quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

DIRETO DO PAÍS ONDE SE COMBATE O FEMINISMO, NÃO A VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES

"Vivas nos queremos": em Buenos Aires, em outubro. Quando será aqui?

O caso de Débora Soriano é assustador. Ela era feminista, era militante, fazia parte da União da Juventude Socialista e da União Brasileira de Mulheres. 
Era evangélica, tinha 23 anos e dois filhos. Semana passada, na manhã do dia 14, ela foi a um bar na Mooca (SP) com amigos, entre eles Willy Gorayeb Liger, gerente do bar e primo do dono. Willy disse ao dono, por telefone, que "perdeu a cabeça" e matou Débora dentro do bar usando um taco de beisebol. 
Há também fortes indícios de estupro. Willy já tinha uma mandado de prisão em aberto e respondia por estupro e roubo. Agora ele está foragido (UPDATE: ele foi preso no interior da Bahia na casa de familiares em 23/12 e está preso. Ele confessou o crime).
No domingo, houve um ato na Av. Paulista chamado Nenhuma Débora a Menos. Provavelmente não foi muita gente, porque não vi nada nos jornais. 
Sei que é final de ano, sei que estamos todas exaustas e desanimadas depois de um 2016 tenebroso. 
Este ano deu tudo errado. Passamos o primeiro semestre dizendo "Não vai ter golpe. Vai ter luta!" Aí veio o golpe e não teve luta (ou teve pouca luta; os estudantes de escolas ocupadas certamente estão lutando). Imaginávamos que haveria uma grande mobilização depois do caso da menina estuprada por 33 homens no Rio. Seria uma nova primavera feminista. E não foi. Tivemos protestos em várias cidades, mas não atraiu grande público, nem foi algo contínuo.
Nossas hermanas argentinas continuam se revoltando e reunindo milhares de pessoas em protestos como o Ni Una a Menos. O caso mais recente (porque a violência contra as mulheres não para; lá uma mulher é assassinada a cada 30 horas por violência machista; aqui, uma mulher é morta a cada duas horas) aconteceu no sábado, quando uma mulher moribunda (que viria a morrer no hospital) foi encontrada empalada no meio de uma estrada. Quando teremos atos desta magnitude por aqui?
Um dos "reaças zueros" que diariamente combatem o feminismo
Enquanto isso, feministas (e outros ativistas de direitos humanos) vivemos numa terra sem lei. As ameaças a mim já tem seis anos. Minha família é ameaçada há apenas dois. O grupo que me ameaça opinou sobre o terrível assassinato de Débora num chan (cuidado, trigger warning):
Tirando a Operação Intolerância, que levou dois mascus pra cadeia (não por causa das ameaças a mim ou a qualquer outra pessoa), mais nada foi feito. 
Marcelo Valle Silveira Mello
Um dos mascus, Marcelo, voltou a fazer tudo que fazia antes de ser preso e continua solto. O sentimento de impunidade é tamanho que o cara fez prova de seleção de mestrado na mesma área (Ciências da Computação) e universidade em que leciona um professor que teve a filha menor de idade ameaçada de estupro, tortura e morte. Marcelo não passou na seleção, mas não por causa do professor em questão, que não fazia parte da comissão, e sim porque um outro professor resolveu ver o currículo Lattes dos candidatos na internet, e deu de cara com a ficha corrida de Marcelo. Agora Marcelo, sentindo-se excluído, promete atacar a UFTPR, assim como fez durante anos com a UnB, na qual foi alunos de Letras Japonês por alguns meses. 
Marcelo promete vingança a professor universitário
Anteontem, enquanto os misóginos cobravam de mim um posicionamento diante do escândalo Murilo Cleto, eu estava conversando via DM com uma professora universitária. 
Em novembro, ela trocou alguns tuítes comigo. E os mascus decidiram puni-la por isso (assim como puniram o professor da UFTPR, mas como ele é homem, não tem muito que fazer. Felizmente pros misóginos, ele tem uma filha, uma menina, que pode ser ameaçada de estupro). Colocaram o nome e telefone residencial da professora em sites de prostituição e de swing, fizeram montagens pornôs com a sua foto, e enviaram essas fotos ao departamento onde ela trabalha. 
Email enviado
Anteontem, mandaram a foto de uma mulher decapitada pra todo o departamento, perguntando se era a professora. À tarde, voltaram a enviar um outro email, também para todo o departamento, com o aviso que se a professora continuasse lecionando lá, eles cometeriam um atentado na faculdade, matando "pelo menos umas cem pessoas".
Isso configura terrorismo. A polícia conhece os casos. Todas as pessoas ameaçadas fizeram boletim de ocorrência. Mas não faz nada. Um dos delegados responsáveis por crimes cibernéticos está em licença capacitação há meses, e, aparentemente, não deixou substituto. O mesmo com o meu caso. Um grupo de proteção a defensores de direitos humanos conseguiu reunir meus nove BOs e levá-los para serem investigados pela Delegacia da Mulher, pois é um crime de gênero. Mesmo assim, está tudo parado lá desde o início do ano. Um advogado que me ajuda sequer conseguiu se reunir com a delegada. 
Guilherme, eu e Ricardo em casa
Mas não parece que toda a Polícia Federal está envolvida com Lava Jato e afins, já que restam alguns agentes para investigar quem fez ofensas racistas à filha de Bruno Gagliasso ou a Maju. Não estou desmerecendo, acho ótimo que haja investigação e condenação por racismo. Só que, por misoginia não ser crime, pode-se tudo. Faz um ano que o Profissão Repórter fez uma reportagem sobre feminismo e sobre as ameaças que recebo. O jornalista que me entrevistou, Guilherme Belarmino, por ser negro, também passou a ser alvo de ameças do mesmo grupo. A Globo entrou com um processo, mas nem o poder da emissora faz esse caso ir pra frente.
Algumas das muitas ameaças a Guilherme no chan de Marcelo
Então é assim. Vivemos num país em que mulheres são espancadas, estupradas, mortas, com grande impunidade. As únicas pessoas que tentam combater esta violência são as feministas. Essas pessoas, as feministas, são combatidas violentamente. 
E quando se fala em "indignação seletiva", frase favorita dos reaças, queria lembrar que reaças nunca se opõem à violência que feministas como eu sofrem. Nesses seis anos de ameaças praticamente diárias, nunca vi um só reaça condenar essa violência. Eles acham que ela é merecida ou inexistente, criação da minha mente, mimimi vitimista. Quando a Globo expõe essa violência num programa, o que um formador de opinião reaça como Danilo Gentili faz? Faz piada chamando a feminista de gorda. Ou seja, estão no mesmo barco. Porque isso tudo tem lado. Nossa agenda é lutar contra o machismo. A deles (e é um erro crucial pensar que eles não têm agenda, que ideologia é só a gente que tem) é lutar contra quem luta. 
Algumas ameaças são ilustradas
Que fique claro. Se você demoniza feministas, se você ataca feministas, se você chama talvez o maior movimento revolucionário do século 20 de "modinha da internet", se você se cala diante das agressões a feministas, se você faz graça com estupros e violência doméstica, não tem jeito: você é misógino. E você é acima de tudo ignorante, porque você também se beneficiaria de viver num mundo sem violência contra as mulheres. 

89 comentários:

Anônimo disse...

LOLA O QUE ACHA SOBRE LIBERALISMO ECONOMICO OU ANARCOCAPITAlISMO?

Anônimo disse...

Pois é, não é, Dolores.
Mesmo o cara tendo tirado uma nota boa e ter um currículo aceitável, não é suficiente, vamos por um crioulo cotista que mal sabe ler, hue.
É por isto que só se produz lixo no Bostil.

Mas que se foda também, só preciso aguardar para tomar posse no TRT9, hue.
Ai é coçar meu saco.
Vou lembrar muito bem deste professor Adolfo, vou coçar o saco 10 vezes mais, hue.
Quando me pedirem para fazer qualquer coisa que não seja ligar a merda de um cabo em um computador, vou dizer que não tenho capacidade para isto, que quando eu tentei me especializar em uma UNIVERSIDADE PÚBLICA GRATUITA o professor ADOLFO me tesourou porque eu era ex-presidiário.
Então, se hoje eu sou um funcionário público incompetente é culpa do ESTADO que não me permitiu me educar, hue.

A real é que eu como técnico vou ter um salário de 6200, quase que o mesmo que o professor ADOLFO, hue, que é doutor.

Quando der 3 anos e pegar estabilidade eu vou começar a atender o público falando gírias de bandido, hue. E vou começar a fazer corpo mole, hue.
Se o professor ADOLFO pode por quem ele quiser lá dentro eu posso coçar o saco no meu cargo público. O homem cordial, hue.

Rodolfo Abrantes disse...

Eu não a favor de nenhum tipo de violência contra as mulheres, seja fisica, psicológica, ou on line.

Tenho mãe jamais permitiria nehum tipo de violência contra ela.

Eu sou contra o feminismo, pois é um movimento que prega idéias sem fundamentos e propósito.

Isso não faz de mim um misógino.

Misógino e quem odeia as mulheres, eu não sou assim.

lola aronovich disse...

Assina com seu nome, covardão Marcelo das 17:13 . Não é vc que mata BO no peito? Cadê a coragem? Vc mesmo já admitiu o que qualquer pessoa que já te viu na vida sabe: que você morre de medo de mulher.
E para de mentir por um segundo. Vc fala em não fazer nada no serviço público (puxou sua mãe) há anos, muito antes do Adolfo entrar na sua vida. Ou melhor, de vc entrar na vida do Adolfo, pois é vc que está ameaçando uma menina de estupro e morte.
Mas sua hora vai chegar, Marcelo. Um dia a justiça volta a acordar e vc será mandado de volta pra cadeia. Senão, espero que vcs se matem entre si.
Ah, vc nunca será chamado pro concursinho que passou. O governo que vc apoia acabou com os concursos. Mas vc não precisa de dinheiro, né? Já tem a mamãe que te sustenta.

Rodolfo Abrantes disse...

Não sei de você irar pública, mais deixa eu dizer uma coisa.

A internet é lugar obscuro que esconde muita gente desiquilibrada e psicótica que usam do anonimato para extravasar suas loucuras.

Mais isso nem de longe e exclusividade das feministas ou das mulheres, homens também sofrem com ataques muitas vezes covardes.

Visto que você já denuciou e tomou as providências e nada foi feito, e visto que essas ameaças não pararam e te assustam você tem duas escolhas ou abandona de vez a internet ou aceita que isso é um ofício do oficio e para com Frescura de ficar toda hora reclamando.

Anônimo disse...

'Pau na buceta e pau na cabeça' e depois ainda tem um monte de feminista que se recusa insistentemente a ver que pau/pinto/pênis/piroca/caralho é usado pelos homens como arma de destruição massiva nessa guerra terrorista deles contra todas as mulheres.

Os homens entendem muito bem o que eles fazem contra nós e sabem direitinho as implicações e o significado de todos os danos que eles causam. Mas a maioria das mulheres parece se negar veementemente a enxergar a realidade sobre eles, mesmo quando isso está completamente exposto diante delas.

Anônimo disse...

Lola, por que você aceita esses comentários idiotas desse "Rodolfo"? Essas bostas que ele caga aqui não acrescentam em nada, só polui a caixa de comentários e faz quem lê essas merdas perder um tempo precioso da própria vida que poderia ser gasto de forma muito mais proveitosa. Nem leio mais nada que esse babaca retardado digita, quando vejo o nome que esse ser energúmeno assina eu passo direto pro próximo comentário. Recomendo a todo mundo que faça o mesmo, caso a Lola continue aceitando no blog os derramamentos de chorume produzidos por esse verme.

Anônimo disse...

Essa é boa esse tão de Marcelo não tem vergonha na cara tamanho velho saudável e nem trabalhar e pagar sua própria comida consegue precisa de mamãe, cara vai pegar uma enxada e vai capinar o quintal das pessoas, vai ser ajudante de pedreiro todo trabalho é digno, para só de ficar esperando ser chamado em concurso e explorar a mãe idosa.Quem é saudável tem que trabalhar nem que seja de voluntario.

Anônimo disse...

Se eu corta meu pau deixo de ser opressor,ou feminismo me odeia só por nasce homem.

Anônimo disse...

Quando vocês falam homens,transexuais estão inseridos em seus conceitos geralista e coletivista,uma vez que o individuo morre em sua percepção,e resta apenas um animal coletivista violento chamado homem.

lola aronovich disse...

Anon que não teve seu comentário aprovado, este é um blog feminista. Se vc acha que eu permito comentários ou links pra vídeos misóginos que chamam uma vítima de estupro de "marmita do tráfico", vc está bem enganado. Vai se tratar.



Anon das 18h, estou bloqueando a maior parte dos comentários do Adolfo, mas alguns eu permito porque são tão ridículos que chegam a ser divertidos. Pelo menos a Titia tá se divertindo respondendo o energúmeno.

Anônimo disse...

Lola, não sei se você acompanha as "tretas" do Youtube (se não acompanha não está perdendo grande coisa), mas aconteceu uma coisa interessante: o babaca do Nando Moura perdeu um processo para o Tico Santa Cruz. Ele vai recorrer, mas essa vitória inicial já tem algum valor simbólico por mostrar que sair falando merda contra outras pessoas pode sim ter conseqüências.

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/quem-e-nando-moura-metaleiro-de-extrema-direita-que-foi-processado-por-tico-santa-cruz-e-perdeu-por-pedro-zambarda/

Anônimo disse...

Trolls desocupados como o Rodolfo ou são masoquistas ou carecem de atenção. Se diz contra o feminismo mas dá F5 no blog da Lola.
Continuem assim. Dando ibope pro feminismo com o chororô e a psicodelia argumentiva

Flavia disse...

Lola, eventualmente leio os textos que você publica no blog. Admiro sua força, coragem e paciência em lutar contra a misoginia (e os misóginos). Um veículo que poderia disseminar o feminismo e fomentar uma conscientização da situação da mulher no Brasil e no mundo seria as revistas femininas. Se, ao menos, outras mulheres começassem a se conscientizar sobre o lugar delas no mundo ("lugar de mulher é onde ela quiser"), creio que seria mais difícil para os "machos beta" cantarem de galo. No entanto, essas revistas são as primeiras a reproduzir uma visão estereotipada da mulher e machista em muitos aspectos. Acho que seria interessante se você redigisse um texto sobre o assunto. Um beijo. Força sempre.

Miriam Andrade disse...

Sim, concordo com tudo o que foi dito neste texto, principalmente, adorei o final =)

As feministas são o maior movimento revolucionário do século XX, e todas as mulheres do mundo devem suas vidas ao feminismo, pois sem ele, não poderiamos trabalhar, relaxar, namorar, comer, respirar e nem sequer nascer, uma vez que omens são em sua plenitude todos racistas, homofobicos e opressores de mulheres, apenas variando levemente em intensidade de opressão.

E ai de quem discorda, ai de quem ousa calar-se enquanto acusamos o machismo óbvio de nossa sociedade, pois é automaticamente misógino, e será merecidamente atacado pelo nosso movimento.

Heil Lola! o/

Anônimo disse...

Depois desse post ainda tem homem se fazendo de coitado aqui? Esse é o verdadeiro vitimismo. Tomem vergonha na cara de vcs.


titia disse...

Ah, atrás do computador é tudo machão matador de feminazi malvada... na hora de ir se explicar pra polícia e pro juiz um pacote inteiro de fraldas não é o suficiente. Não precisa nem ir pra polícia, aliás; veja se um desses frouxos se assume pras mulheres ao redor dele, morrem de medo da mãe descobrir onde eles andam. Ameace tirar print do que eles escrevem e mostrar pras mães, irmãs e chefes e veja como esses bostinhas se cagam de medo. São só uns franguinhos de granja se achando galos de briga.

Com licença, vou ali me autoflagelar em punição por fazer tal ofensa aos frangos e já volto.

Lola, por favor, não deixe que esses lixos poluam o blog por minha causa. Claro que eu adoro esculachar mascu, adoro ver eles estrebucharem e espernearem como os bebezões barbados que são (que me perdoem os bebês), mas os comentários deles ocupam espaço e no caso do Rodolfinho, não servem nem pra gente rir. Tanto mascu que serve pra dar aquela risada, pra quê desperdiçar espaço com o mimimi do Hitler-wannabe?

17:13 cara essa foi engraçada demais, huahauhauahua! Por que você tá aqui delirando em blogs feministas quando poderia estar fazendo o maior sucesso como humorista? Aí, esse é um dos comentários que dá pra gente manter, afinal serve pra fazer rir. Quem precisa de Pânico e Zorra Total quando tem os mascus delirantes?

Anônimo disse...

"pois é automaticamente misógino, e será merecidamente atacado pelo nosso movimento."

Vc tem medo de ser atacado? Qual seu medo? Que as feministas te chamem de misógino?

É isso?

Ou tem medo que alguma de nós envie fotos de homens decapitados pra sua empresa te ameaçando? Ou que ameacemos matar seu filho e seu pai? Que mandem ameaças de estupro pra vc?

Porque é isso que eu entendo como ser "atacado" pois feministas são atacadas dessa forma. Não tenho paciência pra homem com "medo" de ser chamado de machista.
Vai se foder, seu escroto vitimista de merda.

titia disse...

Miriam, acredite, eu tô te perguntando na boa fé: você é um fake do Rodolfinho Hilter-wannabe, recém dispensado na entrevista pra ser o humorista do blog, ou você é troll mesmo?

Em ambos os casos você precisa urgentemente arranjar um currículo pra escrever, meu bem.

Anônimo disse...

"Sim, concordo com tudo o que foi dito neste texto, principalmente, adorei o final =)

As feministas são o maior movimento revolucionário do século XX, e todas as mulheres do mundo devem suas vidas ao feminismo, pois sem ele, não poderiamos trabalhar, relaxar, namorar, comer, respirar e nem sequer nascer, uma vez que omens são em sua plenitude todos racistas, homofobicos e opressores de mulheres, apenas variando levemente em intensidade de opressão.

E ai de quem discorda, ai de quem ousa calar-se enquanto acusamos o machismo óbvio de nossa sociedade, pois é automaticamente misógino, e será merecidamente atacado pelo nosso movimento.

Heil Lola! o/"

Lola tenho uma pergunta, quer dizer que pode-se publicar qualquer bobagem aqui e desde que seja uma mulher, você aceita?

Pior que o que essa mulher falou nem é muito diferente do que você escreveu no seu texto mesmo.

lola aronovich disse...

Não aceitei um comentário que diz que é preciso investigar a vida da Débora. Afinal, ela era mãe solteira. De repente até de pais diferentes. Isso, pro mascu, deve ser levado em consideração quando uma mulher é estuprada e morta.
Eu só sei de uma coisa: quando esses caras com essa mentalidade morrem, ninguém sente falta.

Anônimo disse...


'Pau na buceta e pau na cabeça' e depois ainda tem um monte de feminista que se recusa insistentemente a ver que pau/pinto/pênis/piroca/caralho é usado pelos homens como arma de destruição massiva nessa guerra terrorista deles contra todas as mulheres.

Os homens entendem muito bem o que eles fazem contra nós e sabem direitinho as implicações e o significado de todos os danos que eles causam. Mas a maioria das mulheres parece se negar veementemente a enxergar a realidade sobre eles, mesmo quando isso está completamente exposto diante delas.

______________________________________________________________


E depois ainda insistem no mito do consentimento heterossexual. Não existe consentimento em uma sociedade machista que faz lavagem cerebral patriarcal em mulheres, principalmente as mais novas. Já repararam que mulheres quanto mais velhas sentem verdadeiro asco a presença de homens e querem cada vez mais distância deles? Por isto o alvo dos que portam uma arma de destruição em massa entre as pernas focam sempre nas "novinhas" porque elas são presas fáceis pra serem entorpecidas pelo mito do amor romântico e se tornarem comida pros lobos em pele de cordeiro que chamamos de homens. A verdade é que não tem como existir consentimento entre ovelhas e lobos.

lola aronovich disse...

E se ela fosse uma "vagabunda", mascu infeliz cujo comentário não aprovei novamente? Aliás, o que é uma vagabunda? Se ela fosse, merecia ser estuprada e morta?
MORRA, CARA.

Anônimo disse...

esse rodolfo abrantes é o mesmo lixomen do leonardo vieira, Lola bloqueia esse inútil tb, até pq vc já o bloqueou, ele só reapareceu aqui com outra identidade falsa

Mas agora sobre a publicação, a coisa tá ficando séria e cada vez pior, precisamos agir

Sugiro fazermos o mesmo q eles: terrorismo cibernético, é a única língua q esses patifes entendem, o estado falha completamente em nos ajudar, a sociedade idem. E eu acho lamentável a capacidade q um grupelho masculinista minúsculo tem de nos aterrorizar, não é possível, é como um rato assustando um elefante

ME OUÇAM: Se o estado não vai cumprir o seu papel e a sociedade não irá nos ouvir, nós feministas temos o dever de botar AS DUAS mãos na massa (ao invés de só uma, como estamos fazendo atualmente), temos q nos concentrar em eliminar nossos "inimigos" um por vez, a começar pelos mascus, q é a parte mais fácil, eles comparado à nós são apenas uma pedra no sapato. Eu fico completamente perplexa em ver como uma minoria ridícula consegue infernizar tanto a vida de milhares de feministas. Moças ACORDEM, demoramos demais pra MASSACRAR os mascus, e já q as autoridades "competentes" não fazem e não farão m*rda nenhuma, o trabalho é nosso, REPITO, vamos assumir o papel q o estado negligencia, vamos ACABAR com os mascus

Não é difícil, visto q o nosso "exército" é mais numeroso, temos q usar as mesmas armas q essas merdinhas: terrorismo cibernético, CHEGA de bancarmos as boazinhas e as politicamente corretas, isto não tem dado certo. Porém atenção, os mascus são só os nossos primeiros alvos, há muito mais pela frente, mas esses lixos precisam sair do nosso caminho de uma vez por todas, são a pedra no nosso sapato atualmente, e a tática do "terrorismo virtual" tb é temporário, não é a única nem a nossa maior arma, mas td tem o seu tempo, vamos agir aos poucos, e pra concluir, no contra-ataque nosso contra os mascus, vamos sim usar e abusar do mesmo veneno q esses fracassados, mas sem apelar pra criminalidade

AVANTE garotas, não achem que se ficarem aí paradas e abismadas as coisas vão mudar. AÇÃO, e se a preguiça é demais pra sair em protestos, por exemplo, massacrar mascus na internet é moleza, então não há desculpa

Rodolfo Abrantes disse...

Não seja modesta, você é tão engraçado quanto ele.

Rodolfo Abrantes disse...

O interessante nos críticas as meus comentários, a grande maioria nem sequer se deu o trabalho de ler.

Se tivessem feito teriam notado que eu claramente me posicionei contra o abuso de toda e qualquer espécie contra a mulher.

Nós cometários no outro Post, falei àquilo claramente em tom jocoso, para demostra como vocês feminista lidam com o contraditório, a única que me respondeu com o mínimo de argumentação ou seja( sem ofensas diretas) foi a titia.

Agora falando sério a violência contra mulher e uma chaga desses país, isso se deve ao claro desequilíbrio de forças física e sociais.

Mudanças só ocorreram quando a sociedade perceber que é necessário discutir a relação homem x mulher.

Temos que educar desde criança os meninos a respeita as meninas como seres pensantes e com direitos, e as meninas a não temer os homens.

Rodolfo Abrantes disse...

Continuação.

E difícil, o caminho é longo ,mais creio que com o tempo poderemos reduzir essa quadro que já tirou e vitimou várias mulheres no nosso país.

Temos que aparelhar as delegacias, preparar melhor nosso policiais a lidar com casos de violência doméstica e acabar com a impunidade no judiciário aperfeiçoando as nossas leis.

Sou contra o movimento feminista, por causa de pessoas como a anônima 23:20, antes que falem está bem longe de a única.

Mais sou totalmente a favor de erradicar a violência contra a mulher.

Hamanndah disse...

Rodolfo, sobre "educar as meninas a não temer os homens", um colega de trabalho meu, que estava mentalmente perturbado, tentou atirar em nosso chefe , em nossa colega, pegou de raspão em outra colega - que está bem, agora - acertou a cabeça de outra colega - que morreu horas depois - e, finalmente , depois de ter.infernizado onde trabalhamos, matou -se. Minhas duas colegas - a que morreu e a que se feriam- o temiam, meu chefe o temia.. ninguém sabe qdo um psicopata entrará armado no local de trabalho . Ok, existem mulheres psicopatas, mas, verifique as estatísticas, por favor, e seja honesto, não venha dizer que e 50 a 50, não . Fiquei escondida no refeitório com minha colega agonizante no chao ate entrarem bombeiros e policiais. Evidente que nem todo homem , nem toda mulher e violento(a), mas, como não temer 100% ? Vc ensinara sua filha a nao temer um namoradinho qur insiste em fazer coisas com ela que ela nao quer, por exemplo ? "Ah, filha, nao seja paranoica, confie no rapaz". Para sua filha a regra de "nao temer os homens nao vale, nao e?"

Anônimo disse...

" Um dos delegados responsáveis por crimes cibernéticos está em licença capacitação há meses, e, aparentemente, não deixou substituto."

Fale com seus advogados e entre com procedimento em sede de corregedoria, porque é o caso.

Anônimo disse...

"você chama talvez o maior movimento revolucionário do século 20 de "modinha da internet","

E não é?

miga, para que tá feio
lacrou
berro
apaga que dá tempo
se você não é A, então você é B

Quando tudo vira Meme e você tenta conversar a sério sobre o assunto e não consegue, fica difícil defender a imaturidade dos ativistas de Facebook né não?

Eu, feminista da velha guarda, não canso de me decepcionar com essas coisas.

Charle disse...

Embora em algum grau, possam ser machistas, do mesmo jeito q muitas mulheres também o são, a grande maioria dos homens que conheço definitivamente não é racista, homofóbico e nem opressor das mulheres. Essa generalização idiota (que até faço esforço de entender, ja que o machismo existe de fato, mas que é absurda) ajuda a afastar muitas mulheres da conscientização e do engajamento na luta feminista, sabia?
Recomendo mais reflexão antes de conclusões coml essa. Isso não ajuda no combate ao machismo.

Charle disse...

O extremismo machista e o feminista tão tomando conta dos comentários! Adoraria dizer que dos dois, fico com o feminista, mas não dá não. Melhor parar de ler os comentários.

titia disse...

Rodolfinho, você quer argumentação é? Ok, segura essa: não adianta você dizer que é contra a violência contra mulher e depois defender que elas devem ser escravizadas e oprimidas pelos homens, que o papel delas é inferior e sempre obedecendo a vontade do homem, etc. e tal. Isso também é violência e misoginia. Você é o típico machista que acha que misoginia e violência são apenas os extremos (bater, estuprar, ameaçar) mas o que você defende também é misoginia e violência. Portanto não, nós não amamos você, não acreditamos em você e nem vamos abandonar o movimento feminista pra fazer o que você, o típico lobo em pele de cordeiro, quer que nós façamos - e que seria apenas continuarmos na posição de objeto e escrava. Entendeu, fofo?

Agora, Lola, por favor bloqueia a nova identidade do Leonardo Vieira. Só o mesmo lixo que ele já repetiu dezenas de milhares de vezes aqui, e qualquer um que realmente se disponha a ler o blog ao invés de trollar já sabe porque essa postura dele não tem cabimento. Bloqueia e sejamos felizes sem esse encosto.

Ezco Musaos disse...

"Sou contra o movimento feminista, por causa de pessoas como a anônima 23:20, antes que falem está bem longe de a única."

---> A não ser que você se identifique com os mascus (ou seja um) não teria porque odiar o feminismo por causa do comentário da anônima. Sim, existem trolls que se passam por feministas, ou mesmo radfems, não há como saber, com seus comentários absurdos, mas eles não representam todo o feminismo. O feminismo é um movimento muito mais amplo. É bom se informar sobre o assunto sobre o qual queremos discutir, pra não sair vomitando asneiras internet a fora.

Ezco Musaos disse...

"Nós cometários no outro Post, falei àquilo claramente em tom jocoso, para demostra como vocês feminista lidam com o contraditório"

---> Trollar blogs feministas não é "expor o contraditório", é apenas ser idiota. Teve as respostas que mereceu.

"Mais sou totalmente a favor de erradicar a violência contra a mulher."

---> Sério? Desde que essa mulher atenda aos seus critérios de "merecimento de defesa", não é mesmo? Uma mulher que é ameaçada de morte a nove anos por lunáticos misóginos por simplesmente ser feminista não merece ter suas denúncias levadas a sério, não é mesmo? Esses reaças... Depois ainda acusam quem é de esquerda de indignação seletiva.

Anônimo disse...

23:20 concordo, estamos dando muito mole e enquanto isso os masculixinistas se proliferam igual ratos (q são)

Temos q dedetizar essa praga (mascus), não aguento mais ouvir relatos de como esses lixos transformaram a vida de alguém num inferno, cansei

Anônimo disse...

rodolfo, ou melhor dizendo: leonardo vieira

NEMLY E NEMLEREY

Miriam Andrade disse...

Rodolfo, já que o senhor está escrevendo de forma mais séria, vou tentar também responder o mais séria possível.

Não se faça de sonso. A violência contra a mulher decorre do machismo natural e corrosivo dos homens, que desde a idade da pedra, nos tratou como meros objetos e mercadoria. Homens, por não sentirem o machismo óbvio que existe na sociedade na pele, não o saberiam reconhecê-lo nem se estivessem eles próprios perpretando o dito cujo. O que de fato, é o que está fazendo aqui, tentando ditar para a feminista de maior renome no país como devem as feministas agirem.

A anônima de 23:20, na verdade, acaba de falar uma verdade: não existe um equivalente partindo das mulheres deste "terrorismo cibernético". Precisamos, mesmo, nos reunir para tentarmos coibir estes ataques machistas (que alias, fake troll das 21:55, era o que queria dizer com ataque, nada mais que uma defesa, um ataque preventivo)

E alias, devo mencionar que estou espantada com a falta de sororidade de algumas das mulheres daqui. Titia, você me acusa de ser fake, mas é você que nem assina o próprio nome nos comentários! Acredito que seja esta falta de sororidade de mulheres que só defendem a própria panelinha, como a "Titia", como a anonima de 23:20 também, que permite que machistas como o Marcelo Mello e o Rodolfo Abrantes nos ataquem tão facilmente.

Anônimo disse...

Na boa Rodolfo, vc é muito contraditório. Vc se diz contra a violência contra a mulher (quer aplausos por isso?) mas depois emenda que a Lola deveria aceitar as ameaças ou se retirar da Internet. E ainda diz que quando ela denuncia é frescura.
Quer dizer, vc não se posiciona contra a agressão. Você acha irrelevante que a blogueira tenha seus dados publicados, receba ameaças de morte e estupro e que todo mundo que se opor a esses malucos de internet recebam ameaças e fotos de pessoas decapitadas. E ainda trata tudo isso como frescura.

A violência contra a mulher não diz só respeito ao caso da Débora, que lamentavelmente terminou em morte. Antes de mulheres morrerem, muitas denunciam às autoridades ou aos próprios familiares as ameaças. Pessoas como você, que tratam reclamações como frescura, desencorajam vítimas a denunciar. E depois, quando são mortas, ainda têm a audácia de culpar a vítima com um "por que não denunciou".
Sabemos que você vem aqui para trollar e chamar a atenção para seus comentários sem pé nem cabeça. E trolls como você já tentaram pagar de bom moço, escondendo a misoginia. Aqui você não engana ninguém.

Rodolfo Abrantes disse...

Acredito que você me entendeu mau, educar a não temer nada tem haver com confiança.

Confiança e algo que se conquista com o tempo dentro dos relacionamentos e ela pode ser algo difícil atém mesmo nas relações do mesmo sexo.

O que acontece foi uma tragédia, e realmente o índices mostra que a violência tem muito mais propensão nos homens.

A sociedade e violenta, o ser humano é violento isso infelizmente é um condição. O que podemos fazer é desenvolver mecanismos de defesa e de prevenção.


Que um exemplo, o que motivou seu colega de trabalho a cometer esse crime? Estudar esse caso descobri a sua motivação( mentalmente perturbado e muito genérico, tem saber o porquê dessa perturbação o que causou) uma vez feita a análise e apontado o problema pode-se agir em cima.

Rodolfo Abrantes disse...

O que ocorreu na sua situação e algo infelizmente comum hoje em dia, as pessoas tendem a resolver seus problemas com violência ontem estava lendo um caso de cabeleireiro casado pai de um filho recém nascido, que foi a uma casa noturna(bordel) e ficou indignado porque uma garota de programa que ele queria estava com outro cliente.

O que ele fez, foi até o carro pegou uma arma e atirou matando 6 pessoas incluindo a gorata de programa e o cliente.

Rodolfo Abrantes disse...

O que esse triste episódio nos mostra e face violenta da nossa sociedade em que uma pessoa por se sentir contrariada se acha no direito de tirar a vida de outra.

Sou radicalmente contra as feministas, mais jamais tiraria a vida de uma delas por discordarem de mim. Essa guerra se vence no campo das idéias e dos argumentos.

Precisamos urgentemente a reavaliar a forma como nos relacionamos, será que esse modelo que temos hoje, onde vale tudo para ser ter o que quer, independente se isso vai machucar, mogoar, ferir ou matar outras pessoas.

Anônimo disse...

Querida Lola, lamento que a PF é tão inerte- e que não age se não há repercussão. Parabéns pela tua força. Desejo maravilhosas festas e que em 2017 teus objetivos sejam alcançados. Não esqueça que muitas pessoas te amam e admiram certo? Muito obrigada por tudo.

Anônimo disse...

Rodolfo Abrantes, NENLY E NENLEREI 2

Rodolfo Abrantes disse...

Só para entender, que dizer que a violência que existe no mundo é culpa exclusiva dos homens????? E isso????

João Luiz Pereira Tavares disse...

Sério em 2017, é:

a disfarçada truculência do PT. Evidente que o PT se utiliza de técnicas brilhantes de publicidade, mas ENGANA-TROUXA…
Petista apenas se preocupa com PSDB e outras ASNEIRAS. Amor enrustido! Só fala toda hora sobre PSDB etc. Petista nem se lembra do PT:
GOLPE e Coração Valente são clichês publicitários elaborados por 1 publicitário! Tal qual o preso do PT milionário JOÃO SANTANA (“Feira”…). São tais quais a frase publicitária de iogurte da DANONE, assim: «DANONINHO VALE POR 1 BIFINHO». [ou: “CVC pensando em você”].
Jamais houve GOLPE. Jamais DANONINHO vale por BIFE nenhum

Miriam Andrade disse...

Sim.

Anônimo disse...

Homem nenhum tem que gostar ou desgostar de feminismo. Feminismo não é pra vocês, HOMENS!!! Feminismo é das mulheres, pras mulheres e pelas mulheres. Mas se os homens não estão gostando e se mostram incomodados ou irritados com seu feminismo, mulher, isso é um indicativo de que você está no caminho certo. Avante, mulheres! Avante, feminismo!

titia disse...

Miriam eu perguntei se você era um fake por causa desse comentário:

"As feministas são o maior movimento revolucionário do século XX, e todas as mulheres do mundo devem suas vidas ao feminismo, pois sem ele, não poderíamos trabalhar, relaxar, namorar, comer, respirar e nem sequer nascer, uma vez que omens são em sua plenitude todos racistas, homofobicos e opressores de mulheres, apenas variando levemente em intensidade de opressão.

E ai de quem discorda, ai de quem ousa calar-se enquanto acusamos o machismo óbvio de nossa sociedade, pois é automaticamente misógino, e será merecidamente atacado pelo nosso movimento.

Heil Lola! o/"

Heil Lola? Me desculpe, minha filha, mas isso é apenas uma maneira indireta e mais elaborada de chamar alguém de feminazi. É por causa desse comentário que perguntei se você era um fake, porque ele não tem a menor graça nem contribui pro debate. Soa mais como um amontoado de palhaçadas mascu do que com uma ironia ao Rodolfinho mamãe-quero-ser-o-Hitler.

Anônimo disse...

Ua, no outro post vc não estava se gabando que os homens são responsáveis por toda a civilização enquanto a mulher ficou sentada fazendo nada? Se são responsáveis por tudo de bom da civilização porque não seriam responsáveis também pela guerra, violência, crises financeiras... ou na hora ruim as mulheres são tão responsáveis pelos homens?


Não tô concordando. Só que se você estabelece uma lógica de pensamento, você tem que segui-la até o fim. A não ser que admita que é contraditório, aí fica realmente difícil discutir com alguém que muda sua lógica de argumentação conforme conveniência.

Anônimo disse...

Entao as feminista devem parar de falar a verdade pra nao afastar as mulheres do feminismo?Como assim?É muito relativo dizer que um homem não oprime as mulheres, são tantas coisas entranhadas e normalizadas que talvez fique dificil de perceber pra alguem que nao é feminista.Oprimir mulheres não é só bater/ameaçar, o proprio ato de tentar silenciar mulheres porque ''not all men'' é uma opressao.

Anônimo disse...

O ''extremismo feminista'' não ta matando, estuprando nem infernizando a vida de ninguém.

Anônimo disse...

Acho que vc desconhece o que é feminismo, o que seria um requisito básico p poder se dizer contrário. Se vc é contra igualdade d gênero, vc acha q mulheres são inferiores, o q inclui a sua amada mãe.

Anônimo disse...

As pessoas são demitidas por desídia e não conseguem ser nomeadas se têm antecedentes criminais. Está cantando vitória beeeeeem antes do tempo.

Anônimo disse...

Lola, vc já cogitou levar o caso a uma corte internacional, como a CIDH? Foi o q Maria da Penha fez.

Anônimo disse...

Concordo. Se nao é pra mandar tomar no cu, não aceite.

Rodolfo Abrantes disse...

Não estou me contradizendo nao meu bem, só perguntei para ficar bem claro o posicionamento dessa moça.

Sabe um dia desse vi um programa de TV que conta casos de assassinato, assistir a maratona de episódios, a temática era crimes cometidos no hánbito doméstico.

Assistir a vatmrios episódios homens matavam sua s mulheres, mais a maioria que eu vi foi de mulheres que matavam seus maridos pelos mais variados motivos, seguro de vida, para ficar com amante, vinganças e etc.

Aí eu fico oensando,aos como pode se as mulheres são seres divinos, eticos, desprovidos de violência ou de sentimentos tacanhas como ganacia, luxúria e irá.


Se poder me responder te agradeço.

Rodolfo Abrantes disse...

Não entendi titia, se ela quiz dizer isso mesmo não é direito dela racionalizar dá forma que bem entender.

Ou mulheres só podem ser levadas a sérios em seus comentários, se tiverem o mesmo teor de frustração, recentimentos e despero como oa seus.


Parece aquelas pessoas, que acham que negro deixa de ser negro, só por ele descordar dos coletivos dá vida.

Anônimo disse...

Quando o feminismo incomoda os homens significa que ele está fazendo muito bem seu papel: causando mudanças no mundo e melhorando a vida para as mulheres. Mesmo quando essas mudanças desagradam os homens e as melhorias na vidas das mulheres os deixam muito irritadinhos, chateadinhos, emburrados, depressivos, cheios de inveja e ressentimento. Isso não é problema das mulheres, os homens que busquem tratar suas próprias frustrações e melhorarem. Não se acham tão superiores? Que se virem!

Bruna disse...

Eu acho que comentários do tipo dos anônimos que, falam sobre penis ser arma de destruição em massa, atrapalha novos visitantes que ainda não entendem o feminismo. Tem muita gente de fácil influência, que quer ficar na panela machista e procura qualquer argumento para invalidar o feminismo. Vira e mexe indico alguém vir aqui ler o blog. Se essas pessoas lerem esse tipo de comentário e acharem que vc, nós, apoiamos esse tipo de idéia radical, que de uma vez avacalha feminismo e lésbicas a pondo como misândricas, teriam mais motivo para falar.

Anônimo disse...

A intenção dos posts do tipo "omens", "anomalia y", etc, é exatamente esta.

Anônimo disse...

"o proprio ato de tentar silenciar mulheres porque ''not all men'' é uma opressao"


Não.

Anônimo disse...

"LOLA O QUE ACHA SOBRE LIBERALISMO ECONOMICO OU ANARCOCAPITAlISMO?"

não sou a lola, mas penso q posso responder:

UMA BOSTAAAA

Anônimo disse...

Lolissima, infelizmente a empresa.onde trabalho ganhou.um novo "Welington". Preciso fazer um email sobre.isso para guest post, anônimo, para minha segurança profissional devido.proibição da empresa de falar sobre isso. Eu sou aquela feminista contra o aborto, para vc se lembrar de quem fala. Grande beijo feliz Natal e Ano Novo

Anônimo disse...

Elo! Elo! Elo!
Com a titia comentando, os mascus vão se foder de verde e amarelo!!!

Anônimo disse...

Lolíssima, sou a anônima das 11:47

Infelizmente, não posso falar sobre isso, mas, aquela assassinato na Bahia semana passada, daquele bancário, foi um feminicidio e o alvo não foi o chefe, mas a empresa não deixa os empegados falarem sobre isso, por isso, não poderei falar. Veja na internet o caso do bancario que matou a colega e se matou

Um beijo da censurada

Anônimo disse...

Tava demorando a enxurrada de comentários anônimos castradores presunçosos cheios de "otoridade" tentando censurar feministas, radicais, lésbicas, etc. porque o feminismo precisa ser o mais agradável possível ao patriarcado e não assustar machistas. Como se misóginos precisassem de algum motivo pra jorrar misoginia por todos os poros a qualquer momento. Se quiserem alguma desculpa pro machismo e por alguma razão desconhecida não encontrarem facilmente, eles mesmos vão inventar uma na hora. Feministas não precisam ficar preocupadas em "se comportar" pra não desagradar o patriarcado, não precisam se preocupar com homens nem como eles vão se sentir e reagir em relação a tudo o que você fizer, pelo contrário. Mulheres não precisam ficar o tempo todo de olhos e ouvidos ligados nos homens, não precisam cuidar deles como se eles fossem bebês e vocês fossem as mãezinhas ou babás deles. Estão ganhando alguma coisa pra isso?

Anônimo disse...

Perguntar pra uma pessoa do espectro de esquerda o que acha sobre liberalismo e anarcocapitalismo é já saber a resposta "intuitivamente" kjkkkk

Anônimo disse...

"Anônimo disse...
"você chama talvez o maior movimento revolucionário do século 20 de "modinha da internet","

E não é?

miga, para que tá feio
lacrou
berro
apaga que dá tempo
se você não é A, então você é B

Quando tudo vira Meme e você tenta conversar a sério sobre o assunto e não consegue, fica difícil defender a imaturidade dos ativistas de Facebook né não?

Eu, feminista da velha guarda, não canso de me decepcionar com essas coisas."

De longe, o melhor comentario.O feminismo foi um movimento revolucionario no passado.hoje virou sim,uma modinha da internet.Tem muito discurso e pouco engajamento.As ativista so estao preocupadas em serem "lacradoras"(vide os comentario aqui no blog),como se isso fosse
atingir alguem.

Bruna disse...

pelo amor, eu não sei se este blog esta sendo sabotado por machistas se passando por feministas, ou se a raiva ta grande. Feminismo é igualdade, é não ser subjugada, etc. Mas começar com discurso homens X mulheres, não resolve, por mais cansadas que estejamos, não podemos deixar o ódio vencer. O objetivo não é ter homens contra nós e sim juntos, em pé de igualdade e discursos de ódio é um retrocesso para alcançarmos mais pessoas. Eu já entendi o feminismo ha anos, me educo ha anos e portanto sou prova que é possível entender e mudar, mas pra quem chega agora, esse discurso dos comentários dificulta muito atrairmos as pessoas pelo básico, elas se apavoram. Desculpa, Lola, mas tem uns comentários radicais, que mais atrapalham do que ajudam, deviam ser bloqueados.

Anônimo disse...

Ok, handmaiden.

In your dreams...

Bye!

titia disse...

Anons reclamando de "decepção" com o feminismo moderno, me digam por favor quem botou uma arma nas suas cabeças e obrigaram vocês a aderir que eu chamo a polícia. Senhoras, nenhum movimento é uniforme. Os movimentos são formados por pessoas, e pessoas tem pensamentos e ideias diferentes. Não sei por quê vocês chegaram a pensar o contrário, mas o feminismo não é exceção. Vocês querem ser gentis com os caras, as radfems querem evitar qualquer contato com homem, outras querem ensinar mas só se forem levadas a sério-prioridades diferentes. E isso é ok. Faz parte. Pelamor, de intolerantes com o diferente já temos os reaças e a machistaida toda, vamos alimentar ainda mais a discórdia? Afinal, não importa as diferenças ideológicas, todas nós queremos o fim da opressão de gênero.

Sabe aquela história de os canalhas projetarem nas mulheres as falhas deles? Olha aí Rodolfurher Léobrantes projetando o ser humano frustrado, ressentido com a falta de veneração ao seu pênis e desesperado pra achar que ter um par de bolas o faz especial em mim. Segura esse cu aí, rapaz, porque vou fazer uma revelação chocante: ter pênis não muda o fato de que você é um ser humano de merda.

Anônimo disse...

Pq vc usa "hue" como ponto final? É algum tipo d doença mental?

Anônimo disse...

Vou começar a te perseguir e te ameaçar d morte. Aguente feito homem, não denúncie. Não seja fresco.

Anônimo disse...

Titia, t amo vamo ser amigas <3

Anônimo disse...

Você detém a verdade? Sua opinião é a VERDADE. Sabe o que significa "verdade"? Você né nada presunçosa.
Vc não sabe de nada, se soubesse nem abriria a boca.

Anônimo disse...

Ahahahahah titia você é demaaaaissss!!! Ahahhahahahaha também quero ser sua amiga!!!

Segurem aí, mascus! Vocês vão ter que nos engolir!!!!!!
Ahahha sei que as mulheres são oprimidas, mas tenho até pena no patriarcado contra as feministas!!!!
Vou repetir o que já falei antes pros mascus: vai ter titia sim!!!!!

Anônimo disse...

Igualmente. Digo o mesmo pra você, seu merda!

Anônimo disse...

''Voce não sabe de nada, se soubesse nem abriria a boca'' Não querem silenciar mulheres não, imagina.

titia disse...

Eu também quero ser amigas de vocês, pessoal, vocês são o máximo. Vamos nos unir pra lutar que unidas somos fortes.

Anônimo disse...

Manda sua amada mãe para a arábia saudita. Depois dela ser vendida, estuprada e chicoteada, você pode agradecer aos muçulmanos.

Anônimo disse...

Esse blog é feminista e as mulheres aqui falam o que quiserem. Se achou ruim, vai foder seu namorado.

Anônimo disse...

Educação não é suficiente. O que realmente é necessário: PUNIÇÃO dos homens que estupram, que ameaçam mulheres na internet, que matam, que cometem violência. Chega de passar pano quente e desculpar criminosos. Quando tiver castração física no Brasil, ai sim o nosso país vai estar agindo seriamente.

Anônimo disse...

Você vai atirar na sua esposa caso ela não lave a louça? A fedelha auxiliadora vai ser estuprada quando não quiser sexo?

Anônimo disse...

Muito provavelmente sim, viu Anon... Altas chances que seja uma espécie de desequilíbrio mental.

Unknown disse...

Leia a revista azmina.

Unknown disse...

Ah, mas ela sabe. Rimos com ela tirando vocês o tempo todo! E rimos de vocês, pela capacidade de sempre serem os palhaços do bonde.

natalia disse...

Lola,
a minha vida inteira (tenho 52 anos) convivi com homens e mulheres machistas. O triste é que a maioria são homens e mulheres classe média baixa, então as mulheres trabalham fora e dentro de casa e ainda tomam como verdade um monte de bobagens machistas que persistem até hoje, como por exemplo, antes mal acompanhada que só. Todavia, apesar do machismo reinante, nenhuma mulher que eu conheço foi assassinada por um desses machistas. Portanto, penso que, apesar das idéias retrógradas, são poucos os homens que se dispõem a matar suas companheiras, esposas, amantes, etc. Por isso, penso também, que esse povo que lhe ameaça e a outras mulheres, são mesmo uns doentes e covardes, pois os machistas que conheço fariam picadinho desse povo que ameaça estuprar e cortar a cabeça de quem quer apenas ter seus direitos reconhecidos. Na minha opinião, o problema com esses loucos é que eles conseguem influenciar outros loucos e aí sim, acontecem essas coisas horríveis, mas sozinhos, são uns covardes e ignorantes.

Amanda Cavalcante disse...

Parabéns pelo blog, em especial por esse post. Quero pedir um espaço pra divulgar um curta que produzi no ano passado sobre o assunto em questão. Quando tiver um tempo dá uma olhada, essa luta é nossa! segue o link: https://www.youtube.com/watch?v=hz6o0d8X0r8