segunda-feira, 14 de novembro de 2016

FIM DE SEMANA NORMAL PARA UMA FEMINISTA

Este final de semana foi um inferno. Ok, não foi. Quero dizer, só na internet -- que é, infelizmente, onde passo boa parte dos meus dias (falando assim até parece uma sentença de morte).
Primeiro, mascus decidiram atacar no seu chan de ódio a Camila, uma professora universitária e mestranda em Goiás. Seu crime hediondo? Ela me respondeu um tuíte chamando misóginos de fracassados. Isso porque, na sexta, eu recebi seis telefonemas de mascus (fora os que deixei de atender quando deixei o fone fora do gancho), e manifestei meu descontentamento (licença para usar um eufemismo) no Twitter. 
Em contrapartida por Camila ter trocado um tuíte comigo, mascus arranjaram seus dados (a maior parte errados; em outras palavras, não são dela), fizeram montagens pornôs com seu rosto, a ameaçaram de morte e estupro, e um deles ligou pro seu WhatsApp (embora não pra ameaçar, e sim pra implorar que ela não levasse as denúncias adiante). 
Como qualquer pessoa que nunca tenha visto esse nível de misoginia tão de perto, Camila inicialmente ficou assustada. Isso durou uns cinco minutos. E então ela passou a denunciá-los. Enviou emails, checou as cidades que têm delegacias de crimes cibernéticos, não se calou. 
Eu fiquei revoltada. Estou acostumada a sofrer ameaças desses misóginos que juram que vão me matar e/ou arruinar a minha vida. 
Mas já faz seis anos que eles prometem isso e nunca conseguiram (não por falta de tentativa no quesito "arruinar vida"). Agora, atacar outras mulheres por simplesmente me dirigirem a palavra?!
(Pensando bem, o que mais um cara fino como o Marcelo -- criador do chan --, com esse trato social e esse vocabulário tão sofisticado, poderia fazer da vida se não passar o dia ameaçando mulheres?).
No fim de semana também vi o vídeo de um mascu que está me processando (entrei com reconvenção, e preciso de contribuições para enviar minha advogada para Curitiba. A primeira audiência já está marcada para meados de fevereiro). 
No vídeo ele diz, em forma de denúncia (já que, depois de uma longa amizade, brigou com Marcelo, com quem esteve preso), que Marcelo vai pagar 80 mil reais para um policial matar meu marido e eu, não sem antes cortar o braço do meu marido (essa gente assiste muito filme de máfia, não é possível). Desculpe, gente, sei que não devia, mas eu rio ao ouvir essas coisas. É muito surreal. A musiquinha do Twilight Zone toca na minha cabeça, sabem?
Ameaça no blog
Além disso, desde sábado cedo outros reaças -- pois mascus são, antes de mais nada, criaturas de extrema direita, a maior parte deles neonazis -- resolveram me atacar. Esses reacionários estão em outra categoria, pois raramente chegam a ameaçar. São o que eu chamo de "reaças zueros".
Pra eles, tudo é festa e, como não têm a menor ética, tudo pode. Pode pegar fotos suas sem permissão, pode fazer montagens com as fotos, pode fingir dizer coisas que você não disse, pode falsificar tuítes, pode divulgar mentiras, pode criar um perfil com fotos suas e o seu nome, pode xingar. E, lógico, pode te usar pra expressar todos os preconceitos. 
Pelo jeito, a pauta do dia nos grupos organizados (acredito piamente que existam grupos reaças organizados, como podemos ver nos comentários dos portais de notícias) era "fotos da Lola na praia". Encontraram algumas fotos minhas que coloquei no blog (um blog pessoal), e usaram para exercer a velha e boa gordofobia. Eu chamo esse tipo de "humor" raso e cansativo de 4a Série B (porque quando a criança passa pra 5a série ela fica mais madura, e deixa esses preconceitos de lado; Série B porque a 4a Série A é mais avançadinha). 
Não me afeta em nada, mas as meninas estão vendo. Essas ofensas contínuas, repetitivas, não vão me calar. Mas podem calar várias meninas, que percebem como mulheres que lutam são tratadas. Me falaram que um dos líderes dos reaças zueros -- o "Loen", criador da Editora Humanas e talvez da Antes e Depois da Federal (em que utilizam fotos sem permissão para mostrar como estudar numa universidade federal "corrompe" os alunos, transformando todos elxs em feministas maconheiros com piercing, tatuagem, cabelo azul; eu, como professora universitária, só posso dizer: antes fosse!) -- está prestes a ter uma filha. Ele gostaria que sua filha, quando crescesse (a partir de quantos anos Loen e sua turma começam a atacar as meninas? Com dez? Doze?), fosse tratada nas redes sociais como eu e tantas outras mulheres somos tratadas?
Eles inventam narrativas batidas e absurdas como a que uma pessoa vira feminista (ou de esquerda em geral) por falta de autoridade paterna, o que eles chamam de "pai ausente". Eles afirmam que todas as feministas são mocreias, que o feminismo começa aos 80 quilos, que o feminismo "embaranga" (um exemplo que eles usam é a atriz Emma Watson, acabada aos 25 anos, desde que virou feminista). 
Mas pra que usar mulher famosa, né? Dá pra usar as minhas fotos! Então eles pegam foto minha de quando eu tinha 8 ou 10 anos (e já era feminista) e comparam com uma de quatro décadas depois. Puxa, olha só como eu mudei em quarenta anos! Só tem uma explicação pra isso: feminismo!
Reaças dão 25 anos a uma mulher de quase 50
Ou vamos pegar uma outra foto de quando eu tinha metade da minha idade e ver agora. E por aí vai...
Aí você denuncia no Twitter todos esses perfis que, orquestradamente, tiraram o fim de semana pra te atacar, e o que o Twitter faz? Nada! Denunciei um dos perfis, "Estado Hiramico", que na realidade é de um rapaz chamado Hiram Galdino Torres, que trabalhava na TAM em SC até ser demitido por causa do ódio em forma de gracinhas que espalha no seu Twitter. Depois de várias horas, ele apagou as inúmeras fotos minhas e montagens que fez. 
Pro Twitter, isso bastou. O Twitter não entende que Hiram só está no Twitter pra atacar ativistas. 
O único perfil que o Twitter desativou (ou será que apenas suspendeu?) foi um que eu já havia denunciado outras vezes. Usava uma foto minha com a difamação suprema -- eu seria eleitora de Bolsonaro! 
Pra mim, esses reaças zueros não são tão diferentes dos mascus. 
Fake ameaça me processar
São igualmente misóginos e de direita, só que uma versão mais suave. Se mascus não fossem tão anti-sociáveis, eu poderia apostar que trabalham em conjunto com outros reaças. De todo modo, reaças zueros nunca vão criticar um mascu por ameaçar uma feminista. Pelo contrário, vão defender o mascu se você divulgar o nome completo e CPF de alguns desses misóginos. 
E, principalmente, reaças zueros vão dizer que você inventou as ameaças. Que elas não existem. Que todas essas milhares de ameaças que coleciono nos últimos seis anos são criadas por mim
Eu que faço os desenhos, eu que ligo pra mim mesma e gravo os trotes, eu que ameaço matar meu marido e minha mãe, eu que convenço mascus a fazerem vídeos me ameaçando, eu que divulgo meu endereço residencial e ofereço recompensas pra quem me matar, eu que crio um site vendendo Cytotec pra me incriminar, eu que prometo metralhar eu mesma nas palestras que dou. E por que eu faço tudo isso? Pra chamar a atenção. Pra me vitimizar. Pra pedir dinheiro. 
Toca a musiquinha do Twilight Zone de novo, maestro!
Pra reaças, não existe misoginia, nem racismo, nem homofobia. Existe apenas vitimismo se alguém ousar denunciar essas perseguições. Eu lembro o que aconteceu em abril. Um mascu fez um vídeo dizendo ser meu filho, e uma reaça estava divulgando o vídeo pra gente que nunca perde uma oportunidade para me atacar (Olavão, Roger Ultrajante, Danilo Gentili etc). 
Eu falei com ela e ela disse que não, não era possível que alguém inventaria um vídeo desses. Por que alguém faria isso? Eu falei pra ela de misoginia, e ela disse que não, que ninguém odiava feministas.
Olha, vocês reaças cansam, mas não vão nos calar. Lembrem-se sempre: nós não temos medo de vocês. Vocês é que têm medo de nós. E vocês sabem disso muito bem. 

45 comentários:

Anônimo disse...

Acho que esse teme reflete falta de assunto.

Anônimo disse...

Que gente doente.

Anônimo disse...

Entao o que tu ta fazendo lendo este blog?

Anônimo disse...

Lola, você viu que a Califórnia quer se separar dos EUA e se tornar um pais independente?

Luise Mior disse...

Querida Lola,não sabia dessa ênfase deste momento das ameaças. Todo meu apoio!Em dezembro deposito um pouco de dinheiro da mesada. Beijos de Florianópolis!

Anônimo disse...

Não, reflete a realidade de como pessoas que vão atrás de seus direitos são perseguidas por pessoas que tem medo delas conseguirem.
Tantos falam que é inútil, mas se é inútil por que se dão tanto trabalho em incomodar? Já que na cabeça deles não vai pra frente mesmo. Isso só mostra o quanto é preciso enfrentar e mostrar que não estamos dispostas a ficar caladas de jeito nenhum. Qie enquanto eles estiverem incomodados e por que estamos fazendo o certo.

Pâmela

Anônimo disse...

essa gentalha: mascus, reaças "zueros", gente otária q ama vomitar ódio pela internet ou na vida real, entre outros

serão os primeiros a serem eliminados na redução populacional, guardem bem o q eu tô dizendo, q eles aproveitem e esperneiem enquanto podem, pq na nova ordem mundial nunca mais vamos precisar lidar com essa gentinha

titia disse...

Meu apoio, Lola, e não esses imbecis não vão fazer as mulheres se calarem. Todas nós já sabemos que eles são covardes, que a "Macheza" é só na internet, que saiu pra vida real eles se cagam e mijam todos de medo. Negam tudo, choram, se escondem na saia da mãe, um espetáculo deplorável e hilário de covardia.

Esses mascus são tão patéticos que nem dá pra ter raiva. São tão insignificantes e sem importância. Tão irrelevantes pro mundo e pra humanidade. E eles sabem que são esses zeros à esquerda, por isso ficam fazendo birra e tentando chocar. Pra ver se alguém dá importância pra eles, pra tentar ser algo além dessa completa nulidade emocional que não importa pra ninguém. Bom, eles podem até conseguir um pouco de atenção da polícia... mas continuarão não importando pra ninguém. Continuarão sendo irrelevantes e insignificantes; continuarão não tendo valor nenhum pra ninguém.

Por que eles não ficam encolhidos em posição fetal esperando a morte chegar? Ninguém se importa mesmo. O mundo roda e roda e os mascus continuam não fazendo falta nem valendo nada. Todos os mascus podem cair mortos amanhã e ninguém vai saber, menos ainda se importar.

O mundo só anda pra frente. Retrocessos já houveram muitos, e nenhum conseguiu nada. O mundo sempre avançou por mais que os babacas esperneassem. O mundo vai andar pra frente. Quem não quer fazer isso, sempre pode se atirar de cabeça do alto de um prédio.

Anônimo disse...

Claro ! Depois do Trump...

Anônimo disse...

É Lola, sou totalmente contras as suas ideias mas isso que eles fazem já é demais.
Meu Deus.

Além de serem machistas (né), são doentes, beirando o psicopatismo.
(tirinhas de morte e etc.)

Combater o machismo, okay.
Mas combater psicopatas já é demais Lola.

Anônimo disse...

Estão mais pra sociopatas covardes.

Anônimo disse...

Embora radicalismo não seja bom nunca, eu prefiro uma radfem a um mascu ou qualquer reaça.

Anônimo disse...

Nossa Lolinha ! Que horror ! Mais ataques de mascutrolls ! Esse povo não se cansa nunca !

Mas você permanece inabalável, como sempre. É por isso que te admiro, tu tens uma força gigantesca.

Mas não deveríamos ter que viver nesse mundo repleto de ódio contra tudo e todos. Será que esse povo não percebe que o ódio elimina e impede o crescimento, pois sempre produzirá a exclusão ?

Não é possível viver uma vida contaminada pelo ódio, haja vista, que as bases saudáveis de quaisquer vidas são o permitir, o compartilhar e o doar. Aquele que está imerso no ódio e que odeia não se permite, não compartilha e não doa absolutamente nada.

Caros mascus... Me respondam sinceramente... O que vocês permitem ? O que compartilham ? O que vocês doam ? Até eu já sei a resposta.

Nada apenas do que seu discurso raivoso (já batido à décadas) - que acaba contagiando legiões de pessoas (infelizmente) que passam a agir com a premissa do odiar e que são capazes de sobreviver com base no ódio. Seu discurso se espalha e vai contaminando boa parte da sociedade de modo que odiar e espumar em ódio passa a ser convencional - vide o descaso do Twitter com a Lolinha e a pobre Camila.

Compreendam. Somente isto: compreendam. Honrem esse cérebro (se o tiverem).

O mundo precisa de equilíbrio e felizmente temos pessoas como a Lola para contrabalancear a algazarra intensa e maciça na qual vocês fazem e a que somos obrigados a viver (afinal - vivemos em um mundo super machista, graças a pessoas como vocês - propagadores do ódio).

O que o mundo menos precisa neste momento é de mais gente querendo ser a “última bolacha do pacote" (alguns mascus fazem isso por atenção, sério), de menos racismo, menos LGBTfobia, menos preconceito, menos brigas... Seria tão melhor ! Porque vocês não colaboram com isso ?! Que raio de criação vocês tiveram ?!

Se somos tão "vitimistas", porque vocês não fazem uma experiência ? Por exemplo, vocês dizem que homofobia não existe. Então tá.

Peguem um amigo mascu e vão pra rua. Vão para um local bem movimentado, perto de bares no centro da cidade ou algo do tipo. E se permitam dar um selinho. Sério, nada que afete a masculinidade de vocês (ou um selinho já pertubaria ela ? Suspeito isso, hein ?). Vejam a reação dos presentes. Provavelmente alguns machistas (como vocês) mais corajosos irão opinar ou lhes agredir. Tendo em vista essa experiência, nós que bancamos "os coitadinhos" ? Ou realmente somos as vítimas de um sistema OPRESSOR ?

Parem de confundir a internet com um vaso sanitário. A internet não é um local feito para você descarregar as raivas de sua vida frustrada. Assim como em um banheiro, outras pessoas utilizarão a internet junto com você.

Essa noite antes de deitar na cama, faça a pergunta: estou confundindo a internet com o meu banheiro? Se a resposta for “sim”, releia o texto. E por favor, mantenha sua "merda" só para você.

Anônimo disse...

Continuação do comentário anterior...

Mantendo essa merda, quer dizer, "opinião" (será ?), para você - irão impedir que pessoas morram. Pois é, ato de heroísmo.

Os prejuízos do machismo na vida social são diversos, sobretudo se o propagador dele tem tribuna, palco e admiradores, pois, dessa maneira, este ódio não será debelado. Pelo contrário, será fortalecido.

O mundo sempre permitiu que o ódio prosperasse e no mundo atual não é exceção. Assim, o amor sucumbe e perde espaço. Restando-nos somente esperança. Como bem falado por Gandhi, “o mundo está farto de ódio”.

Se vierem me dizendo que o machismo não é ódio, por favor, vão se lascar.

Porque mata SIM. Mata jovens e crianças; mata senhoras e moças; mata pobres e ricas; mata trabalhadoras e desempregadas; brancas e negras; mata mães na frente dos filhos; mata filhas para o desespero das mães. No fundo, mata famílias inteiras, deixando órfãos e desamparados.

Mata travestido de ciúmes, posse, excesso de zelo, paixão, servindo para "justificar" atos abomináveis.

Todos os dias, a cada hora, cinco mulheres no mundo são sacrificadas por homens violentos. E eles fazem isso por uma razão só: enxergam as mulheres como um objeto ao seu dispor, que pode ser usado e descartado no momento que desejarem.

Vocês concordam com essa visão ? De que mulheres são objetos, homossexuais são pecadores,egros são "macacos fedorentos" ? Então, de coração, se encaminhem para um psiquiatra urgentemente.

E deixem o feminismo em paz ! Só queremos exatamente isso: PAZ ! Se não concordam com a paz, bem... Saibam que, como a Lola falou, não desistiremos dela.

Anônimo disse...

Você é CONTRA as idéias dela ? Por qual motivo ?

São doentes mesmo. A doença chamada machismo foi implantada na mente deles e... Deu nisso.

Todo machista é psicopata, querida. Perceba isso antes que conheça um... Conselho de amiga.

Anônimo disse...

Ola Lola,

A única vez que resolvi enfrentar os chans, no dia seguinte a minha conta do facebook foi invadida

Na dúvida, me calei

Invejo a sua força!

Bons fluídos!

Anônimo disse...

Entra em anónimo e fale com algum hacker. Nada melhor que fazer eles provarem do proprio veneno.

Anônimo disse...

Lola, sua maravilhosa! Lidar com sociopatas não é para qualquer um, tem que ter muita força, equilíbrio e personalidade. Esses caras são tão, mas tão imbecis e desnecessários que só mostram o quanto sua luta, suas palavras são importantes para a humanidade. Muita luz querida Lola!

Anônimo disse...

Exemplo de feminista forte que nunca desiste de lutar pelos seus direitos

Anônimo disse...

Lola como vc vê a possibilidade de Marie le pen assumir a França? E o muro de contenção de imigrantes na fronteira com o México?

lola aronovich disse...

Não acho q Le Pen tenha chances concretas. Pelo menos espero que não! A extrema direita pode chegar a ter 20% ou até um pouco mais na França e no Brasil, na figura do Bolsonaro. Mas enquanto houver dois turnos, não ganha, porque a rejeição sempre será maior. O pai da Marie concorreu à presidência várias vezes, e foi um choque quando, em 2000, ele foi ao segundo turno. Mas não ganhou. Ganhou nos EUA no voto indireto, no colégio eleitoral, porque no voto direto não ganhou.
E sobre o muro, tem muita coisa que é só promessa populista / sensacionalista do Trump, mas que não vai acontecer. Um muro sairia caro pacas, e o México não vai pagar. E, depois da vitória do Trump, quem deve querer construir muro é o México!

Anônimo disse...

Lola,já que falaram em muro, diga o que vc achava do muro de Berlim,construído pela Alemanha oriental comunista para impedir seus cidadãos de emigrarem

lola aronovich disse...

Eu era contra e fiquei feliz quando foi derrubado.
Agora falar do post, condenar misóginos que atacam e ameaçam mulheres vc não quer, certo?

Anônimo disse...

"Todo machista é psicopata
Todo homem é um estuprador."

Desculpa querida, mas nao da pra discutir com vc MESMO.
Fica pra proxima.

Discutir com gente assim eh que nem discutir com crente, testemunha de jeova..

Aline disse...

Lola, você é um exemplo de força e perseverança. Um exemplo para todas as mulheres.
Um abraço, tudo de bom pra você, que esses vermes tenham a punição merecida logo! Estamos todas cansadas de tanta impunidade.

Anônimo disse...

E você, anônimo das 11:54, por que não compartilha o que pensa de trump e seus histórico com as mulheres e os negros? Ou melhor, conte aqui para todos seus pensamentos em relação a essas minorias que sofrem todo dia com tratamentos que lhes fazem sentir cidadãos de segunda categoria. Acredita nisso? O que deve ser feito em sua opinião? Não apenas pergunte o que te convém, responda também e se expresse. A não ser que tenha muito medinho para tal.

Anônimo disse...

Alguem aqui me explica por que acham que se sua posição é mais de esquerda você automaticamente é comunista e quer uma venezuela/coreia do norte da vida? Quer dizer entao que você ser de direita te faz um hitler ou um trump da vida? (por mais que tenha o socialismo no nome, a propria alemanha admitiu que o partido do lider nazista era de direita, nao adianta negar. Mas nao fiqe triste que a esquerda ainda tem a coreia do norte nas costas, que apesar de ter democratico no nome nós sabemos que nao passa de uma piada essa "democracia"). Sério que o cérebro dos brasileiros atrofiou a esse ponto pra "ganhar" uma discurssao ou ofender alguém?
Hoje em dia ninguém quer se dar o trabalho de estudar política e falam com uma propriedade que dá vontade até de rir.

titia disse...

11:54 você sempre pode criar um muro em volta do seu quarto e não sair de casa nunca mais. aça ao mundo esse IMENSO favor.

Anônimo disse...

A mesma praça, o mesmo banco... eles não cansam dessa babaquice não?

Anônimo disse...

Nem criatividade pra fazer meme esses reaças tem. Aquele meme dos peixes mortos foi originalmente feito pra zoar o Bolsonaro, Lola se esse tipo de gente tá incomodado com VC,pode ter certeza que é pq VC tá fazendo a coisa certa. Camila falou que misoginos são fracassados e são mesmo,esse ataque que ela recebeu só provou isso. Eles sabem que tao perdendo espaço na vida real,resta a eles mostrarem suas frustrações na internet. Nós estamos passando por tempos difíceis e eu ando meio desanimada mas me conforta saber que nós tivemos momentos piores e conseguimos nos reerguer e eles não vão nos calar nunca mais.

Anônimo disse...

Ah, então você discorda que o machismo é um sintoma psicológico (psicótico, no mínimo) ?!

Sério ?! Eu acho que é SIM uma doença. A doença do patriarcado. E talvez o mais difícil de tudo talvez seja assumir que seja uma doença social.

Sim, pois é. Vamos ao fato. Imagine esse caso assustadoramente comum: uma criança de 11 anos é estuprada.

Você (se tiver dignidade) concordará comigo, o tal homem que realizou o estupro é um doente para fazer uma coisa dessas, não é “normal”.

Porém, as pessoas acham que para um homem estuprar uma criança, muitas vezes sua própria filha, sobrinha, enteada, irmã, necessariamente tem que ter uma doença mental.

Entendo a linha de pensamento, porque para nós, pessoas com um mínimo de caráter e humanidade, esse tipo de crime é a coisa mais nojenta, desprezível, e absurda que alguém pode fazer, então, temos a tendência de achar que para realizá-lo é preciso ter algum distúrbio.

Pois bem, vamos aos dados: Disque 100 recebe quase cinco mil denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes nos primeiros quatro meses de 2016.

Bom, se todos os homens que abusam de crianças e adolescentes são doentes, tenho uma notícia para dar: existe uma “epidemia” de doenças psiquiátricas nesse país, e que apenas homens se contaminam.

Não se engane, não tente colocar na sua cabeça, para se sentir melhor, para se afastar dessa realidade sombria, que o abuso é fruto de doença mental. O abuso é fruto de uma cultura que tem se instalado na nossa sociedade: a cultura do estupro. Os homens, pais, irmãos, tios, avôs, vizinhos, desconhecidos, tem dentro de si a certeza de que nós, mulheres, existimos para lhes dar prazer, custe o que custar. Aprendem, desde pequenos, “que homem é assim mesmo”, “eles não conseguem se controlar”, “que mulher é tudo piranha”, “que, no fundo, elas gostam”, e reproduzem isso, muitas vezes, dentro de suas próprias casas.

A doença não é da mente, é da sociedade, e se chama MACHISMO !

Anônimo disse...

Voltando ao seu comentário, você diz que "todo homem é estuprador". Não, sabemos disso. Todo homem NÃO é estuprador. Mas, porém, entretanto, todavia...

Todo homem é um estuprador EM POTENCIAL.

O que isso quer dizer ? Eu explico.
Quando se diz TODO HOMEM É ESTUPRADOR EM POTENCIAL, não estamos acusando todos os caras. Não estamos dizendo que todos os homens tem um chip com um botãozinho “ESTUPRADOR” pronto para ser ligado.

Quem afirma que a expressão é sobre isso, sinto muito, é muito mal informada ou mau caráter e acaba ferrando com uma expressão porque usa para ofender e atingir homens.

A expressão se refere ao fato de que estupradores não tem “cara de estuprador”. Não são facilmente descobertos e que, para nós mulheres, o medo e o risco é constante justamente por não sabermos quem e quando podemos sofrer um abuso.

Pode ser um pai, um padrasto, um tio, um amigo da família, um professor, um pastor, pode ser o chefe, o amigo de trabalho, o melhor amigo quando bebe, pode ser até mesmo o namorado ou marido. E, claro, pode ser inclusive um desconhecido que nos pega na rua.

A expressão fala de como para nós, mulheres, o perigo de ser estuprada é real, intenso e assola não só a nós, mas também aos homens QUE NÃO SÃO NEM JAMAIS SERÃO ESTUPRADORES diante de suas mulheres amadas (mãe, irmã, prima, tia, filha, esposa, etc).

Tantos e tantos casos provam, sim, que não podemos achar que só porque um cara é legal, bonito, trabalhador, inteligente, galanteador, amigo de todos, da família, etc, ele não pode vir a ser justamente quem atenta contra nós.

Pelo contrário, nós passamos o tempo todo revezando entre zelar por nossas ações e as ações dos caras que nos cercam e que podem ser um sinal de que há algo errado e que possa passar dos limites.

Então se você é um homem decente e um pouquinho inteligente vai entender que essa expressão NÃO É SOBRE VOCÊ E NEM PARA TE ATACAR. É sobre como nos sentimos ameaçadas até mesmo nos locais que deveriam ser nosso porto seguro.

É como temos medo por nossas filhas, irmãs, tias, amigas, conhecidas, igual vocês também tem, tanto que vivem para leva-las e busca-las, vivem para saber com quem estão, onde estão, porque vocês também reconhecem que TODO HOMEM É ESTUPRADOR EM POTENCIAL, mesmo que você saiba que você não é. Porque você também teme que outros caras sejam.

Sendo assim, entendam: não é sobre você. É sobre como nos sentimos ameaçadas e sem saber quando e em quem confiar.

Por fim, você falou que não dá pra discutir comigo. Uma pena, pois realmente gosto de debates, eles me enriquecem. Mas, como eles empobrecem os ignorantes, entendo que prefira não debater.

E ao me comparar com Testemunhas de Jeová e crentes, me fez rir bastante. Eu, ateísta, no "mesmo saco" que aqueles que batem de porta em porta pra expor o Deus que crêem, foi cômico. Obrigada pela piada.

Anônimo disse...

Infelizmente não. Acho que essa gente ficou com o cérebro imortalizado na quarta série B hahahah !

Mia disse...

Lola, as contribuições para custear a ida da advogada até Curitiba podem ser feitas via depósito na conta que você geralmente divulga aqui no blog?

lola aronovich disse...

Sim, Mia, as contribuições podem ser feitas na conta do Banco do Brasil ou na do Santander. São as duas únicas contas que tenho. Também podem ser feitas pelo Paypal, só que aí tem desconto de 10% que vai pro Paypal. Qualquer contribuição é muito bem vinda. E se alguém precisar do meu CPF (tem banco que pede pra transferências intercontas), é só me mandar um email: lolaescreva@gmail.com
Obrigada!

Anônimo disse...

Já tracei todo o seu perfil, MANA.

Já estou bem vacinade com esses tipos de argumento.

Vc so repete o que todos falam. Por isso facil é facil de debater com vc.

"A doenca do patriarcado"
Frasinha de efeito. Assim como "o mundo esta doente", "aqui è o inferno"

Vc nem mais acredita na sociedade. So lamento.

"Apenas os homens se contaminam com a doença"

Alo? Tem alguem ai?
Ou esta cega pela sua ideologia, que mulheres sao santas, seres angelicais, incapazes de cometer qualquer crime.

Vc sabia que mulheres cometem mais crimes e violencia contra criancas e pessoas idosas?

Nao ne?

Nao acredito em cultura de estupro NO BRASIL, onde nos estamos agora. Me desculpe.

Eu acredito em HISTERIA.

Ah ta querida. Esqueci do POTENCIAL ne?

Esta escrito pela CLERA que eh: TODO HOMEM É ESTUPRADOR EM POTENCIAL.

Isso me lembra os mandamentos da igreja. O que me remete aos testemunho de jeova anteriormente.

"TODO homem é estuprador em potencial, nao estamos acusando TODOS os caras"

Oi??? Vc acabou de falar isso na MESMA frase.

Vc fala que a mulher nao sabe quem eh o estuprador e etc.. por isso ela tem medo. Okay.

A dignidade da mulher esta ACIMA da propria MORTE.

Que coisa mais religiosa, nao eh msm?

Vc sabia que mulheres tbm estupram?

Okay. Eh um caso raro.
Mas quem me garante que vc nao eh uma?

"Nós mulheres nao sabemos em quem confiar. Somos pessoas indefesas, fracas"

Que melodrama! Em que vc confia alem de vc mesmo? Se eh q vc confia em si mesma.

No seu pai? Um potencial estuprador?


Anônimo disse...

Honestamente? Eu tenho medo de comentar aqui, as vezes, com meu perfil verdadeiro, apenas por causa dessa galera maluca, que pode cismar de me pegar pra cristo e ficar fazendo zilhões de coisas, montagens, comentários, coisa e tal. É uma merda. Pq eu não tenho vergonha de ser feminista em 99% dos lugares, apenas aqui. Acho que infelizmente é nisso que eles acabam se fortalecendo. Forçando mulheres a se esconder... mas um dia isso vai acabar.

Mona Azevedo disse...

Lola, assim que meu décimo terceiro pingar na conta, mando minha contribuição para viagem da sua advogada. Bjs

Anônimo disse...

Também saquei seu perfil, querida, relaxa. Quer contestar tudo e todos, não é ? Pois bem, vamos às réplicas.

Frase de efeito ? O modelo da família patriarcal esteve na base de formação social do Brasil, em que o homem era o chefe absoluto da família. Sabe, muitos aspectos de nossa sociedade podem ser compreendidos a partir dele (tais como o machismo). Então não considero como uma frase qualquer, mas uma triste realidade. Lamento que você veja dessa forma.

Anh, acredito na sociedade sim. Acredito no amor, na bondade, no respeito. Eu entendo a sociedade como o Mar (uma metáfora, com licença). Só porque algumas gotas estão sujas - não significa que o mar inteiro está imundo, né não ? Assim como existem alguns machistas - isso não significa que todos são necessariamente assim.

Sabia que as mulheres cometem crimes, sim. Sei que muitas são psicopatas, assassinas... Verdadeiras serial killers. Não, não somos santas, obrigada pelos elogios. Os próprios machistas dizem que somos tudo "vadia interesseira", né ?

Eu sei disso. Mas você analisou as estatísticas, pelo menos ? Em que o número de homens que cometem esse tipo de crime é infinitamente maior que os crimes cometidos pelas mulheres ? Não né ?

Então, se formos analisar do meu ponto de vista - como as mulheres são uma pequena porcentagem e os motivos que as levaram a cometer os crimes são, na maioria das vezes, diferentes dos homens - não considero o machismo como causa principal dos crimes cometidos por mulheres. É mais uma questão de doença mental mesmo. Sabia ? Não são todos os doentes mentais ou criminosos(as) que são machistas.

Pois é, haja estômago (ou cérebro) para entender isso.

Não acredita em cultura do estupro ? Sério ? Problema seu. Já cansei de debater sobre esse assunto, e se você não for tão preguiçosa, pode achar posts (e guest posts) muito interessantes por aqui. Sugiro que leia antes de vier falar que não existe.

Não, querida, não estou julgando todos os homens de serem isso. Você pelo menos terminou de ler o comentário antes de falar isso ? Ou realmente não sabe interpretar ? Leia de novo o que eu falei, talvez você entenda. A esperança é a última que morre, não ?

Não falei que a dignidade da mulher está acima da própria morte dela. Prove onde eu disse isso, por favor.

Bem, mulheres também são estupradores em potencial. Mas você vive com medo de ser estuprada por uma ? Como você falou, é um caso raro. Mas infelizmente acontece. Porém, é muito difícil, você não precisa VIVER com esse medo, saca ? Já com os homens, é outra história.

Bem, não disse "indefesa" nesse sentido. Porém, a divergência dos níveis de força física entre homens e mulheres cria uma pequena desvantagem, confesso. Mas temos mulheres bem fortes, assim como temos homens fracos, né não ?

E você estudou alguns casos de estupros ? Tu viu que a maioria aconteceu com mulheres embriagadas ou que não tinham como se defender ? Não né ? Pois é.

Aliás, sim, meu pai, sendo homem, é um potencial estuprador. Mas não o é. Porém há muitos casos de pais que já estouraram a filha, acredita ? Eles não eram potenciais estupradores ?

Mila disse...

A impressão que eu tenho é que pode tudo na Internet: pode atacar os outros, pode xingar, humilhar, fazer montagem, caluniar, ameaçar de morte, ser racista, fazer apologia ao estupro, fazer apologia ao nazismo que nada ocorre. Já tem uns 5, 6 anos que ouço falar dos mascus e vejo eles se aproximando cada vez da camada mais superficial da Internet atraindo a atenção de moleques "zoeiros", misóginos e anti feministas e agora o antipetista (leia-se petismo como tudo o que não é da direita, mesmo se a pessoa nunca abriu um livro de Marx). Foram expostos até pela Globo, onde derramaram racismo em rede nacional. Continuam caçando e xingando feministas em qualquer rede social. Nada acontece. O que será que as autoridades esperam para tomar atitude, alguém morrer? Se um blog progressista/de esquerda fizesse metade dessas atrocidades, pode ter certeza que os autores já estariam sendo expostos e na cadeia.
E Lola, eles te ameaçam de processo por calúnia e difamação né? Já vi um comentário aqui de um desafeto seu que eles fazem isso para você perder tempo e dinheiro com as custas processuais (pois processam mesmo sabendo que vão perder). Isso não é lesar ou atrapalhar o Poder Judiciário? Não há nenhum mecanismo que permita ao Judiciário identificar essa má fé?

titia disse...

23:40 histeria mascu at it's finest. Tu não tem mais o que fazer não, mascu com pepeca (se é que tem uma mesmo)? Vá pegar um livro pra estudar, digitar um currículo, abrir os classificados pra procurar um emprego, ler o blog antes de chegar aqui vomitando mimimi mascu, que tal?

Mila, pior que aqui é assim mesmo. É só ver como a polícia age com crimes contra a mulher, ela vai na delegacia denunciar, ah madame, não podemos fazer nada, ele ameaçou, desrespeitou a ordem de restrição, quebrou as janelas do seu carro, telefonou 20 vezes pra fazer ameaças de morte, mas isso não é sério o suficiente pra polícia agir. Depois que a mulher foi assassinada é que as forças oficiais fazem alguma coisa. O caso do menino Joaquim, que foi assassinado pelo pai e pela madrasta? Todo mundo sabia que o menino era agredido, a família inclusive, mas ninguém faz nada(nem mesmo os familiares do garoto) até ele aparecer morto. Nesse país, crimes contra mulher, criança, negro e pobre não são importantes. Presteza na investigação só se a pessoa em risco for um homem branco hétero e rico. O resto pode se foder.

Anônimo disse...

Exemplo de q só vamos mudar os métodos, estamos aprendendo com vcs seus otários. Vamos falar mais ainda

Anônimo disse...

o pior é quando uma mulher apoia homem a fazer esse tipo de coisa na internet, tem uma mulher que trabalha em empresa que tem banco de dados financeiros e permite que seu marido utilize seu login e sua senha para pegar dados pessoas e fazer chacota na internet, passando trotes e falsas vendas em site como o olx, passando o endereço de suas vítimas como ponto de venda de drogas e coisas piores

Anônimo disse...

Lola,sou leitora do seu blog há quase cinco anos e minha admiração por você só cresce.Sinceramente, eu não teria a mesma calma e coragem que você em não.Fico angustiada só de ler seus relatos.Infelizmente lutar pelas minorias virou crime nesse país hipócrita.

Anônimo disse...

https://vk.com/shiny_flakes