uma das grandes responsáveis pela destruição da Líbia e regiões próximas, e a instalação do Estado Islâmico nessa região. Processo esse que matou milhares e milhares de inocentes. Ela praticamente CRIOU a crise dos refugiados Sírios.

http://outraspalavras.net/destaques/julian-assange-hillary-e-a-candidata-do-1/

Não só isso como a Hillary Clinton usou táticas extremamente sujas durante sua campanha eleitoral, incluindo usar pessoas com problemas mentais para causar tumulto durante as campanhas de Trump e tentando fraudar as eleições. Além de que a grande mídia, a mando da democrata, distorceu absolutamente tudo que o Trump falava, difamando ele para o mundo inteiro, rotulando-o como misógino e racista. Tudo comprovado por gravações com democratas e os emails do WikiLeaks:

https://www.youtube.com/watch?v=GpLAzAZXi2A

O sistema do colégio eleitoral nos Estados Unidos foi um sistema feito para prevenir a lei da maioria e o possível desequilíbrio populacional que poderia surgir entre os estados, que poderia fazer o presidente governar somente para um certo tipo de americano ao invés de todos eles. É um sistema muito mais efetivo.

https://www.youtube.com/watch?v=V6s7jB6-GoU

Além disso, Lola, atacar alguém por algo que foi dito a quase 5 anos atrás, 10 anos atrás, é uma injustiça tremenda. Pessoas podem mudar completamente de um ano pra outro dependo do tipo de experiência que passam na vida, quiçá depois de uma década! É de uma grande intolerância agir assim.

Você está contribuindo para a difamação de um indivíduo e, alguém que prega a empatia pelas pessoas, deveria sentir vergonha de agir assim.

Tolerância e respeito não é só para as mulheres, só para os negros, só para os pobres, é para todo mundo.

lola aronovich disse...

Penny Lane, eu acho esse sistema de eleição indireta que os EUA adotam bem problemático. Isso da pessoa que ganha mais votos diretos não ganhar, sabe? Mas é o modelo deles. Por isso, não acho que a eleição foi uma fraude. Estou apenas reproduzindo UMA FRASE DO PRÓPRIO TRUMP, só que sem aspas. Foi ele quem disse que uma eleição em que o eleito não é quem teve mais votos é uma fraude, não é democrático, requere uma revolução. Ele provavelmente não pensa a mesma coisa agora, mas...

E sim, Hillary é competente. Sempre foi uma profissional competente em tudo que fez, tipo "top of her class", sabe? Foi senadora, foi Secretária de Estado, foi uma primeira-dama atuante (Michael Moore conta bem em Fahrenheit 9/11 como ela tentou aprovar um modelo de saúde universal nos EUA enquanto seu marido era presidente). Enquanto o Trump não teve um dia de serviço público. Fez fortuna porque seu pai era rico. E um de seus biógrafos mais importantes diz que Trump é uma fraude, que ele diz ser bilionário mas não é, e por isso ele não revela a sua declaração de imposto de renda. Trump é bom em sonegar imposto. Mas ele faliu 15 de suas empresas. Aí vem um bando de babacas dizer que ele é um "self made man" contra o sistema. Seria pra rir se não fosse trágico.

Anônimo disse...

FEMINISTA chamar de competente uma pessoa que tem culpa DIRETA pela instalação do Estado Islâmico que escraviza sexualmente MULHERES e crianças é o cúmulo do absurdo Lola. NÃO estou dizendo que o Trump é maravilhoso, NÃO É mas não é pq ele é um completo imbecil que a oponente dele é boa coisa. Os dois são sim péssimos, desonestos e mentirosos compulsivos.

Anônimo disse...

E qual o problema de falir? Melhor deixar cair o que não é mais requerido e se erguer depois do que chorar pedindo pro Estado uma grana que o Estado NÃO TEM, fazendo empréstimos para que as próximas gerações tomem no rabo pagando e salvando da falência empresas que não deveriam ser salvas, que não só vão torra a grana e um tchau pra quem paga a conta. Deixa falir mesmo.

Anônimo disse...

"Não é surpresa, visto que todo tipo de racista e neonazista fez campanha pelo laranja"
¯\_(ツ)_/¯

Anônimo disse...

É mesmo verdade que Bill Clinton é estuprador e Hillary tava pouco se lixando pras vítimas? É verdade também que ela quando advogada já defendeu um homem que estuprou uma menina de uns 12 anos? Se isso for verdade, ela não passa de um monstro cínico que fez discurso em prol das minorias quando na verdade pouco se importa com elas. Sem falar na política altamente imperialista que destrói tudo o que toca, vários países em conflitos devido às intervenções estadunidenses tem relação direta com a Hillary. Espero que o Donald Trump seja um babaca pro país dele, sem interferir militarmente no país alheio.

Anônimo disse...

Lola aproveita que você esta inspirada para politica internacional e fala de Nícolas Maduro...

Anônimo disse...

Verdade. Mas assim como estao querendo mexer na constituição daqui, nada impede de quererem mudar a de lá também. Ele ganhou de forma justa, mas é bastante compreensível a revolta das pessoas, consoderando o mundo em que estamos vivendo.

Anônimo disse...

Trump sempre deixou claro sua opinião. E possui agora a mesma de antes, quando olhamos suas declarações.
Engraçado você falar de pessoas que mudam por que apesar de nao ir com a cara da hilary, o que mais vi nos comentários de outro post foram pessoas falando do passado da hilary para desmerece-la. Hipocrisia e incoerência sim ou com certeza?

Anônimo disse...

Então quando ele falir o país e consequentemente isso afetar o brasil e o mundo, continue com esse pensamento. Deixa falir mesmo e que você e todo mundo pague do próprio bolso. Ta certinho.

Anônimo disse...

Eu fiquei muito triste com a derrota imerecida e injusta da Hillary Clinton, todos nós sabemos q sim, ela ainda não era a opção ideal, não era uma revolucionária e nem mesmo de esquerda, mas tb ela não era esse monstro q os eleitores do tramp e indecisos pintam, ela foi uma ótima primeira-dama, foi uma ótima senadora, eleita duas vezes para o cargo, na segunda levou ainda mais votos, cometeu erros como secretária de estado, mas no lugar dela, qualquer um teria feito a mesma coisa, sim, ela não é perfeita, mas ela tb não é preconceituosa, nem nada disso q acusam ela de ter feito no passado, foi uma "derrota" lamentável, "derrota" entre aspas, pq no fundo, o mundo sabe q alguém q ganha 400 mil votos a mais, não pode ser considerada "derrotada"

Um texto brilhante do Michael Moore q eu compartilho com vcs:

"Diga esta frase a todos q vc encontrar hj: 'Hillary Clinton venceu o voto popular', a maioria de nossos parceiros estadunidenses preferiram Hillary ao invés de trump. FATO. Se vc acordou pensando q vive em um país ferrado, não pense isso. A maioria de nós americanos quisemos Hillary, não tramp. A única razão dele ser presidente é por conta de um arcaico e insano sistema do século 18, chamado colégio eleitoral. Até q mudemos isto, continuaremos a ter presidentes q não elegemos e q não queremos. Vc vive em um país onde a maioria dos cidadãos acreditam q há mudanças climáticas, q acreditam q mulheres devem receber o mesmo salário q os omens, q querem estar livres de dívidas educacionais, q não querem os EUA invadindo países, q querem um aumento no salário mínimo e saúde para todos. Nada disso mudou, vivemos em um país em q a maioria concorda com o posicionamento progressista, precisamos apenas de uma liderança progressista q faça isto acontecer"

E é tb injusto afirmar q a Hillary não contribuiria com a paz no oriente médio, ora, o q o Obama fez/está fazendo na síria não é nada diferente do q o assad e o putin tb fazem, e se engana quem acha q o tramp vai pensar duas vezes antes de decidir intervir em algum país, não sejam tolinhos, mas enfim, só espero q as conquistas sociais não sejam revogadas, e sim, vai ter volta, 2020 é a nossa vez, se bem q eu acho q o governo trump não dura nem até 2018 (Se os simpsons acertaram na previsão de q o trump seria presidente, acertarão q será uma mulher a o suceder tb, e q o governo dele será PÉSSIMO, mas disso nem precisa de previsão)

Anônimo disse...

Hillary ganhou mais de 700 mil votos a mais, ela é a verdadeira vencedora e vitoriosa nessas eleições

Anônimo disse...

21:58, olha, um defensor do perdedor do tramp, q bosta

nemly e nemlerey

Anônimo disse...

o sistema eleitoral dos eua é a pior desgraça q alguém já poderia inventar, "sistema mais efetivo", kkkkkk, faz me rir

Tão efetivo q colocou o Bush na presidência, o mesmo q causou o maior conflito armado do século 21, era do partido republicano, e q o tramp fará A MESMA COISA obviamente

Anônimo disse...

Eu penso a mesma coisa.
Deixa o Trump falir os EUA Melhor deixar cair o que não é mais requerido e se erguer depois do que chorar pedindo pro Estado uma grana que o Estado NÃO TEM, fazendo empréstimos para que as próximas gerações tomem no rabo pagando e salvando da falência empresas que não deveriam ser salvas, que não só vão torra a grana e um tchau pra quem paga a conta. Deixa falir mesmo.
Mas, espera, e quando o Estado falir? Ah lembrei sonega imposto!

Anônimo disse...

Trump nasceu rico sim, mas começou com um empréstimo do próprio pai de 1 milhão de dólares

e hoje ele vale 10 bilhões de dólares

é o equivalente a você começar um negócio com mil reais e hj ter 10 milhões

só um invejoso ressentido não admite que ele tem talento p/ negócios sim

Anônimo disse...

EUA é um mais mais avançado que o Brasil.
Brasil é fim de mundo, a hillary teve pouco votos a mais que o trump porque estados COM MUTIAS PESSOAS como New York votaram ela. Mas o trump teve mais votos em todos os outros estados por isso tem mais delegados. Se basear nisso pra dar vitoria pra Hillary é dar vitoria pra New York.

Anônimo disse...

Ah, agora que muita gente se deu conta de que Hillary nem era igual a Trump? Sinceramente, quem pensou assim é uma pessoa babaca. Hillary nessa era moderna americana foi uma das pessoas mais preparadas que concorreu ao cargo de presidente. Simples assim. E outra, Hillary tem um histórico feminista que dona Dilma Rousseff, tida por muitas feministas como uma exímia feminista, não tem. Várias mulheres jovens adoram atacar Hillary, mas esquecem que Hillary teve uma contribuição muito importante a luta feminista. Enfim, tanta coisa pra dizer, mas não dá para escrever aqui. E se eu tivesse nos EUA, logo eu que tenho a maior cara de latino, e ouvisse algum insulto, ah tenha certeza que revidaria na porrada. Infelizmente essa gente tem que ser revidada assim em certos momentos. O conservadorismo que impera nos EUA é diferente do da Grã-Bretanha, por exemplo. O conservadorismo nos EUA se parece mesmo é com o da Arábia Saudita. Ah, e esse nazista do Marcelo infelizmente tem certa razão. Ser humano continua sendo o que sempre foi, uma merda.

Anônimo disse...

Isso só comprovou que ninguém liga pro blá blá blá feminista. Parabéns as mulheres brancas dos EUA.

Anônimo disse...

Engraçado foi a cara do pessoal da mídia divulgando os resultados desta eleição. Uma pena, Hillary faria um governo para as multinacionais, o que privilegiaria as grandes emissoras de TV (globo, Record..).Enquanto Trump promete uma economia mais nacionalizada.

Desde o começo estava torcendo para Barnie Sanders, mas infelizmente a donzela que foi levantada pelo marido atrapalhou a vida dele é dividiu os democratas. Agora vamos ver o "monstro" agir.

Anônimo disse...

Encheram o saco dizendo que Tramp pregava o ódio e não respeitaria o resultado das eleições, mas a primeira coisa que fizeram apos as eleições e saírem para as ruas quebrando, agredindo e fazendo arruaças. Eu vi grupos gays defendendo a eleição direta da Clinton sendo que 20% do financiamento da campanha dela vinha do governo da Arabia Saudita e sua industria de petróleo,um pais cuja pena para o homossexualismo e a morte. Eu vi um cartaz que dizia "Wall Street e o inimigo não muçulmanos e imigrares" mas W.S financiou diretamente a campanha da Clinton, Trump tirou o financiamento de sua candidatura do próprio bolso.
Essa gente e tão esquisita....

Anônimo disse...

Não dá para colocar a culpa somente nas mulheres. Cabe tanta as mulheres quanto aos homens construir uma sociedade sem misoginia. Mas não tem como questionar não questionar, como é que a maioria das mulheres brancas votaram no Trump mesmo ele fazendo uso de discursos e atos machistas? O que é isso? Uma mistura de várias coisas. Essa vitória do Trump é de uma nojeira sem tamanhos. Fede! Fede muito! É podre! Ora, se mulheres brancas não votaram numa mulher branca, Hillary, e mulher essa que tinha a plataforma mais pró-mulher de toda história americana, o que esperar? Está na hora de se aceitar o óbvio, mulheres são machistas. Não porque querem, mas porque o machismo está entranhado de tal modo nelas que agem com auto-aversão.

Anônimo disse...

A própria Hillary vulgo senhora das guerras já apoiou e chamou de mentor um membro do KKK.

Anônimo disse...

Ninguém mandou as "minoriais" não se organizarem direitinho mas galera gosta é de fazer textão. Acho engraçado isso de "minoria" quando, numericamente, a minoria real é composta dos tais homens brancos.

O que, número não importa? Então tudo bem o Trump ter ganho sem a maioria dos votos populares, certo?

No Brasil também nem sempre o mais votado leva.

Anônimo disse...

Chamar a eleição americana de fraude é, 1. não saber como funciona a eleição americana, 2. se souber, agir de má-fé.

"Trump tem razões de sobra para ser criticado, mas dizer que Hillary era uma boa opção é forçar a barra legal, principalmente vindo de uma feminista. Clinton era, na melhor das hipóteses, a candidata "menos pior". A quantidade de "podres" a seu respeito, em uma eleição de voto facultativo, pesou bastante para que ela perdesse a disputa(que, por sinal, ocorreu conforme as regras)."

A campanha da Hillary foi basicamente: votem em mim porque sou mulher e não sou o Trump.

E por mais que a imprensa "liberal" estivesse trabalhando ativamente para sabotar o candidato republicano, um detalhe que muita gente de fora não sabe é que o americano médio tá cagando e andando pra imprensa e já não acredita nela faz tempo. E hoje em dia existe recurso. Existe vídeo na internet mostrando a psicodelia alucinógena da Hillary, literalmente inventando coisas que não existiram - não é "mudar de opinião", é desmentir a verdade, dizendo que não fez quando tem vídeo mostrando que fez, dizendo que não falou quando tem vídeo mostrando que falou, dizendo que não estava quando tem vídeo mostrando que estava, tem um vídeo que ela inventa até um tiroteio cerrado e que teve que entrar correndo não sei onde (e em seguida mostram ela toda de boa cumprimentando as pessoas um tempão, tirando fotos e indo embora tranquilamente e ela assistindo a esse vídeo e negando!!!!!!!) aí fica difícil de defender né gente? Sem contar que estamos falando de uma mulher que massacrou uma vítima de estupro, sabendo que o seu cliente era culpado (tem vídeo e audio dela contando essa história) e massacrou outra vítima de estupro, dessa vez cometido pelo seu próprio marido, agradecendo-a "por tudo o que tinha feito pelo Bill".

E não vamos nos esquecer dos emails... tampouco dos interesses da fundação Clinton... ou vamos?

Pra mim, o Trump é um merda. Pra boa parte dos americanos, idem. Porém, para essas pessoas que se registraram e votaram, no fim a Hillary nos estados-chave foi considerada uma merda maior (South Park: Turd Sandwich and Giant Douche) e deu no que deu. E tá tudo bem. Essa é a beleza da democracia, quando a pessoa que a gente não quer ganha, a gente respeita, porque não respeitar o processo eleitoral é coisa de G O L P I S T A

Anônimo disse...

Trump é um horror. Isso não tem nem que ser discutido. Mas não estou espantada com sua eleição. É a cara dos EUA eleger um tipo assim. Eles elegeram Ronal Reagan e George Bush Jr. Sério, não acho que Reagan e Bush Jr. sejam menos ridículos que Trump, td canastrão altamente incompentete. E o mundo sofreu muito no governo desses caras. E mesmo assim assim não vão aprender. E n Brasil a mesma coisa.
Já perdi as esperanças com a democracia ou qualquer outra forma de governo criada por seres humanos. Tô triste e desanimada. Espero que passe. Mas no momento só posso sonhar com uma intervenção alienìgena.

Anônimo disse...

Hillary foi a verdadeira vencedora, o mundo inteiro sabe, +700 mil votos a mais

só nos eua essa aberração chamada colégio eleitoral existe, e foi culpada por colocar alguém como bush jr. e o resto da história vcs já conhecem

belo exemplo de "democracia", hein

Anônimo disse...

Tento, mas não consigo compreender a lógica dos pro Trump... é inadimissível escolher alguém q já defendeu um estupro, mas completamente compreensível escolher um estuprador? Pane na matrix...

Anônimo disse...

essa gente advogado do trump, kkkkk, acreditando nos boatos desmentidos sobre a hillary, ng vai ler esses textões não, queridos

Anônimo disse...

Q a Hillary ganhou, todo munda sabe q é verdade

Anônimo disse...

Essas mulheres brancas que votaram no trump acham que serão beneficiadas pelo machismo.

Anônimo disse...

Vai no wikileaks e procura, tem vários emails da hillary mostrando como ela roubou a eleição do Bernie. Esse foi um dos motivos pelo qual os democratas deixaram de votar nela.

Anônimo disse...

Esse blog é muito divertido.

Anônimo disse...

lola eu discordo, acho que as mulheres brancas devem ser responsabilizadas e assumir a responsabilidade pelo que fizeram. acho inadimissível que se diga que agora elas tinham uma razão para votar (uma candidata branca) e na época do obama essa razão não estava lá tão claramente (um homem negro). isso só reforça o argumento de que "é até compreensível que nao vote no preto, mas é incompreensível que não vote numa branca". e esse argumento só reforça que os estados unidos viveram um regime de apartheid até os 60 e ao parecer, a identificação de raça é muitíssimo mais profunda que a identificação de gênero. ainda impera uma mentalidade de sinhá. e as sinhás são também urbanas e escolarizadas. dizer que 53% das mulheres brancas são mulheres da zona rural, com baixa escolaridade como estão tentando dizer é uma piada. até porque ja se sabe que 45% das mulheres com ensino superior votaram trump.

da mesma forma, dizer que os eleitores brancos homens e mulheres que votaram no trump são pobres que só querem um emprego decente e não foram ouvidos é outra piada de mau gosto. até porque das seis faixas salarias analisadas, os mais ricos votaram trump, e os mais pobres hillary. sim, existe uma precarização, mas ela atinge todas as etnias, inclusive atinge a negra e a latina de forma muito mais brutal. e todo mundo sabe disso. esse resultado é resultado de um sentimento de entitlement que foi contrariado, não por políticas publicas concretas que beneficiaram grupos minoritários, mas pela simples presença dos obama na casa branca. e nessa historia, as mulheres mostraram estar do lado dos brancos que se acham merecedores de figurar 100% na agenda. hoje figuram 90% na agenda e ja estao histericos. como aqui no brasil. a diferença é que aqui os pretos são a maioria da população, enquanto lá são 13%

hillary clinton tentou convencer com discurso de correção política de manual que não convenceu. a historia dela mostra o contrario. é mulher, sofreu machismo, mas recebe doação na arabia saudita, um dos regimes mais misoginos de mundo. ninguém acha que essa doação é gratis. tem relações carnais com israel. sem contar da gargalhada diante da morte de kadafi. isso me parece que são motivos para nós aqui do sul nao lamentarmos tanto que ela nao tenha chegado. sem contar que a tentativa de reavivar discurso da guerra fria batendo na russia pra pegar no trump era anacrônico e favoreceu ele, que saiu nessa foto de estadista moderado e moderno quando afirmou querer dialogar, e nao antagonizar, com a russia. agora, penso eu que internamente o papo é outro. esse governo do trump vai esmagar as minorias muito mais que um governo hillary. e as mulheres estão entre as primeiras da fila. que tenham votado sorrindo por isso, é realmente lamentável e mostra como o sexismo está muito arraigado que as próprias mulheres embarcam nessa. mas só reforça como racismo tb está. pq a postura dele exalava racismo. talvez o calculo seja: se eu nao ganho pelo lado do genero, pelo menos ganho pelo lado da raça.

Anônimo disse...

agora confundir a ideologia péssima que hillary defende - militarismo, wall street - com incompetência acho que não faz o menor sentido. ocupou cargos públicos importantíssimos e super estratégicos. mas inesperadamente, a experiencia foi exatamente o que jogou contra ela, e claro, o fato de ser mulher, porque é bem improvável que um candidato homem com a folha corrida dela tivesse sido defenestrado como ela foi.

no mais não penso que sejam a mesma coisa. são duas tradições diferentes de direita. e isso é terrivel, que essa seja a tendencia no mundo, quando a esquerda nao só nao proponha nada como se apressa em aprovar as reformas que o capital exige, vide hollande na frança.

mas uma coisa é certa. os obama vao deixar muita saudade. obama nao pode fazer tanto, mas fez algo (cuba, irã) e infelizmente deu continuidade a politicas temerarias (usou e abusou dos drones, respaldou o governo de mauricio macri com uma visita à argentina, coisa que jamais fez com cristina, tocou pra frente o ttp). agora ele elevou muito o nivel do debate nos estados unidos. outro que propunha um debate mais adulto era bernie sanders. hillary inclusive errou bastante na campanha quando usou a estrategia de pegar feministas historicas para infantilizar as mulheres jovens eleitoras de bernie sanders, dizendo que elas só votavam nele para pertencer ao boy's club. quanto ao bill, marido, sinceramente eu era jovem na época do seu governo por tanto confesso que meu conhecimento é limitado sobre seu governo, mas entendo que foi um momento de expansão aceleradíssima do capitalismo global, daí que muita simpatia nao tenho. o caso monica levinski foi patético tb. curto muito mais um perfil obama, um cara familia, mas sem ser moralista. um cara que esta no controle, mas sem mostrar brutalidade, sabe rir de si mesmo, relaxado e profundamente conectado com as mulheres da familia dele.além de muito fino. e lindo.

Anônimo disse...

é muito engraçado que essa mensagem de americanos acompanhados de adultos esteja num pub...na inglaterra, onde os branco bunito votaram tudo pelo brexit e no dia seguinte foram lá procurar no google "o que é união europeia".

e tem uma comediante que fez um comentario acertadíssimo: na hora de atentado terrorista todos os muçulmanos são responsabilizados. mas quando um despreparado, palhaço vulgar estuprador é eleito presidente da maior potencia militar do mundo que tem ao alcance do dedinho o botão pra explodir a bomba e acabar com "the world as we know it", os branco nao tem nada a ver (é a falta de emprego. é falar dos "pobrema" por anos sem ninguem ouvir, estupido). como adoram dizer: tá certo.

lola aronovich disse...

Exatamente, anon das 12:18. Que Hillary é mega competente e experiente e tem um excelente currículo, não se discute. Discute-se vc concorda ou não com o que ela defende, não sua competência. Pra mim, o que mais pesa contra ela é ela ter sido a favor da invasão do Iraque. Ela tem uma visão bélica como tantos outros governantes americanos. (E, ironicamente, como tantos reaças do Brasil que consideram Hillary de esquerda).
E sim, sem dúvida alguma: os Obamas deixarão saudade. Será que não rola uma Michelle 2020?

Anônimo disse...

Apesar de ter torcido plea vitória da Hillary eu fiquei com um pé atrás quando soube do caso Kathy Shelton. Preferia o Bernie como candidato, mas mesmo sabendo que a Hillary não era nenhuma santa, que era cúmplice de estupros, abusos e assédios cometidos pelo marido também e ainda belicista eu queria que ela ganhasse.

Anônimo disse...

As regras do jogo estavam claras, aliás, são as mesmas há mais de um século.
Essa não é a primeira, nem será a última vez que a eleicão indireta vai ter como vencedor um candidato(a) que teve menos votos populares.

Criticar o sistema é totalmente válido.
Mas fazê-lo um dia após a eleicão, apenas pq o resultado não foi contraria a sua vontade, é infantil.
Trump ganhou e vai governar até o final de 2020, há não ser que cometa um crime e sofra um impeachment.

Anônimo disse...

"Será que não rola uma Michelle 2020?"

não, ela já rejeitou a hipótese

Anônimo disse...

Os estados e as metrópoles mais ricas/desenvolvidas dos u$a: Califórnia, Los Angeles, São Francisco, Miami, Orlando, Walt Disney World, Nova Iorque, Massachusetts, Boston, Colorado, Denver, Boulder, Chicago, Filadélfia, o Nordeste, e até a mais câncervadora entre essas, a Virgínia e Washington D.C.; votaram em peso na Hillary, e ela venceu a maioria dos votos nos estados unidos

Tenho certeza q o tramp fará um terrível governo e o povo americano vai se arrepender amargamente de terem votado no bicheiro, especialista em falir empresas, o governo dele vai ser péssimo, nem no primeiro ano ele vai dar conta de ser popular, até pq, já começa com 58% de DESAPROVAÇÃO, 2017 vai estar com 70

Hillary é para sempre a verdadeira vitoriosa (assim como Al Gore); recebeu mais de 60 milhões de votos, cerca de 750 mil a mais q o estuprador racista, q por sinal, é tão ruim e desaprovado, q levou menos votos q o mitt romney em 2012, sem q contar q em 25 anos, UMA ÚNICA VEZ o partido repubricânu conseguiu "eleger" um presidente com o voto popular e sem fraude, e ainda sim, foi merda atrás de merda, o pior presidente da história, saiu com -20% de aprovação, parabéns americanos e seu sistema de coNÔJiO eleitoral, só "elege" as escórias, brusho jr. e tramp q o digam

Anônimo disse...

Pior que é verdade. Uma bela parcela era racista e neonazista mesmo, já que eles viram uma oportunidade de por em prática seus ideais no trump.
=\

Anônimo disse...

"Q a Hillary ganhou, todo munda sabe q é verdade"

Alguém que mal consegue escrever se achando sabidinho(a)...

Anônimo disse...

O trump vai mandar eleitores do bostanaro de volta para o Brasil.

Anônimo disse...

Foi só new york não, bem

Anônimo disse...

Claro, continue se convencendo disso.

Anônimo disse...

Mas o próprio trump falou que não aceitaria se não fosse eleito. Ironicamente, ele não viu problema algum já que ele saiu vencedor.
O próprio presidente eleito disse que não deveriam aceitar eleições assim.

Anônimo disse...

E Trump aceitou o apoio deles. Pra você ver como são as opções.

Anônimo disse...

O sistema eleitoral brasileiro é diferente do americano, só pra lembrar.

Anônimo disse...

vc percebe q o desenho eleitoral foi todo feito para favorecer os republicanos, pq onde as minorias (principalmente imigrantes) mais se concentram é em estados tradicionalmente republicanos, tudo para suprimir a importância do voto deles

Anônimo disse...

Eu amaria Michelle Obama sendo candidata em 2020, mas confesso que fico imaginando as chances reais dela ser eleita. Sendo mulher e negra, poderia ser progresso demais pra cabeça de alguns americanos. Mas que eu amaria ver ela na presidência isso sim.

Anônimo disse...

"ganhou e vai governar até o final de 2020"

não, ele não vai, esse desgoverno não dura nem até 2018

12:31 e pare de acreditar em boatos já desmentidos, doutor, parece até q é a mesma pessoa desocupada insistindo do mesmo arJUMENTO fajuto, vá arranjar alguma coisa pra fazer

14:22 pq? falaram alguma mentira? Sim, a hillary ganhou a eleição

Anônimo disse...

"Mas o próprio trump falou que não aceitaria se não fosse eleito. Ironicamente, ele não viu problema algum já que ele saiu vencedor.
O próprio presidente eleito disse que não deveriam aceitar eleições assim."

O q esperar de um presidente "eleito" nojento, estuprador, hipócrita, falido e mentiroso?

Anônimo disse...

Embora mais um vez estejamos lidando com uma fraude eleitoral (ano 2000 se repetindo, q pesadelo), é importante salientar q a maioria da população americana e a maioria dos votantes, mais de 60 milhões, concordam com o posicionamento da Hillary Clinton e tudo o q ela representa, não o tramp, e assim como tb apoiavam o Obama

Ao todo, os U$A não estão com o tramp, e isso ng poderá negar

Anônimo disse...

Continuacao..

Colocoa logo a LOLA como presidente.

Anônimo disse...

A campanha da Hillary foi basicamente: votem em mim porque sou mulher e não sou o Trump.

kajkkk Pior que foi isso mesmo. "Vote em mim porque sou mulher" e tchau e bença.
ZzZzZzzz

Anônimo disse...

Michelle Obama presidenta? Seria lindo demais para ser verdade em um país tão machista e racista. Ainda mais que ela é uma pessoa incrível, muito melhor que a Hillary.

Anônimo disse...

"não, ele não vai, esse desgoverno não dura nem até 2018"

Quer apostar?

Anônimo disse...

Mais impressionante do que nunca ter falido é conseguir se recuperar de várias falências e continuar incrivelmente rico, até porque a economia tem seus bons e maus momentos e ninguém pode controlar tudo.

Anônimo disse...

"Embora mais um vez estejamos lidando com uma fraude eleitoral (ano 2000 se repetindo, q pesadelo), é importante salientar q a maioria da população americana e a maioria dos votantes, mais de 60 milhões, concordam com o posicionamento da Hillary Clinton e tudo o q ela representa"

Não, quase todos esses eleitores a detestam. Só que detestam o Trump mais.

Bernie era o único candidato que prestava.

Anônimo disse...

Para ser honesto, eu espero que o México se dê mal com isso tudo. Eles reclamam que os mexicanos são maltratados nos EUA, mas tratam os imigrantes de outros países Centro e Sul Americanos que vão para o México como lixo. E ainda vivem se opondo às tentativas do Brasil de se tornar membro permanente do Conselho de Segurança da ONU. O que nós fizemos contra eles para merecer isso? Babacas.

Anônimo disse...

Eu gosto do Trump...

Anônimo disse...

Hahahaha ! Apoiado ! Quem mais vota "sim" para isso ?!

Anônimo disse...

E se brincar será reeleito.

Anônimo disse...

Lola,

vale a pena fazer um registro. Uma comentarista insiste que o Trump não governa até 2018.

Eu acho que não só o fará, como será reeleito.

E se preparem, ano que vem teremos Marine Le Pen na Franca e Geert Wilders na Holanda.
Chegou a hora dos conservadores.
E vale a máxima do futebol: choro de perdedor é sempre livre.

Anônimo disse...

"Embora mais um vez estejamos lidando com uma fraude eleitoral (ano 2000 se repetindo, q pesadelo), é importante salientar q a maioria da população americana e a maioria dos votantes, mais de 60 milhões, concordam com o posicionamento da Hillary Clinton e tudo o q ela representa"

Essa é a mais absoluta verdade

16:36, vc acredita q esse mentiroso é rico? kkkkkkkkkk, o traste especialista em afundar empresas tem dívida até o pescoço, vai falir os u$a junto com ele, canalha

gold bless america

18:32, só se for em outra fraude eleitoral

Anônimo disse...

eu lembro bem a merda q deu o coNOJO eleitoral ter posto o brusho jr. pra presidente dos u$a

gold bless america

embora outros lixos americanos, essa aberração inventada na terra do tio sam não foi copiada em nenhum lugar do planeta, de tão cancerígeno q é essa bizarrice chamada colégio eleitoral

menos mal

hillary foi de fato eleita

Anônimo disse...

"Só que detestam o trAmp mais."

O mundo inteiro ODEIA esse traste

esse estuprador mentiroso e falido não é bem quisto em lugar nenhum do mundo

Anônimo disse...

o lixo branco votou em peso no trAmp, a nata da sociedade na hilária

essa é a moral da história

Anônimo disse...

declarar falência várias vezes e ainda assim ter tudo o que ele tem é sensacional. É uma lição pra se aprender... e sim, se brincar ele será reeleito

Anônimo disse...

Olha, que passa de 2018 não duvido não. A não ser que ele faça uma cagada muito grande. Mas que vai tá um um circo de horrores até lá, eu tenho plena certeza.

Anônimo disse...

Será que ele conseguirá recuperar os eua que possui uma economia absurdamente maior do que a dele, do buraco que ele vai enfiar usando os mesmos métodos? Esperar pra ver. Perto da economia de todo os Estados Unidos a fortuna dele é trocado de venda. Isso seguindo o pensamento de que ele está realmente e completamente recuperado.

Anônimo disse...

Vai depender de quem será o adversário dele nas proximas eleições e de como ele vai agir durante sua presidência, o que não é muito difícil de imaginar vendo seus discursos e atitudes.

Anônimo disse...

Depende de quem ele vai enfrentar nas proximas eleições pra ser reeleito. E de suas atitudes nesses próximos quatro anos.
Choro esse que a direita conservadora chorou por muito tempo. Nada é para sempre, cuidado que nada é pra sempre. Hitler governou por muitos anos também e todos viram como acabou. Bush foi eleito duas vezes e todos viram como ficou a situação. Pra mim não é nada mais que uma fase. O pessoal chora, vira o jogo e depois acaba na sarjeta de novo.
Quem sabe uma hora isso acaba quando o mundo realmente aprender a progredir. Serei uma eterna otimista.

Anônimo disse...

Pensamento conformista e deprimente esse, independente de você ser de direita ou de esquerda ou de cima ou baixo.
Lembrando que a fortuna de um país nao chega nem perto da de um único homem, não importa o quão rico ele seja ou aparente ser.

Anônimo disse...

De verdade eu acho que o Bolsonaro só não tem mais chance por duas razões: 1., ele é político. 2., duvido demais q o próprio queira assumir a bucha de presidir o Brasil.

1., Existe um movimento global anti-politicos, o Trump virou o nome mais famoso mas não é a única pessoa que venceu eleição justamente por essa promessa de coisa nova, pessoa não-viciada nos traquejos da arte. Mal sabem que a verdadeira política é feita com grana, né Dória?

2., O Bolsonaro causa muito mais e se compromete muito menos no legislativo (que não tem metas a cumprir, diga-se) que no Executivo. Mais fácil lançar um filho dele nisso que o próprio.

Se aparecer outro falastrão no Brasil, alguém sem histórico de cargo político e com discurso de renovação conservadora, leva de lavada até porque se você analisar a história do mundo é meio assim que funciona:

- entra um regime prometendo mudança
- ocorrem mudanças e o regime é mantido
- o regime é corrompido pelo poder
- alguém promete mudança
- muda-se o regime

Dou uns 10 anos para a esquerda brasileira se organizar de novo e limpar a barra. Até lá, todo mundo na balada topzera da coxinhada.

Anônimo disse...

Americano conhece uma única língua depois do inglês: dinheirês.

O verdadeiro desafio do Trump vai ser tirar a economia americana do patamar atual, o que não é simples em um país belicoso. Gritos da causa social não assustam ele, não. Inclusive o colega já avisou que vai ter juiz da suprema corte pró-vida sim e a gente sabe quais desdobramentos saem daí.

Se ele conseguir, a verdade é que vai ser bom pro mundo inteiro.

Anônimo disse...

é hora de construir o muro

Anônimo disse...

Você gostaria que os EUA fossem à falência, igualzinho Dilma fez com Brasil??

Anônimo disse...

Chamar de racista, homofobico, machista, etc.. é uma tática que ja nao funciona mais.

é tão verdade que vejam o resultado agora, na cara de vcs.

Anônimo disse...

o muro SEMPRE existiu.

desde a epoca do bill clinton até o obama.

Anônimo disse...

Não é uma tática é uma verdade. Ser infantil não vai mudar isso.

Alan Silva disse...

Se a Hillary Clinton tivesse ganhado a gente estaria em guerra com a Rússia, lembre que o Brasil é aliado dos EUA, e por isso um dos alvos.